Oposição sem saída

0

A bancada de oposição na Assembleia se reuniu ontem para escolher os deputados Samuel Barreto (PSL) e Valmir Monteiro (PSC) como novos líder e vice-líder. Sob a coordenação do candidato derrotado ao governo, senador Eduardo Amorim (PSC), os oposicionistas também trataram sobre a eleição da Mesa Diretora do Legislativo. Este item, porém, ficou sem acordo, pois só existe uma chapa que, embora governista, tem como candidato a 3º secretário o ex-líder da oposição Venâncio Fonseca (PP). Claro que os colegas do pepista pretendem votar nele, mas ao fazerem isso também estarão votando no candidato a presidente da Casa, deputado Luciano Bispo (PMDB). Este é o nó da questão, pois a provável eleição do peemedebista o fortalece para a disputa pela Prefeitura de Itabaiana, onde ele se opõe radicalmente à deputada Maria Mendonça (PSC) e aos irmãos Amorim. Portanto, como liberar a bancada para votar num adversário? Sem alternativa, a oposição deixou para definir como vota só no dia da eleição, domingo próximo. Nada que preocupe Luciano, que conta com o apoio de praticamente toda a bancada da situação e de alguns oposicionistas.

Está no páreo

Os seis senadores do PSB ratificaram ontem, o desejo de lançar o sergipano Antônio Carlos Valadares como candidato  a presidente do Senado. “O objetivo é abrir o debate em torno de temas como as reformas política e tributária”, argumentam os socialistas. O próprio Valadares,  entende ser difícil viabilizar sua candidatura, pois com apenas seis senadores, o PSB não pode lançar candidato a presidente da Casa. “A não ser que haja acordo com outros partidos”, afirma Vavá.

Bem na fita

O Tribunal de Justiça de Sergipe alcançou bons resultados no cumprimento das metas estabelecidas para 2014 pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). No tocante ao julgamento de uma maior quantidade de processos, o judiciário sergipano alcançou um percentual de 116,2%, ficando em segundo lugar no Brasil e primeiro no Nordeste. “Este resultado foi possível graças à dedicação dos nossos servidores e magistrados”, festeja o presidente do TJ, desembargador Cláudio Déda.

Nova cara

O economista Edgard Motta Neto assumiu ontem a presidência do Detran. Profissional com larga experiência administrativa, Edgard foi indicado pelo deputado estadual Jeferson Andrade (PSD) e substituiu Humberto Costa, que comandava aquele órgão há 11 meses. Muito concorrida, a solenidade foi presidida pelo vice-governador Belivaldo Chagas (PSB).

Truculência

O Movimento Não Pago vai hoje ao Ministério Público denunciar a truculência da Guarda Municipal de Aracaju durante a última manifestação contra o reajuste da tarifa dos ônibus. Segundo Flávio Marcel, integrante do Movimento, os guardas imobilizaram os manifestantes, colocaram a lanterna nos rostos e obrigaram o pessoal a gravar vídeos pedindo desculpas. “Isto é tortura física e psicológica”, denuncia Marcel.

Contra

Com o título acima, o Jornal da Cidade pública hoje a seguinte nota: Não adiantaram os apelos contrários do Sindicato dos Radialistas, nem dos profissionais que trabalham na Fundação Aperipê. Ontem, o radialista Messias Carvalho, que presidia o sindicato dos empresários do setor de comunicação, foi empossado novo presidente daquela fundação. Ele foi indicado pelo deputado estadual eleito Luciano Pimentel (PSB).

Victor na UFS

Com apenas 14 anos e só tendo cursado até a 1ª série do ensino médio, o itabaianense José Victor Menezes Teles, vai estudar Medicina na Universidade Federal de Sergipe (UFS). Por determinação da Justiça, ele se submeteu ontem na Secretaria da Educação à prova de proficiência, conquistando o certificado de conclusão do 2º grau. Estudante de escola pública, Victor fez 960 pontos na prova de redação, alcançando média final de 750,98 pontos no Enem. A decisão judicial obriga a UFS matricular o futuro jovem médico.

Mais Médico

Termina hoje o prazo para a inscrição de médicos com CRM brasileiro no Programa Mais Médicos. A remuneração dos profissionais é pouco mais de R$ 10 mil. Nos próximos dias 4 e 5, os inscritos deverão indicar até quatro cidades onde preferem trabalhar. Quem não conseguir alocação, terá acesso à vagas remanescentes em fevereiro e março.

Escravidão

Mais de 39% dos trabalhadores resgatados no Brasil de condições análogas à de escravo não tinham concluído o 5º ano do ensino fundamental, 32,8% eram analfabetos e 14,6% tinham do 6º ao 9º ano escolar incompletos. De acordo com a Comissão Pastoral da Terra (CPT), esse crime está tão enraizado no Brasil que o aumento da fiscalização levará também ao crescimento da descoberta de trabalhadores submetidos a situações degradantes. “Onde o fiscal do trabalho vai, encontra trabalho escravo”, denuncia a CPT. Uma lástima!

No batente

Os 24 deputados estaduais eleitos iniciam os mandatos trabalhando firme em pleno domingo. No próximo dia 1º, eles realizarão a primeira sessão plenária da nova legislatura. E ainda tem quem diga que político é um bicho preguiçoso. Quanta injustiça!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano Gazeta do Povo em 3 de novembro de 1924

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários