Plenário, ringue ou rinha?

0

O bate-boca ocorrido ontem no Senado levou muita gente a confundir o plenário com um ringue, onde pugilistas bufões trocam o confronto físico por agressões verbais, enquanto giram de um lado para o outro. Por alguns momentos, pareceu que as câmaras da TV Senado estavam focando em uma rinha, onde galos velhos e covardes tentavam assustar os adversários abanando as asas e cocoricando para disfarçar a ausência dos esporões. Comparações à parte, o entrevero de Pedro Simon, Renan Calheiros e Fernando Collor deixou claro que os senadores – lógico que há exceções – estão mais preocupados em salvar o colega José Sarney do que em respeitar o decoro parlamentar. Aliás, nem em briga de boteco se baixa tanto o nível impunemente. Por muito menos, a Polícia chega descendo a madeira. Pior é que, diferente dos inferninhos, onde os valentões geralmente pagam pelos prejuízos causados, no Senado é o contribuinte quem custeia a verborragia dos falastrões.

Estica e puxa

Vocês já notaram como a pista do aeroporto de Aracaju vive recebendo verbas para ser ampliada. Nos últimos anos, praticamente todos os governos firmaram convênios para alongar aquela pista, sob o argumento de que finalmente ela teria condições de receber grandes aviões. Ontem, foi na vez do governador Marcelo Déda (PT) assinar um desses convênios para “esticar” mais um pouquinho a pista do aeroporto. Desse jeito, ela vai terminar na praia de Atalaia. Isso se não encolher, como parece ter ocorrido nas vezes anteriores.

Dinheiro na mão

O INSS depositou nesta terça-feira o pagamento de aposentados, pensionistas e demais segurados que ganham acima do salário mínimo e têm cartão com final 2 e 7, desconsiderando-se o dígito. Também hoje foram creditados os benefícios daqueles que ganham até o mínimo e têm cartão com final 7. Os segurados que tiverem dúvidas sobre o calendário de pagamento devem ligar para os operadores da Central de Atendimento 135.

Fotos perigosas

O Ministério Público Federal está preocupado com o fato de cada vez mais adolescentes se fotografarem em poses sensuais, nus ou seminus, postando depois as imagens na internet ou enviando-as pelo celular. Segundo a ONG Sefarnet Brasil, esta prática é conhecida como sexting, palavra originada de sex, que em inglês significa sexo, e texting, texto enviado por celular. Os adolescentes não sabem, mas as imagens podem cair nas mãos de outras pessoas, que tiram proveitos utilizando-as em sites pornográficos.

Financiamento em alta

Os financiamentos imobiliários em Sergipe totalizaram R$ 255,9 milhões no período de
junho de 2008 a maio deste ano. Desse total, R$ 110,8 milhões foram usados em
financiamentos para aquisição de imóveis prontos, correspondendo a 43,30% do total
financiado. A informação é do Dieese, com base em dados fornecidos pelo Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo. Os financiamentos para construção, material de construção, reforma ou ampliação de imóveis totalizaram R$ 145,1 milhões,
correspondendo a 56,70% do total financiado.

Aposta na educação

O município de Laranjeiras, onde está localizada a fábrica de cimento Cimesa, será
contemplado pelo projeto Parceria Votorantim pela Educação. O objetivo é
construir uma agenda positiva para debater e qualificar a educação pública com base nos principais indicadores e instrumentos de gestão e avaliação do ensino no País. O projeto será lançado amanhã, em ato que acontecerá de 9 às 11 horas, no Clube Recreativo Antônio Carlos Franco, localizado na Rodovia Walter Franco, s/n.

Apoio ao censo

O Banese está participando da Comissão Censitária Estadual, formada por membros de diversas instituições governamentais e privadas para dar apoio à realização do Censo 2010 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Através de um comunicado oficial, o presidente do IBGE, Eduardo Pereira Nunes, agradece a
participação do banco na comissão e destacou que as comissões censitárias terão papel
fundamental na mobilização, infraestrutura e demais aspectos do Censo 2010.

Valmor no Crea

O secretário estadual da Infraestrutura, Valmor Bezerra, fará palestra no próximo dia10
sobre a relação das construtoras com o governo de Sergipe. Será às 19 horas, durante a
reunião plenária do Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Sergipe (Crea/SE). Bezerra vai abordar principalmente o problema das empreiteiras que após vencerem concorrência, abandonam as obras pela metade sob o argumento que o valor contratado foi abaixo do montante a ser investido.

Penhora avaliada

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado deve analisar nesta terça-feira propostas que tratam da penhora de imóveis. Apenas a medida que impede a penhora de imóvel de fiador por conta da inadimplência do locador tem parecer favorável. Os projetos alteram a Lei do Bem de Família. Uma das propostas dita que imóvel residencial da família, cuja estimativa fiscal seja igual ou inferior a 40 mil salários mínimos, seja um bem impenhorável.

Defesa do cantor

O deputado estadual Francisco Gualberto (PT), entende que por não ter argumentos para criticar o governo, o democratas João Alves Filho condena até a performance do governador Marcelo Déda (PT) como cantor. “As últimas entrevistas concedida por João Alves demonstram o baixo nível que iremos enfrentar na próxima campanha eleitoral”, afirma o parlamentar. Ele disse desejar que Déda continue cantando, “até para aliviar a alma e enfrentar com mais força e sabedoria os inúmeros problemas de Sergipe”.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais