Paciência tem limite

0

Estão brincando com os usuários do péssimo transporte coletivo da Grande Aracaju e isso pode não terminar bem. Segundo o vereador Adriano Taxista (PSDB), os 50 ônibus imprestáveis da VCA, retirados de circulação pela SMTT, foram substituídos por sucatas. Somente ontem, cinco dessas latas velhas quebraram, deixando os passageiros no meio da rua. Enquanto quem paga caro por um transporte ruim é desrespeitado, as empresas pensam no reajuste do preço da tarifa. Ora, como é possível majorar o valor de um serviço sem qualidade? Pacíficos, os passageiros têm engolido em seco os transtornos causados pelas empresas de ônibus, mas não custa lembrar que paciência tem limite.

Conluio

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Carlos Ayres Britto, disse nunca ter detectado nenhum conluio no Judiciário brasileiro. Terça-feira passada, o atual presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, declarou que “esse conluio entre juízes e advogados é o que há de mais pernicioso”. Ouvido pelo jornal O Globo, Britto disse que “o Poder Judiciário, no seu atacado institucional, é de muito boa qualidade”.

Passou mal

Uma queda da pressão arterial impediu que o governador Marcelo Déda (PT) prestigiasse ontem a inauguração da reforma do terminal rodoviário de Boquim. Pelo twitter, o petista mandou “um abraço aos amigos de Boquim” e explicou que sua ausência na festa foi recomendada pelo médico: “Quando não dá, não abuso”. Tá certo!

Cobrança

Servidores estaduais da área de saúde promovem hoje uma manifestação em frente à Secretaria do Planejamento, Orçamento e Gestão para cobrar o prometido Plano de Cargos, Carreiras e Vencimento. Vão ouvir o que os servidores administrativos já ouviram: “A Lei de Responsabilidade Fiscal proíbe que planos de carreira sejam alterados porque o estado se encontra no limite prudencial”. E o que o coitado do servidor tem com isso?

Capacitação

Representantes dos vários Ministérios vêm a Sergipe na próxima terça-feira ouvir as queixas dos prefeitos o orientá-los sobre como conseguir financiamentos bancários. A rodada de capacitação acontecerá no antigo Hotel da Ilha, localizado na Barra dos Coqueiros, e deverá contar com a presença da ministra-chefe da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti.

Gororoba

O almoço serviço pela Nutriserv deixou 18 presos da 2ª Delegacia de Aracaju ‘vazando pelo pito’. A galera passou mal horas depois de ingerir a gororoba e três deles tiveram que ser hospitalizado para tratar a diarreia. A Secretaria da Segurança se apressou em informar que a empresa deu toda a assistência aos doentes. Pelo menos isso, né?

Queixo-duro

E o líder do PSC na Câmara Federal, deputado André Moura, não conseguiu convencer o pastor Marco Feliciano a renunciar à presidência da Comissão Parlamentar de Defesa dos Direitos Humanos. Acusado de racista e homofóbico, o pastor queixo-duro não tem conseguido presidir os trabalhos da Comissão. Ontem mesmo, ele só conseguiu ficar na sala por alguns minutos, tamanho era o protesto contra a sua permanência no cargo.

Gastança

A Câmara dos Deputados aprovou ontem projeto de resolução que cria 42 cargos de natureza especial para a estrutura de funcionamento da liderança do PSD e para outros órgãos da estrutura da Câmara. O impacto financeiro da medida será de quase R$ 5 milhões. No ano passado, 66 cargos já haviam sido criados na Câmara para atender à estrutura do PSD, criado em 2011. Durma com um barulho desse!

Inspeção

A Corregedoria Nacional de Justiça realizará, entre os dias 2 e 5 de abril, inspeção no Tribunal de Justiça de Sergipe. O trabalho envolverá as unidades judiciárias e administrativas de 1º e 2º Graus, além dos cartórios extrajudiciais e unidades da administração pública que estão sob a fiscalização do Poder Judiciário estadual.

Do baú político

Deputado estadual por várias legislaturas, o atual prefeito de Pinhão, Eduardo Marques, costumava ir à terra natal, no carro preto da Assembléia. Talvez para proteger o deputado do sol, foram colocadas películas exageradamente escuras nos vidros do veículo. Parado numa blitz, Eduardo foi aconselhado por um agente da Policia Rodoviária Federal a remover as películas, porém não atendeu ao apelo. Ao retornar de Pinhão, o motorista do deputado ignorou a ordem de parar numa blitz, fato que deixou a turma da PRF tiririca da vida. Na semana seguinte, os policiais federais montaram uma nova operação. Quando o carro preto que transportava Marques se aproximou, os policiais estenderam na rodovia uma esteira de pregos, que furou os quatro pneus do veículo. Por vários dias, o carro oficial da Assembléia ficou em exposição na frente ao posto da Polícia Rodoviária Federal, na saída de Aracaju. Depois disso, as películas do carro foram removidas.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais