O legado p/ a democratização da comunicação

0

  “O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Por Fernando Fagundes (jornalista e consultor de comunicação) publicado na edição 776 do Observatório da Imprensa em 10/12.

MARCELO DÉDA (1960-2013)

A tristeza em relação ao falecimento de Marcelo Déda é intensa. O povo sergipano o reelegeu pelo mérito da competência administrativa, não há dúvida. Mas há um outro legado importante que Marcelo Déda deixa, mas desta vez para todo o Brasil e o governo do PT: Déda encarou de frente a questão da democratização da comunicação. Desde a sua primeira administração como governante, ele buscou desenvolver um modelo de comunicação capaz de fortalecer a imagem do governo, evitando o quanto pôde se render aos assédios e também às extorsões tácitas que especialistas do setor chamam de “jogo da imprensa”.

Como jornalista e consultor de comunicação de órgãos de cooperação internacional, como o Banco Mundial e o PNUD, no final de 2007 participei de uma seleção pública da Unesco para a realização do documento de projeto (“Prodoc – Project document”) que visava a dar à comunicação pública de Sergipe um planejamento estratégico coerente à proposta do governo de Sergipe em “dialogar com o povo”. O objetivo era construir um modelo pioneiro de comunicação democrática. Eliana Aquino, esposa de Déda, havia narrado ao então representante da Unesco no Brasil, Vincent Defourny, um diagnóstico sombrio em relação às dificuldades de comunicação do governo sergipano com o povo devido aos meios de comunicação estarem em mãos de famílias de políticos locais e regionais ávidos para retomarem o poder. Um diagnóstico que se repete até hoje em todo o Brasil.

Na maioria dos estados, grupos de comunicação concorrem entre si, geralmente sobrevivendo e crescendo conforme conseguem acessar verbas publicitárias governamentais e de anunciantes locais. Essa disputa por verbas já é um reflexo da política que muitas vezes engessa a função social da imprensa no país e compromete a ética no jornalismo. Historicamente, pode-se afirmar que esta questão tem origem no “coronelismo”, que deve ser entendido aqui como o poder ou influência que as oligarquias exercem na vida política e social do Brasil com o intuito de se perpetuarem de geração a geração.

Ética ignorada

Determinadas condições históricas provocaram no Brasil o surgimento de grandes grupos de comunicação, que estão situados principalmente nas capitais dos 27 estados brasileiros. Em vários estados há predomínio de certos grupos sobre outros, mas quase sempre há um equilíbrio na oferta de opções de informação. A esmagadora maioria dos jornais, rádios e televisões é dominada por representantes de oligarquias. As concessões de rádios e televisões têm sido distribuídas segundo critérios que relevam a troca de favores políticos.

Desse modo, perpetua-se um cenário em que a mídia tem atuado principalmente para atender grupos políticos. Enquanto isso, os profissionais de comunicação se veem sem condições de exercer seu ofício desfrutando da liberdade de expressão necessária, embora ela seja prevista na Constituição. Tal circunstância implica o dilema dos profissionais de comunicação: ou aderem ao compromisso do vínculo empregatício-político-empresarial, ou ficam à margem dos meios de comunicação, a ponto de em muitos lugares sofrerem ameaças e violência.

Se for verdade que os meios de comunicação públicos e privados tendem a seguir uma orientação política favorável às elites dominantes, não é menos verdade que o papel social do profissional de comunicação acaba absorvido por essa tendência. Um código de conduta profissional foi sugerido pela Federação Nacional de Jornalistas (Fenaj) em 2007, mas foi duramente criticado pelos setores patronais e hoje em dia é solenemente ignorado, tanto pelos profissionais da categoria quanto pelos donos das empresas que os empregam.

Diálogo com as comunidades

As épocas em que mais se pode perceber como a comunicação pode ser usada em detrimento do interesse público são aquelas que se aproximam das datas de eleições para cargos públicos. Geralmente, os grupos concorrentes fecham ou reduzem os espaços de suas páginas ou programações à divulgação de informações da candidatura do grupo rival, enquanto o candidato próprio do grupo recebe grande destaque. Os meios de comunicação social se transmutam em verdadeiros aparelhos de marketing eleitoral.

O pior é que essa tendência de fortalecimento da parcialidade jornalística pela adesão a compromissos político-eleitorais também pode ser verificada no dia-a-dia em grandes órgãos de imprensa privados. O lado negativo da notícia é valorizado incessantemente a fim de mascarar a realidade e omitir, de fato, as reais preocupações da imprensa com o sentido republicano que ela evoca para si.

Diante dessa realidade imposta por meios de comunicação treinados muito mais para atacar do que estabelecer o debate democrático, o novo modelo administrativo adotado pelo governo Déda propusera mudanças em diversas áreas, a partir do resgate de uma política de planejamento estratégico. Assim, o setor de Comunicação Social tomou para si o desafio de estabelecer algo diferente no exercício de comunicar. Foi dada prioridade às ações de comunicação de interesse público, seguindo uma proposta de criar condições reais de produção de diálogo com as comunidades. A proposta era a de integrar a Comunicação Social, como ferramenta de gestão, ao planejamento estratégico do governo do Sergipe, criando condições de aperfeiçoar e ampliar o relacionamento com os órgãos de comunicação governamentais e não-governamentais, com destaque para a modernização da TV Pública, a formação de redes de rádios comunitárias e sociais e a criação de centros de mídia nas escolas.

Inclusão social

Com o apoio do governo do estado, a Secretaria de Estado da Comunicação Social de Sergipe (Secom-SE) iniciou o processo de reformulação e de implementação de uma nova ótica organizacional, com o objetivo de democratizar a comunicação social e o acesso à informação. Foram realizados investimentos na adequação do ambiente organizacional, na criação de fluxos administrativos e na implantação de um organograma provisório. O foco das ações estava na integração e na qualificação de servidores, sob o mote “informação como um direito do cidadão”.

Porém, para o novo cenário em que a Secom-SE buscou o apoio da Unesco o objetivo era avançar bem mais. Dizia respeito às ações de inclusão social, educação e cultura, que passavam pela questão da efetiva democratização da informação, observando-se a Comunicação Social no sentido vertical, não só de cima para baixo, mas, especialmente, debaixo para cima, através de mecanismos e canais que permitiriam a participação popular. O desafio que a Secom-SE se propôs foi integrar a informação de domínio público aos meios de comunicação oficiais, garantindo maior capilaridade do fluxo de informações e possibilitando que o público também se tornasse uma fonte importante de informações e notícias.

A cooperação técnica com a Unesco pôde contribuir com a organização de um sistema integrado de comunicação social essencialmente democrático, aberto às organizações da sociedade civil organizada e seus representantes. A diversidade de possibilidades de cooperação com a Unesco também buscou adentrar o campo da educação e das salas de aula, materializando-se em uma fronteira de inclusão social, para unir jovens e adultos em torno de práticas democráticas de comunicação, através da “Educomunicação”.

Em um país de dimensões gigantescas como o Brasil, a democratização da comunicação social precisa ser ainda mais fortalecida, através de projetos que incluam os cidadãos à sociedade da informação, não só como ouvintes ou telespectadores, mas como fonte e produtores de conteúdo social autêntico. Essa foi uma preocupação e um legado que Marcelo Déda escreveu na história de Sergipe, do Brasil e do mundo. Valeu, Déda!

Câmara realiza hoje audiência pública sobre orçamento 2014
Será realizada hoje, 13, na Câmara Municipal de Aracaju, a partir das 9h, audiência pública sobre o Projeto de Lei Orçamentária para o exercício 2014, conforme determina o inciso I do artigo 48 da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, modificada pela Lei Complementar nº 131/2009, com a presença do Secretário Municipal do Planejamento e Orçamento, Luciano Paes.

DER precisa ser autorizado a retornar apreensão de animais em rodovias
Depois que o blog divulgou ontem, 12, uma nota sobre uma boiada que diariamente, no final da tarde, fica na pista na rodovia estadual Barra/Pirambu descobriu que o DER não tem mais o poder de ir ao local apreender os animais como antigamente. Agora a denúncia vai para a Sedurb e a burocracia, deixa prá lá…

US$ 60 milhões serão investidos no turismo de Sergipe
Foi aprovado no Senado Federal, o empréstimo de 60 milhões de dólares junto ao Banco Internacional de Desenvolvimento (BID) para investimentos no turismo Sergipano.O dinheiro deverá ser aplicado no programa viário de Sergipe, para integrar regiões produtoras aos mercados consumidores e a portos e aeroportos.

Missão dada por Déda
O secretário de Estado do Turismo, Elber Batalha, ao falar sobre a importância dos investimentos que serão feitos para desenvolver ainda mais o turismo em Sergipe, lembrou do governador Marcelo Déda. "Impossível não lembrar Marcelo Déda, que em abril de 2011 ao assumir a Setur, me disse que fechar esse investimento seria minha principal missão frente ao turismo de Sergipe”, disse.

Missão cumprida
Elber disse que tem hoje  o sentimento de missão cumprida. “Quero também agradecer ao Senador Valadares, Lindbergh Farias do RJ, presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado e ao Senador pelo DF o Sergipano Rodrigo Rollemberg pela colaboração para aprovação acelerada desse projeto".

Inaugurações
Nesta sexta-feira, 13, o governador do Estado, Jackson Barreto, retoma a agenda de inaugurações e assinatura de ordens de serviços no interior do Estado pelo município de Barra dos Coqueiros, na região metropolitana de Aracaju. A partir das 18h30, na Praça Santa Luzia, Jackson promoverá a assinatura que garante os serviços de pavimentação de seis vias da cidade, são elas: Lambança, João de Serra, Liderança, Tereza Cristina, Netinho e Avenida Oceânica.

Ordem de serviço
O governador também realizará a assinatura da ordem de serviço para reforma da praça da Igreja, no bairro Atalaia Nova, e autorizará o processo de licitação da reforma do hidroviário. Na sequência, a partir das 19h30, Jackson entregará à população da Barra dos Coqueiros, a Praça Cel. Sizinho da Rocha. Solenidade acontecerá na Atalaia Nova.

PMA firma parceria com o canal Esporte Interativo
A Prefeitura Municipal de Aracaju conquistou mais uma vitória para o esporte aracajuano no próximo ano. Além de conseguir trazer o II Panamericano de Ginástica Artística, que acontece em março, e os Jogos Universitários Brasileiros, em novembro, a Prefeitura firmou uma parceria para cobertura do futebol profissional sergipano, divulgando nacionalmente o esporte local.

Canais
Através da Secretaria de Comunicação Social (Secom), a parceria foi estabelecida ontem, 12, com o canal Esporte Interativo. Será feita a cobertura dos jogos do Campeonato Sergipano 2014 e dos jogos que envolverem clubes de Sergipe na Copa do Nordeste.A cobertura poderá ser vista através dos canais Oi TV 116, Claro TV 48, Cabo Telecon, TCM Canal 52, Vivo TV Canal 466 e Multiplay Canal 151.

2015
Outra grande conquista para o esporte obtida após esforços da Prefeitura é a realização do Campeonato Mundial Escolar de Vôlei de Praia em 2015. Liderados pelo prefeito João Alves Filho, os secretários municipais Carlos Eloy (Esporte e Lazer), Carlos Batalha (Comunicação), e Walker Carvalho (Indústria, Comércio e Turismo) formaram uma comitiva que foi à Itália, em maio, para conseguir que Aracaju se tornasse sede do campeonato.

Jogos da Juventude em Pirambu
A Prefeitura Municipal de Pirambu através da Secretária Municipal de Educação iniciou desde ontem, 12 o II Jogos da Juventude de Pirambu que vai até amanhã, 14. Abertura que ocorreu na noite de ontem, contou a presença do Prefeito Elio Martins, Primeira Dama Patrícia Moura, Pároco João Giomo, vice Prefeito Guilherme e o Secretario de Educação Zé Luiz entre outros Secretários presentes no evento.

Atividades
Durante a abertura do evento na noite de ontem na Orla de Pirambu, que contou coma participação de centenas de pessoas,os alunos das escolas Mário Trindade Cruz e José Amaral Lemos, iniciaram as atividades com desfile de bandeiras, Corrida da tocha, dança e ginástica Rítmica.  O encerramento será amanhã, 14, com entrega de troféus e medalhas, na Orla de Pirambu. Podendo também ocorrer decisão do campeonato.

Dr. Emerson elogia escolha do Papa Francisco pela revista Time
Em pronunciamento na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), o vereador Dr. Emerson Ferreira (PT) falou da escolha do Papa Francisco pela revista Time como a personalidade com maior destaque no mundo, em 2013. "Apesar do pouco tempo de nomeação para o papado, a sua determinação e o seu exemplo no combate à pobreza, na sua luta pela justiça social e a sua crítica à obsessão pelo poder, constituíram o justo merecimento para essa escolha", disse.

Emenda para pavimentação do Barroso

O vereador Max Prejuízo (PSB) registrou o compromisso assumido junto à comunidade da Farolândia, com o  deputado federal Valadares Filho (PSB) e cumporido, destinando emenda junto ao Orçamento da União de 2014, no valor de R$ 1 milhão, para a pavimentação do conjunto Barroso, no bairro Farolândia.

Conquista
“Estou feliz com essa conquista. Sabemos que é um grande passo para a realização da pavimentação do Barroso que sofre há anos com a falta de calçamento. Já estive com o engenheiro Sergio Gentil, que é diretor de obra da Emurb, percorrendo as ruas do conjunto para uma primeira avaliação para elaboração do projeto/esboço”, disse Max.

Projeto para o Canal 3
Max informou ainda que com relação ao Canal 3, no conjunto Augusto Franco, há a expectativa de que se realize um projeto para sua cobertura, como já aconteceu com os Canais 4 e 5, do mesmo conjunto. “Conversei com o senador Valadares e ele, que é presidente da Comissão de Turismo, se comprometeu conosco de buscar R$ 2 milhões pela Comissão para que possamos conseguir iniciar essa obra. Continuarei buscando os recursos”, disse Max Prejuízo.

Apreensão 350 toneladas de milho sem nota fiscal. É assim que se faz! Fiscalizar Todos!
Sete carretas carregadas com grãos de milho oriundas do interior do Estado foram apreendidas na última quarta-feira, 11, pela Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) transportando aproximadamente 350 toneladas do produto sem a documentação fiscal obrigatória. É assim que se faz, tem que fiscalizar todos. Por várias vezes este espaço já denunciou que grãos de milho circulam sem nota fiscal em Sergipe.

Sonegação de R$ 145 mil
A apreensão ocorreu ao longo da BR-101, nos trechos compreendidos ao município de Propriá, no norte do Estado. De acordo com a Gerência de Fiscalização de Trânsito de Mercadorias da Sefaz, os veículos tentavam burlar a fiscalização estadual e durante a abordagem constatou-se a inexistência da nota fiscal da mercadoria. Segundo a Sefaz, o crédito tributário estimado na ação é de R$ 145 mil.

AMESE entrega comando PMSE relatório sobre PAC do conjunto Eduardo Gomes
A AMESE, através do seu presidente sargento Jorge Vieira, entregou ao Comando da PMSE, através do protocolo geral da corporação, relatório sobre as condições de trabalho dos policiais militar do PAC do Conjunto Eduardo Gomes, situado no município de São Cristóvão, elencando uma série de problemas estruturais do prédio tais como, infiltrações, banheiro danificado, reboco caindo, telhado quebrado, mobílias velhas, portas e trancas danificadas, dentre outros.

Reforma
Foi solicitado no relatório uma reforma e ampliação do PAC, visando dar uma estrutura física adequada para atender as necessidades dos operadores de segurança pública, bem como, da população que busca atendimento naquela unidade militar.

PMA e Sistema S realizam formatura de 1.275 aracajuanos
A Prefeitura de Aracaju, através da Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat), órgão vinculado à Secretaria Municipal da Família e Assistência Social (Semfas), juntamente com o Senac, Senai e Sest/Senat realizarão a entrega de certificados dos cursos profissionalizantes do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).

Formatura
A formatura acontecerá na próxima terça-feira, dia 17 de dezembro, às 15h, no auditório da CAASE (auditório dos advogados), localizado na Travessa Martinho Garcez, 71, bairro Centro (em uma rua intermediária ao museu da Gente Sergipana e o prédio da Cosil). Na oportunidade, estarão presentes representantes do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e do Ministério do Turismo (MTUR), além do prefeito de Aracaju, João Alves Filho, autoridades políticas e gestores do Sistema “S”, como o Senai, Senac e Sest/Senac.

Ranking nacional
Serão certificados 1275 alunos, distribuídos em 387 formandos do Senai, 109 participantes do Pronatec Copa, 591 alunos do Senac e 188 concludentes de formações executadas pelo Sest/Senat. A participação ativa de Aracaju na oferta de cursos do Pronatec foi responsável por classificar o município em 6º lugar no ranking nacional com o maior número de matrículas, contabilizando 7343 inscrições até novembro desse ano, entre formações do Pronatec MDS e Pronatec MTUR.

Certificado 
A parceria entre a Cosil e o Governo de Sergipe, através da Secretaria de Educação, permitiu que operários da incorporadora fossem alfabetizados. Os trabalhadores, que atuam nos canteiros de obras dos empreendimentos da Cosil, receberam essa semana os certificados de participação no 'Sergipe Alfabetizado'. O programa tem o objetivo de alfabetizar jovens e adultos para a erradicação do analfabetismo.

Agenda
13 de dezembro, sexta-feira. Faltam 12 dias para o Natal. E 18 para o fim do mês de dezembro e do ano 2013.
Comemorações de hoje: Dia do ótico, do marinheiro, dia nacional do forró e dia do cego.
Por volta de 1.200 a.C. ocorre a ascensão, no Golfo do México, da civilização olmeca, que expande seus domínios até o litoral do Pacífico. Os olmecas usam a escrita pictográfica e fornecem a base cultural aos povos que habitariam a região nos séculos seguintes, com destaque para os maias e para os astecas. No Brasil, em 1983, ocorre a primeira manifestação ampla a favor de eleições diretas para a presidência da República. O objetivo só viria a concretizar-se em 1989.
“O caminho para a felicidade está na redução organizada do trabalho.” – Bertrand Russel, nascido no País de Gales (1872/1970), filósofo britânico. Principais obras: Princípios da matemática – Nosso conhecimento do mundo exterior – A análise da matéria – Lógica e conhecimento.
Na máfia do ISS em São Paulo, quadrilha dava desconto maior a grandes devedores. Comissão da Verdade da Câmara Municipal de São Paulo afirma que JK foi assassinado. Aperto de mãos entre Obama e Raúl Castro é um fato que entra para a história contemporânea. A revista TIME elege o Papa Francisco como o homem do ano. Snowden ficou em segundo lugar. Gasolina brasileira vai ficar mais limpa. FIFA nega manipulação no sorteio dos grupos da Copa do Mundo. Presidente da Ucrânia diz que pode falar com a União Europeia, mas não romperá com os russos.

Curtas
DILMA AGRADECE À FRANÇA POR APOIO A PROPOSTA DE DEFESA CIBERNÉTICA. /// JOAQUIM BARBOSA DECRETA FIM DO PROCESSO DO MENSALÃO PARA MAIS DOIS RÉUS. /// APÓS CHUVAS, GOVERNO CRIA GABINETE INTEGRADO COM PREFEITURAS DA BAIXADA FLUMINENSE. /// INQUÉRITO SOBRE CARTEL CHEGA AO STF E CITA TRÊS SECRETÁRIOS DE ALCKMIN. /// RECEITA LIBERA CONSULTA AO ÚLTIMO LOTE DO IMPOSTO DE RENDA NA PRÓXIMA SEGUNDA-FEIRA. /// ROBERTO PEDE INVESTIGAÇÃO CONTRA LULA. /// GILMAR MENDES AFIRMA QUE PROPOSTA DA OAB É PARA BENEFICIAR O GOVERNO. /// JOAQUIM BARBOSA E LUIZ FUX JÁ VOTARAM A FAVOR DA TESE DEFENDIDA PELA OAB. /// GOVERNO DISCUTE PADRONIZAR SEGURANÇA NOS ESTÁDIOS.

ESPORTE  – O  ESPAÇO DO ALCEU –  por Alceu Monteiro

Público diminuto
Nas duas primeiras rodadas da Super Liga de Futsal, realizadas na terça e quarta-feira desta semana, deu para constatar que a grande competição que reúne algumas das principais equipes do país não conseguiu levar um público à altura de sua importância. Espera-se que após a expressiva vitória do Real Moitense, clube que representa o nosso Estado, abrindo caminho para uma classificação, o que aconteceu na terça-feira, a terceira rodada do certame, realizada ontem, tenha recebido uma plateia mais significativa, para justificar os esforços da CBFS e da FSFS visando a proporcionar aos aficcionados de Sergipe bons espetáculos de futsal. Esta coluna considera que dois são os principais fatores que têm contribuído para que isso ocorra. Em primeiro lugar, o torneio não teve uma divulgação à altura. De outra parte, se formos buscar uma razão estrutural e não apenas conjuntural, iremos encontrar um fato incontestável. Estamos falando do processo de interiorização do futsal, iniciado há anos pelo então presidente Renan Tavares e que tem sido seqüenciado pelo atual presidente Manoel Cruz. A interiorização, em si, representou, sem dúvida, um passo acertadíssimo. Mas por outro lado esse processo fez-se acompanhar de uma completa aniquilação do futsal em Aracaju. Nos últimos anos, vez por outra um clube da capital aventura-se a disputar o campeonato estadual porém não dá seguimento a essa participação. É evidente que a ausência de clubes aracajuanos no campeonato da modalidade acentua uma espécie de desinteresse pelo futsal. Deixamos claro que essa observação baseou-se nas duas primeiras rodadas. Assim, é lícito torcer para que ontem à noite (quinta-feira), um bom público tenha comparecido ao Ginásio de Esportes Constâncio Vieira para prestigiar mais uma rodada (a terceira). Amanhã, sábado, serão disputadas as semifinais da competição. E no domingo, pela manhã, teremos as finais, com a cobertura de uma famosa rede de televisão, o que se constituirá em uma grande chance de divulgação do nosso esporte. Deus permita que o Real Moitense esteja lá, decidindo o título da Super Liga. Para encerrar este comentário, arriscamo-nos a afirmar que essa excepcional promoção não está ocorrendo numa época propícia. Resumindo: faltou uma maior divulgação para um evento de extraordinária importância.

Segurança nos estádios
Na sessão de ontem do Senado Federal, o senador paranaense Álvaro Dias, um dos expoentes do PSDB, fez um incisivo pronunciamento defendendo o Atlético do Paraná, entidade que vem sendo acusada de ter sido a responsável direta pelos bárbaros acontecimentos do último domingo, na cidade de Joinville. Com um exemplar do Estatuto de Defesa do Torcedor nas mãos, o citado membro da Câmara Alta afirmou que as autoridades e os militantes da imprensa que se pronunciaram sobre o assunto parecem desconhecer o texto do Estatuto do Torcedor. Lendo a parte que trata sobre segurança nos estádios, Álvaro Dias foi enfático ao declarar que a entidade organizadora de uma competição esportiva, no caso um jogo de futebol, tem por obrigação enviar ofício à Polícia Militar informando a data, o horário do jogo, estimativa de público e outros detalhes. Considera o senador paranaense, portanto, que a Polícia Militar tem a obrigação de garantir segurança aos torcedores, também dentro dos estádios, ao contrário da tese defendida pelo Ministério Público de Santa Catarina, que atribui essa responsabilidade às entidades promotoras, que deveriam contratar empresa particular de segurança para tal fim.

Situação em Sergipe
Como é sabido de todos os que acompanham o nosso futebol, a Polícia Militar de nosso Estado chegou a anunciar, após fatos lamentáveis verificados no Estádio Fernando França, que a partir daquele momento a nossa PM não iria mais atuar dentro dos estádios. Dias depois, houve uma reunião para tratar do assunto. E parece que um acordo foi acertado para solucionar o problema. Com a abertura da Copa do Nordeste, quando teremos o clássico Sergipe X Confiança, faz-se mister que as autoridades constituídas, em conjunto com a FSF, publiquem como é que a coisa vai funcionar. É bom lembrar, também, que depois desse jogo, no dia 12 de janeiro, teremos em 19.01.2014, o início do campeonato sergipano da série A. Até agora, nem mesmo se sabe, oficialmente, qual o local do clássico Sergipe X Confiança, pela Copa do Nordeste. Será no Presidente Médici? – Parece que sim. Acontece que estamos a menos de um mês. Se considerarmos que o período atual é de festas, de comemorações, aumenta a necessidade de que decisões firmes sejam tomadas, para o antecipado conhecimento por parte dos torcedores.

Governo Federal
O governo federal já se manifestou, no tocante ao papel das polícias militares. A própria presidente Dilma declarou que é indispensável a presença dos policiais nos estádios de futebol, para evitar a repetição de cenas como as da barbárie de Joinville.

Novo narrador
O repórter esportivo Osmar Rios, da equipe esportiva da 930 AM, foi promovido à função de narrador. Quando janeiro vier, Osmar vai iniciar sua carreira como narrador. Osmar Rios está concluindo seu TCC (Trabalho de Conclusão de Curso), cujo tema central é o rádio esportivo, com ênfase especial na função de narrador. Vai contar com o apoio de Otacílio Leite e dos narradores Antônio Barbosa e Raimundo Macedo em sua nova função na equipe da Liberdade AM.

Memória esportiva
Marcos Jefferson apresenta aos sábados, na Rádio Cultura, o programa MEMÓRIA ESPORTIVA, que leva convidados para falar sobre sua atuação no futebol. Ex-craques e treinadores são o alvo preferencial do programa.

Revelações
As duas revelações de nosso rádio esportivo, em 2013, foram Ricardo Brito, como comentarista (Liberdade AM) e Josafá Neto, como repórter (Rádio Jornal).

Eleições
Em ano de eleições gerais no país, teremos, também, em 2014, o pleito para a escolha dos novos dirigentes da ACDS – Associação dos Cronistas Desportivos de Sergipe.

Memória esportiva
13 de dezembro – Em 1981, o Flamengo sagra-se campeão do Mundial Interclubes ao vencer por 3 X 0 o Liverpool, da Inglaterra, no Estádio Nacional de Tóquio, no Japão. Os gols do Flamengo foram marcados pelo sergipano Nunes (2) e Adílio. 1987 – O Flamengo vence o Internacional por 1 X 0, com gol marcado por Bebeto e conquista a Copa União. Também em 1987, o Porto, de Portugal, conquista o mundial de clubes, ao vencer o Peñarol, do Uruguai, por 2 X 1, em Tóquio (Japão). Em 1992, o São Paulo vence o Barcelona da Espanha por 2 X 1, com gols marcados por Raí, e fica com o título de campeão mundial interclubes.

PELO TWITTER

www.twitter.com/clovis_silveira  Não dar para confiar cegamente em ninguém, lembre-se que o diabo era um anjo também!

www.twitter.com/AntonioJMoraes  Tenente PMSE preso preventivamente por suposto pagamento irregular de DIÁRIAS. Se a moda pega, se cuida PC onde a esculhambação é bem maior.

www.twitter.com/gildasio2002  Se o Detran estivesse entregue nas mãos de um técnico comprometido com o órgão, estaria melhor organizado.

www.twitter.com/FalaSergipe  Douglas Magalhães está voltando ao Twitter  com gosto de gás  para tirar a máscara de  gente que  não cumpre com a palavra.Sou profissional com 36 anos de experiência, não sou filho da puta. Peço respeito.

www.twitter.com/revinhogama As pessoas feridas pela vida são as mais perigosas, porque elas sabem que são capazes de sobreviver…

www.twitter.com/Abrahao_Filho  Superstição  Hoje é sexta-feira 13. Como diz o jornalista sergipano Ancelmo Gois, “não é nada, não é nada… Não é nada!”.

DO LEITOR

Viajando por Sergipe e observando opiniões
Do leitor Geraldo Lima Feitosa: “Tenho o hábito de viajar nos finais de semana para o interior do estado, principalmente para Propriá e outras cidades do baixo – São Francisco, isso pelo fato de ter construído uma legião de amigos em razão de ter exercido atividade profissional em 63 cidades de Sergipe e, posso assegurar, sem qualquer fanatismo ou afinidade política, que a popularidade de Jackson Barreto nunca esteve tão alta quanto nesse momento. Converso com pessoas ligadas a lideranças e partidos diferentes, sobre a conjuntura política atual e perspectiva futura e, nesses papos, verifico uma acentuada mudança de opinião em relação ao político Jackson Barreto de Lima, assim como, aqueles que já o defendiam (e não são poucos) enaltecem com mais vigor as ações do atual governador de Sergipe.”

Detran/SE. Desabafo de um servidor
E-mail de um servidor do Detran/SE: “O Detran/SE atualmente está sem gestão, nenhum diretor está preocupado com a população que paga caro, nenhum diretor tem conhecimento técnico a respeito da área, a única preocupação é política, só visam exclusivamente as eleições.É muito vergonhoso um servidor de nível médio, que tem atividades técnicas e de muita responsabilidade, ligadas a secretaria de segurança pública, receber como remuneração líquida R$ 684,00 por mês, sem nenhum benefício a mais. Servidores com mais de 25 anos de serviço recebem R$ 1000,00 reais líquidos, sem nada mais! Pessoas que estudaram, estudam, tem famílias, receber essa remuneração, e ainda alguns diretores falar que fizeram o concurso para receber essa remuneração e pronto. O concurso faz 04 anos em março. Ah! O órgão arrecada atualmente cerca de 08 milhões de reais por mês, e gasta somente 09% desse valor com o pessoal! Espero que Jackson Barreto perceba e analise a situação do órgão, pois penso que ele deveria tomar atitudes sem mesmo consultar ou conversar com os diretores, pois os mesmos passam a impressão que não querem resolver a situação. Espero que o governador haja com inteligência e estratégia, pois se o estado está precisando de dinheiro, essa é uma grande oportunidade de arrecadar mais, valorizando o servidor e convocando novos excedentes( Há mais de 80 vagas aprovadas na ALESE, falta somente convocar), para que a greve acabe e o povo tenha um atendimento digno, proporcional ao que paga.Penso que a remuneração do Detran deveria ser semelhante com a do TJ-SE, pois são órgãos de extrema importância para o governo do estado.”

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

  
Frases  do Dia

“Muitas vezes digo à vida: não me dês tanto, para que não me possas levar tanto.”

“Nunca vi um asno falante, mas encontrei muitos humanos a falar como asnos.”

Heinrich Heine, poeta alemão, nasceu em 13 de Dezembro de 1797 e morreu em 1856.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários