Parlamentar “Ananias”

0

Para alguns cabras de peia, o terreno político em Sergipe tem demonstrado ser infértil. Ainda assim, essa turma de desiludidos insiste em plantar toda espécie vil de crime contra a honra, em especial a calúnia.

 

Há um certo parlamentar “Ananias” por aqui, loroteiro e sofista, que gosta de cobrar dos outros exatamente aquilo que ele mesmo nunca pôs em prática. Ananias, para quem não sabe, é uma personagem bíblica, apresentada no livro dos Atos (capítulo 5), que se desfez de um terreno por certa quantia, sob a desculpa de que doaria o produto da venda para a obra de pregação cristã, quando, na verdade, só doou a metade. Sua esposa, Safira, outra loroteira, compactuou dessa pouca vergonha. E o pior: tanto Ananias quanto sua mulher se apresentavam como paladinos da moralidade. O resultado é que o apóstolo Pedro descobriu tudo e lançou uma maldição sobre os dois. Ambos morreram. Que coisa!

 

Na filosofia grega, Protágoras de Abdera, pai dos sofistas, dizia que “o homem é a medida de todas as coisas, das que são enquanto são e das que não são enquanto não são”. Para esse certo parlamentar “Ananias” fica a parte final da máxima. Ele é a medida de todas as coisas que “não são”. Só está faltando o castigo divino. Mas as próximas eleições já se aproximam. Pedro nele!

 

Ponte dos alvistas no governo Déda

Um auxiliar do segundo escalão do Governo do Estado nas últimas semanas vem se destacando, não pelas ações da autarquia que comanda, mas pelas publicações nas colunas sociais da participação dele em várias festas de confraternização. Detalhe: em todas elas o auxiliar do segundo escalão aparece com o segmento empresarial de Sergipe que, desde o governo Albano Franco, tem tentáculos no governo do Estado, e na última campanha, foi trincheira da coordenação da campanha do candidato derrotado João Alves e só não chamavam Déda de anjo. Agora, através do auxiliar do segundo escalão tentam recuperar os tentáculos perdidos se aproximando do secretário Nilson Lima. Já o secretário, que não é bobo, escuta a todos, mas já sentiu o objetivo dos alvistas de carteirinha. Tem até um com sérios problemas por conta de um escândalo que estourou no ano passado em um município e ainda vai dar o que falar…

 

Posse de Artêmio nesta sexta-feira

Amanhã, 04, às 10h no auditório do Palácio de Despachos o governador em exercício, Belivaldo Chagas passa o cargo para o presidente do TJ, Artêmio Barreto. Ele ficará no cargo até a próxima semana, quando o governador Marcelo Déda retorna do descanso de 15 dias. Déda deve assumir o governo na quinta, 10, ou na sexta-feira, 11. O primeiro ato de Artêmio como governador será abrir o Encontro Cultural de Laranjeiras ainda na sexta-feira à noite. Artêmio se aposenta como desembargador no meio do ano. Já o vice-governador Belivaldo Chagas vai a São Paulo onde, além do descanso, fará exames de saúde de rotina que já realiza anualmente. Belivaldo realiza estes exames há cinco anos, quando teve um pequeno problema de saúde.

 

A quem interessar possa

Este espaço não divulga fatos da vida privada das pessoas. Cada um assume o que faz publicamente. Porém, a coluna divulga fatos quando estes dizem respeito a política em Sergipe envolvendo pessoas públicas. Ou seja, quando uma pessoa se dispõe a lançar uma pré-candidatura a qualquer cargo tem que aceitar as críticas e lembrar que na vida pública não tem apenas o bônus, mas o ônus também. Um conselho: quando tomar alguma atitude assuma inteiramente e não coloque no meio o nome de alguma autoridade, principalmente quando se sabe que essa autoridade não aceita abusos e ilegalidades.  

 

No NE, apenas Déda e Vilela contra transposição I

Matéria publicada no jornal o Estado de São Paulo do último domingo mostrou que no Nordeste, apenas os governadores Marcelo Déda e Teotonio Vilela (PSDB-AL), são contra a transposição do rio São Francisco. Leia trecho: “A transposição do Rio São Francisco tem apoio da maioria dos governadores de Estados nordestinos envolvidos no projeto – Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Rio Grande do Norte. As únicas vozes dissonantes vêm do sergipano Marcelo Déda – do mesmo partido do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o PT –, e de seu colega alagoano, Teotonio Vilela, do oposicionista PSDB. Ironicamente, os dois estados não são considerados nem doadores de água, como Bahia e Pernambuco, de onde vai ser retirada parte da água do rio, nem receptores (Rio Grande do Norte, Ceará, Paraíba e um trecho do sertão pernambucano). Entre os técnicos, eles são chamados de doadores indiretos, porque as águas desviadas do rio na Bahia e em Pernambuco chegariam a Sergipe e Alagoas”.

 

No NE, apenas Déda e Vilela contra transposição II

“Tenho uma posição crítica à transposição porque, na minha opinião, o projeto ‘secundariza’ os interesses dos estados da Bacia do São Francisco, trata com timidez a questão da revitalização do rio e não resolve dúvidas relacionadas aos impactos ambientais”, explica Déda. “Do mesmo modo, não me convenço de que o projeto, na forma em que se encontra, seja a solução técnica com o melhor custo-benefício para a falta de água no Nordeste Setentrional”. Do outro lado da mesa, o mais eloqüente defensor do projeto é o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), irmão do deputado federal Ciro Gomes (PSB-CE), um dos mentores do atual projeto de transposição elaborado enquanto ele era ministro da Integração Nacional. “Praticamente não há cearenses contrários ao projeto”, acredita Cid Gomes. “A transposição é de fundamental importância para o Nordeste como um todo”.

 

Caos nas praias do Saco e Abaís

De um leitor: “O caos está instalado nas praias do Saco e Abaís. É um total abandono por parte do poder público de Estância, em todos os sentidos. Uma cidade que tem essas praias, que em todos os feriados e principalmente na virada de ano recebem milhares de turistas das cidades vizinhas, todo mundo ficou no total abandono, lixo espalhado por todos os locais, falta de policiamento, iluminação precária, falta de infra-estrutura e tudo mais. Não tem uma rua calçada ao menos, nenhuma sinalização, a única coisa que a gente encontra ao ir a essas praias são os guardinhas do trevo da Caueira, que como todo mundo fala, os guardinhas dos 10,00, todo ano a mesma coisa se repete, e o prefeito municipal não dá o merecido valor que aquelas praias têm, como principal atrativo para as pessoas da cidade de Estância e de todas as outras da região sul”.

 

Caos também na praia da Caueira I

De outro leitor: “Para um Estado que pretende transformar-se em pólo importante do turismo, é necessário que o atual governo do Estado invista e muito em infra-estrutura. Neste final de semana prolongado e de passagem de ano, a Caueira, praia importante do litoral sul do Estado e pertencente ao município de Itaporanga D”Ajuda, transformou-se num verdadeiro caos. A falta de educação de alguns proprietários de veículos adaptados com potentes sistema de som, o barulho infernal que fazem, o mau gosto musical equivalente aos decibéis emitidos incomodaram permanentemente os que ali estavam a procura de repouso. Como se não bastasse, os visitantes daquela aprazível localidade viveram um verdadeiro inferno com a falta de água durante os principais dias do final de semana”.

 

Caos também na praia da Caueira II

Continua o leitor: “A localidade deve ter triplicado a sua população e o que se viu, foi uma verdadeira “via crucis” de lata d”água na cabeça de centenas de pessoas à procura de quem possuísse um poço artesiano e que pudesse emprestar algum líquido. É bom notar que existe um obra recente de ampliação de tratamento de água do Deso, e que certamente foi sub-dimensionada não considerando a possibilidade de dias de maior afluência de pessoas àquela localidade, como nos feriados, final de ano e carnaval, é mais uma obra do governo João que dá xabu. Fica a lembrança ao “Governo da Mudança” que deve preparar-se para ampliar e muito em breve, o sistema de tratamento de água local, aumentar o efetivo de segurança e de atendimento à saúde, pois após a construção da nova ponte Joel Silveira, o povoado da Caueira poderá ficar impraticável para o descanso e o lazer”.

 

Iluminação de final de ano em Aracaju

Quanto é para criticar se critica, sem medo e sem escolher. Mas quando é para elogiar? Também deve-se saber elogiar, para que sirva pelo menos de incentivo para que poderes públicos e outros segmentos prossigam marcando alguns gols. É o caso da iluminação da cidade Aracaju, durante o mês de dezembro e que vai se encarar nesses dias. Gente que mora aqui e também visitantes foram unânimes: nunca no mês natalino Aracaju foi tão bem iluminada: nos postes, nas árvores, em todos os locais e a iniciativa particular também colaborou com a iluminação em prédios e outros locais. Devendo-se registrar aqui a árvore da Energipe na Coroa do Meio. “Dá gosto passear pela noite em Aracaju”, muita gente disse, mesmo quem não é aceita às comemorações. E todos ganharam com isso, a população e os visitantes que irão propagandear esse fato por aí. Prefeitura, Governo do Estado e iniciativa privada, incluindo aqui a sociedade civil (moradores de casas e prédios) estão de parabéns.

 

Estágio em Matemática

O Instituto Recriando abriu vagas para estudantes de Matemática interessados em atuar na organização junto ao projeto Recriando Caminhos. O projeto, que tem como princípio disponibilizar um modelo de educação complementar que garanta os direitos de crianças e adolescentes, foi iniciado em 2002 e oferece diversas oficinas lúdico-educativas, entre elas capoeira, percussão, orientação de estudos, dança, futebol, handebol, teatro e Baú de Leitura. Para efetuar a inscrição, o candidato deverá preencher a ficha em anexo na página eletrônica da organização e enviá-la junto com o currículo para os e-mails: conceicao@recriando.org.br e institutorecriando@recriando.org.br até o dia 9 de janeiro. Mais informações poderão ser obtidas através dos telefones (0xx79) 3246 5211/5242 ou na sede do Instituto Recriando, localizada na rua José de Faro Rollemberg, 663, bairro Salgado Filho.

 

Encontro Cultural de Laranjeiras

A cidade de Laranjeiras, considerada “um museu a céu aberto” pela força da sua arquitetura representada na expressão dos seus monumentos históricos da época do barroco, estará realizando no período de 3 a 6 de janeiro, de quinta a domingo, o XXXIII Encontro Cultura de Laranjeiras, reunindo estudiosos, pesquisadores na discussão do tema “Quilombolas e Identidade Cultural”. O evento é uma promoção do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Cultura em parceria com a Prefeitura Municipal de Laranjeiras. O encontro terá uma programação artística com a participação de grupos folclóricos, artistas sergipanos e atrações nacionais. Este ano o encontro será aberto no Povoado Mussuca, localizado a 4 quilômetros da sede do município, onde reside uma expressiva comunidade quilombola. A Secretaria da Cultura preparou uma programação composta por um simpósio que debaterá o tema e atividades artísticas, como o cortejo dos grupos folclóricos de Laranjeiras. A partir do dia 4, sexta, as atividades serão realizadas na sede do município. (ASN).

 

Regras para motociclistas

Em todo o país a discussão vai ganhando corpo. E com toda razão, porque é preocupante as mortes de jovens que conduzem motos. Muitos trabalhando, na profissão de moto-boy, profissão hoje incorporada em todos os Estados, outros fazendo lazer, mas tanto uns quanto outros, muitas vezes correm imprudentemente pelas ruas e acabam se acidentando. Ou morrendo, o que é pior. Também tem o lado de culpa dos motoristas, que não prestam atenção aos motociclistas. Mas é preciso que as autoridades e a sociedade civil ajustem a aplicação de regras, inclusive a divulgação e conscientização, incluindo as escolas, sobre o uso correto deste meio de transporte.

 

Obras em Itabaiana

Está em processo licitatório, em Itabaiana, a construção do Matadouro Regional que processará a carne de toda a região do agreste central de Sergipe. No próximo dia sete serão abertas as propostas das empresas participantes. O matadouro terá câmara frigorífica e selo Estadual (SIE). Será construído e funcionará de acordo com a legislação ambiental. A sua capacidade será para abater 400 bois por semana. Além do matadouro que será construído no povoado Roncador, a prefeitura de Itabaiana começa o ano novo com o anúncio de diversas novas obras com recursos já contratados, em processo licitatório e em vias de licitação. Dentre elas estão: a pavimentação e drenagem do bairro São Cristóvão (Invasão), envolvendo os conjuntos: Miguel Pedro Mendonça, Maria Conriza Bispo, Maria do Carmo Alves I e II e Maria Espírito Santo, além da construção de 30 casas populares em áreas adjacentes. Os recursos são de R$ 2 milhões, oriundos do Fundo Nacional de Habitação e Interesse Social (FNHIS), com perspectiva é de licitação para fevereiro. (Ascom/PMI).

  

Frase do Dia

“Só existem dois dias no ano que nada pode ser feito. Um se chama ontem e outro se chama amanhã, portanto, hoje é o dia certo para amar, acreditar, fazer e, principalmente viver”. Gandhi.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais