O MST e o Senado

0

Representante de milhares de votos em Sergipe, o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) pretende participar ativamente das eleições do próximo ano. Deverá ter candidato próprio a deputado estadual e influenciar no pleito majoritário. Segundo o coordenador do MST em Sergipe, João Daniel Samariva, se o deputado federal Jackson Barreto (PMDB) disputar o Senado, terá o apoio integral do Movimento. E a segunda vaga? Os Sem Terra aguardam a definição de todas as candidaturas para discuti-las, mas Samariva adianta um detalhe: dos nomes colocados até agora como possíveis pretendentes a uma vaga de senador, o único que o MST conversará sobre a hipótese de apoio eleitoral é o do deputado federal Albano Franco (PSDB). Resta saber se o tucano está disposto a montar no cavalo, que deverá passar selado novamente em sua porta.

Iunes caiu

O coronel Maurício Iunes não é mais o comandante do Policiamento Militar da Capital. Ele colocou o cargo à disposição após ter sido acusado de espancar e manter em cárcere privado o universitário Paulo Ítalo Lacerda Pontes, porque este tinha um relacionamento com a filha menor do militar. Prontamente, o secretário da Segurança Pública, João Eloy, aceitou o pedido de Iunes, que será substituído pelo coronel Salvador Braulino Sobrinho, atual diretor do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP).

Filhas de militares

Esta é a segunda vez neste governo que um militar perde a função por causa de namoro das filhas. O primeiro foi o comandante da PM, coronel Péricles, exonerado pelo governador Marcelo Déda (PT) após ter sido acusado de invadir um sítio para resgatar a filha, que teria saído de casa com um possível namorado. A acusação não ficou comprovada, porém Péricles não recuperou mais o comando da PM.

Sem controle

O governo ignora a freqüência escolar de 447,8 mil jovens beneficiados pelo Bolsa Família, ou 23% dos 1,9 milhão de participantes. É o que publica hoje o jornal Folha de São Paulo. O programa exige dos alunos de 16 e 17 anos o comparecimento em 75% das aulas. Sem essa condição, o benefício pode ser cancelado. Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, evasão, mudanças de cidade ou de instituição de ensino e falhas no envio das informações ao sistema colaboram com a falta de dados.

Greve anunciada

Os servidores do Poder Judiciário farão uma paralisação nacional dia 21 de outubro. O motivo é a determinação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que obriga os funcionários a trabalhar até oito horas por dia e não as seis horas estipuladas na maior parte dos fóruns e tribunais.Atualmente, quem tem carga horária superior a seis horas recebe hora extra. O CNJ mandou cortar o pagamento das duas horas adicionais por entender que a legislação federal permite que o servidor trabalhe oito horas diárias sem receber mais por isso.

Come e dorme

Enquanto o CNJ quer os servidores da Justiça trabalhando oito horas diárias, deputados e senadores ganham muito para não fazer quase nada. A grande maioria chega a Brasília na terça-feira, circula pelas comissões, corredores e plenário e retorna aos seus Estados na quinta-feira. O negócio é tão bom que um magote de mais de 7 mil candidatos derrotados a vereador quer assumir uma cadeira nas Câmaras municipais para imitar os deputados e senadores. Pouca vergonha, sô!

Receita negativa

A Prefeitura de Aracaju registrou este ano uma queda significativa de diversas receitas. Segundo o secretário municipal de Finanças, Jéferson Passos, no cômputo geral, a variação nominal da receita foi da ordem de 1% o que, quando considerada a inflação do período, se traduz em crescimento negativo. Segundo o secretário, somente a receita dos reyalties pagos pela exploração de petróleo foi reduzida em R$ 10 milhões no decorrer de 2009. Mesmo assim, a Prefeitura não trabalha com a hipótese de reduzir os investimentos programados para este ano.

Reunião do Sebrae

Aracaju vai sediar a 78ª Reunião Ordinária do Conselho Fiscal do Sebrae. Será na próxima quinta-feira, a partir das 14 horas, no Radisson Hotel. Na sexta-feira, acontecerá no mesmo local o Encontro Nacional dos Conselhos Fiscais do Sistema Sebrae. Este evento será aberto pelo presidente do Conselho Deliberativo do SEBRAE Nacional, senador Adelmir Santana. “Estamos reunindo em Aracaju conselheiros de todo o Brasil, que terão oportunidade de trocar experiências e reciclar os conhecimentos”, afirma o superintendente do Sebrae Sergipe, Emanoel Sobral.

Tempo de validade

Uma nova legislação que regula a venda de garrafões plásticos determina prazo de validade para os garrafões de água mineral. Agora não é mais permitido vender galões fabricados há mais de três anos. O prazo foi estipulado pelo Departamento Nacional de Produção Mineral e objetiva evitar que a água seja contaminada. A validade deve ser gravada no fundo do garrafão. As distribuidoras que não estiverem de acordo com a nova legislação serão multadas, mas o valor da penalidade ainda não foi estipulado e nem de que maneira será feita a fiscalização.

Prazo fatal

Termina na próxima quarta-feira o prazo para a entrega do Imposto Territorial Rural (ITR). O programa de computador que gera a declaração do ITR encontra-se na internet, no site da Receita Federal (www.receita.fazenda.gov.br). A Receita alerta que a multa para quem perder o prazo é de 1% ao mês-calendário ou fração de atraso, calculada sobre o total do imposto devido, não podendo o seu valor ser inferior a R$ 50, no caso de imóvel rural sujeito à apuração do imposto, além de multa e juros.

Jogou a toalha

E o Clube Sportivo Sergipe, hein? Após mais de uma semana bebendo chá de Alecrin para acalmar os nervos, a direção do “Vermelhinho” resolveu jogar a toalha e dispensar todo o elenco. O time rubro foi literalmente vencido pelo cansaço, já que o STJ estava enrolando para julgar o recurso que poderia garantir a permanência do Sergipe na Série D do Campeonato Brasileiro. Uma lástima!

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários