País da Hipocrisia

0

   Quase que este espaço estaria hoje,13, apenas com o título acima e mais nada. Tudo estaria em branco como uma forma de protesto contra a decisão do Senado Federal em manter o mandato de Renan Calheiros (PMDB-AL). Porém, ontem, 12, após a votação, Ruy Barbosa sussurrou no ouvido deste jornalista. Pediu que escrevesse ao leitor que ele estava envergonhado por ter sido Senador da República. Pediu que retirasse da sua biografia este cargo. 

   Este realmente é o país da hipocrisia. O país onde a famosa Lei de Gerson prevalece sempre acima dos interesses da sociedade brasileira. Parece que nada aconteceu, parece que apenas foi mais uma votação no Senado Federal. Até quando? Além da ajuda do PT, está claro também a fragilidade da oposição, onde alguns poucos ficam discursando e outros tantos barganhando dentro dos gabinetes.  A oposição é frágil e conivente. Ou o que dizer da troca de cargo do senador Romeu Tuma para o filho no Governo Federal?  Já o PT perdeu uma oportunidade de se redimir perante a população depois do escândalo do mensalão, onde vários membros da cúpula do partido foram envolvidos. Mais uma macula na história recente do PT que tem mais desgastes do que triunfos. O PT que sempre defendeu a democracia e o respeito aos poderes mostrou que o Legislativo é manipulado ao sabor dos interesses particulares.

Uma música mais do que nunca viva nas mentes dos brasileiros:  “Nas favelas, no senado. Sujeira pra todo lado. Ninguém respeita a constituição. Mas todos acreditam no futuro da nação. Que país é esse? Que país é esse? Que país é esse?”. Outra letra de Ruy Barbosa, já citada neste espaço, mas que precisa ser lembrada sempre: “De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver crescer as injustiças, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se das virtudes, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto”.

   Tenha certeza caro leitor. A cada dia o povo está convicto que a grande maioria dos seus “representantes” no Congresso Nacional, representa apenas seus interesses pessoais. Mais do que o soco na democracia brasileira a decisão da maioria dos senadores, comprova que a insensatez e a certeza da impunidade é cada vez mais forte no Brasil. É o país da composição, onde a nação vive em uma completa decomposição.

 

O voto dos três senadores sergipanos

Almeida Lima comemorou entusiasmado a decisão do Senado. Almeida foi um dos baluartes da defesa de Renan e será muito bem contemplado. A senadora Maria do Carmo, do DEM, apesar de ser da bancada da oposição votou contra a cassação e em defesa de Renan. O senador Valadares (PSB), apesar de ser da bancada do governo federal, seguiu a orientação da liderança do PSB e votou favoravelmente a cassação de Renan. Entre os deputados que assistiram a sessão secreta dois sergipanos: Valadares Filho e Jackson Barreto.

 

Almeida, o pitbull de Renan Calheiros

Trechos de notas da FSP, de hoje, 13: “Dos dois lados, quem não quis segurar o punhal recorreu à abstenção. Como bem resumiu, satisfeito, o pitbull Almeida Lima (PMDB-SE), “as seis abstenções foram votos da defesa”. Integrante da tropa de choque de Renan, o senador Almeida Lima (PMDB-SE) disse que ficou satisfeito com o resultado porque se fez justiça. “É um momento importante para o Brasil e o Legislativo vai poder voltar a trabalhar”, disse. Ele descartou uma licença de Renan do cargo. “Ele foi eleito presidente e isso foi ratificado legitimamente”, afirmou.

 

Pirambu: Justiça acata indisponibilidade dos bens

O Dr. Paulo Marcelo Silva Lêdo, Juiz de Direito do Distrito de Pirambu, acatou pedido de liminar formulado pelo Ministério Público Estadual, nos autos da Ação Civil Pública movida contra (01) Juarez Batista dos Santos, (02) André Luiz Dantas Ferreira, (03) Lara Adriana Veiga Barreto Ferreira, (04) Élio José Lima Martins, (05) Cláudia Patrícia  Dantas Ferreira:(06) Júlio Prado Vasconcelos Comércio e Representações Ltda., (07) José  Tomaz Miranda Vilela Vasconcelos, (08) Dianju Distribuidora de Alimentos Ltda. (09) Fernando Gonzaga da Costa e (10) Nara Amanda Veiga Barreto, determinando: A Indisponibilidade dos bens de todos os réus, ressalvadas as cadernetas de poupança, contas-correntes e bens de família.O leitor que desejar mais detalhes é só consultar o processo no site do TJ – Proc. nº 200772210352.

 

Criticas de aliados em Itabaiana

O vereador de Itabaiana, Valmir de Francisquinho, aliado da prefeita Maria Mendonça, fez um discurso forte criticando o governo Marcelo Déda. Entre outras coisas, disse que a segurança pública e a saúde é um caos em Itabaiana e até mesmo para adquirir uma cédula de identidade a dificuldade é grande no município. Em resposta, o vereador Eronildes, do PT, disse que aceita criticas dos petistas e da oposição, mas “não de aliados que estão todos bastante prestigiados no município”.

 

Perseguição ao Sintese em Itabaiana

A representante do Sintese em Itabaiana, a professora de nome Enivalda, denunciou que está sendo perseguida pela direção da escola estadual onde trabalha. Segundo a professora, a diretora não deixa que ela converse com os colegas e alunos. Detalhe: a diretora foi indicada pela prefeita Maria Mendonça.

 

Carros: Sindicatos e organizações devem dar exemplo

O Conselho Nacional do Ministério Público deu um exemplo de moralização do uso dos veículos com a norma expedida esta semana. Bem que os sindicatos e organizações não governamentais que vivem às custas dos recursos dos trabalhadores deveriam seguir o mesmo exemplo. Por exemplo, no último dia 7, feriado, o veiculo Fiat branco da Fetase, placa IAB-2145, estava em uma casa de material de construção do Mosqueiro. Poderia estar comprado material para os trabalhadores, mas não, era uma família dentro do veículo, com alguns menores. Na porta a inscrição: filiado a CUT. Com certeza o presidente da CUT em Sergipe, Antônio Góis não comunga com esse uso errado do veículo. Não basta criticar, tem que dar exemplo.

 

 

Telefones da Fundação  Aperipê

Nos últimos dias aumentaram as reclamações, através de e-mails, de profissionais que trabalham na Fundação Aperipê com relação aos telefones. A reclamação é de que muitos programas das emissoras de rádio estão sendo inviabilizados por conta de problemas constantes nos telefones. Realmente é algo que deve ser corrigido urgentemente. Fala-se que a central telefônica da Fundação é totalmente ultrapassada.

 

Defesa da classe trabalhadora

Do secretário geral do Sindimed, Helton Monteiro: “Reafirmamos nossa postura na defesa da classe trabalhadora, e repudiamos qualquer discurso que coloque uma categoria (médicos) contra outras ( enfermeiros, odontólogos, assistente sociais…). O SINDIMED, desde 2004, vem se empenhando na tentativa de corrigir os erros ergonômicos deste aparelho. Em 2005 denunciamos no Ministério Público Estadual o quanto é nocivo para trabalhadores, principalmente para os trabalhadores da farmácia básica, no uso do “dito computador”. E questionamos o processo licitatório? O quanto foi onerada a Prefeitura por máquinas tão obsoletas ?  quanto é o custo com a manutenção desta máquinas? Portanto defendemos que a Prefeitura Municipal de Aracaju cumpra a Lei n. 6.514 de 22 de dezembro de 1977, que trata das Normas Regulamentadoras em Segurança e Medicina do Trabalho, e esta defesa visa todos os trabalhadores da área da saúde. E concluímos que não somos contra a informatização, mas que os computadores nas repartições sejam dignos de seguir o cuidado a saúde!”.

 

Público X Privado

De um leitor: “A insistência em manter vícios ou práticas abusivas de usurpação do patrimônio público deve ser combatida, é dever de cada cidadão, e justiça seja feita, desmandos não compactuados por este  governo do Estado, conquanto, é inadmissível que alguns funcionários públicos estejam usufruindo de carros do governo estadual para realizar tarefas particulares(combustível à vontade?). Nunca é demais lembrar que o dinheiro arrecadado do público deve ser investido nas demandas da coletividade,  desde o primeiro dia de aula desse semestre, até quando? dois carros, a saber: um fiat uno da vice governadoria, placa HZZ 1966 e um carro dos bombeiros, alternadamente gol, pickup, esta, no dia de ontem 11/09, equipada com uma bomba(máquina) exposta em sua carroceria, sujeita a vandalismo, ambos ficam estacionados todos os dias durante todo o turno de aula da noite, na rua  Antônio T. Gonçalves(A.Franco) esquina com a av. Murilo Dantas próximo à UNIT”.

 

Estádio fechado há sete meses em Campo do Brito

Do leitor Carlinhos do PT: “Ontem, 12 de setembro, fez  07 meses que o ginásio de esportes de Campo do Brito, esta fechado, só que o consumo de energia esta vindo a maior do que quando estava em funcionamento, o motivo é que o prefeito Maim fica distribuindo energia para seus eleitores através de gambiarra, cadê o Ministério Público de Campo do Brito e os Vereadores, que só fazem balançar a cabeça como um animal que fica nas paredes, mês passado fizemos manifestação pela reabertura do ginásio e o nosso prefeito não gosta de esporte, que para ele só dar prejuízo, mais infelizmente nem todo mundo tem o governo que merece, Léo Filho Secretario de Estado tem conhecimento desta agressão a juventude do Brito, que se quiserem jogar tem quer ir para Macambira. Deda veja o que você pode fazer pelo povo do Brito que gosta muito de você”.

 

Médico volta a explicar uso do TAS

Do médico Gildo Simões: “Como foi citado meu nome no comentário de uma enfermeira relacionado ao uso do TAS, informo a enfermeira que nós – médicos e médicas sabemos muito bem distinguir um computador de um arremedo de tal aparelho, justamente o TAS. Uma enfermeira que critica a opinião sincera de um profissional médico,formado em 1975, com estudos científicos publicados em revistas de Dermatologia Brasileiras e Americanas desde anos 80, vem  confundir tal opinião como grosseria e ainda tem o despautério de mandar o doutor se acordar. É demais. Através da carta desta enfermeira a população pode testemunhar o quanto o Dr. Marcos Ramos, nosso Secretário de Saúde do Município, ainda tem que trabalhar para tornar o SUS um ambiente de respeito, de cordialidade e bom viver, o que tem que caracterizar a medicina.O que mais temos encontrado com relação as enfermeiras que trabalham no SUS é este clima odioso, desrespeitoso contra os médicos e as médicas. Se com os médicos e as médicas a enfermeira tem este tratamento imagine  com os usuários”.

 

 

Campanha de conscientização

A Secretaria Municipal da Educação (Semed), por meio da Coordenadoria de Educação Especial, está mobilizando todas as escolas da rede municipal de ensino para se engajarem e desenvolverem junto aos alunos a campanha de conscientização sobre a importância do respeito às vagas destinadas aos idosos. A campanha ´Conscientização: Vagas no Estacionamento, para Idosos e Pessoas com Deficiência´ é uma ação do Ministério Público Estadual, discutida em reunião no último dia 5, e que será lançada oficialmente no dia 1º de outubro, a partir das 8 horas, no estacionamento do GBarbosa da avenida Francisco Porto.

 

Manifestação contra pirataria

De um leitor: “Ontem, dia 12 de setembro de 2007, proprietários de locadoras fizeram manifestações públicas em todo o país contra o comércio ilegal de DVD pirata. No Estado de Sergipe, recentemente, a polícia civil realizou algumas prisões no município de Lagarto. Porém, nada mais foi feito para combater esta conduta criminosa que traz sérios prejuízos econômicos e sociais, pois, a pirataria, além de não recolher os tributos devidos, contribui para o financiamento de outros crimes. A conivência do poder público, estadual e federal, a esta prática delituosa tem como conseqüência direta a propagação do crime, ou seja, é o próprio Estado alimentando a indústria do crime”.

 

 

Frase do Dia

“A absolvição do senador evidencia a urgência de uma reforma política profunda no país. O resultado da votação, na contramão do clamor público, distancia ainda mais o Senado, instituição vital ao equilíbrio federativo, da sociedade que deveria representar”. Do presidente nacional da OAB, o sergipano César Britto, na FSP de hoje, 13.

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários