Políticos e o marco da comunicação

0

 

Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento, é o atual titular da pasta das Comunicações. Dentre as primeiras iniciativas do novo ministro dessa importante área, destaca-se a continuação do trabalho iniciado pelo ex-ministro Franklin Martins, em busca de estabelecer um marco regulatório para a comunicação social em nosso país.

Dois pontos considerados positivos pela maioria são: 1. Parlamentares não poderão ser detentores de concessões de rádio e televisão. E 2. Veto a qualquer tipo de monopólio ou oligopólio, como já consta da Constituição. O mesmo grupo não poderá ser proprietário de jornal, rádio e tv, simultaneamente.

São aspectos de difícil aprovação, ainda porque mais da metade dos deputados e senadores têm interesse direto na matéria. Paulo Bernardo afirma que tudo vai depender da presidenta Dilma Rousseff.

E nega que o projeto vise a controlar o conteúdo dos programas de rádio e televisão, o que caracterizaria censura. Paulo Bernardo é funcionário do BB aposentado. Foi ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão do governo Lula, cargo que assumiu em 2005. Nasceu em 10 de março de 1952, em São Paulo. Eleito deputado federal pelo PT do Paraná, exerceu esse mandato entre 1991 e 1995. Foi reeleito mais duas vezes para a Câmara dos Deputados. Em 1999, assumiu a Secretaria da Fazenda do Estado do Mato Grosso do Sul. Os últimos ministros das Comunicações foram, em ordem cronológica: Miro Teixeira, Eunício Oliveira, Hélio Costa e José Artur Filardi, respectivamente do PDT – Miro Teixeira e PMDB – os três últimos.

Certamente, quando da discussão setores poderosos da imprensa do Brasil, como a rede Globo vai “denunciar” que o marco é para controlar a imprensa no Brasil. Mesmo sendo difícil a aprovação do projeto, pelo menos vale a pena sonhar. Já pensou?  Quem ganharia não seriam apenas os profissionais de comunicação, mas, sobretudo, a população brasileira.

 

Gualberto continuará na liderança

Pode apostar, caro leitor. Gualberto, mesmo com os problemas de  saúde, vai aceitar o apelo do governador Marcelo Déda e continuará como líder da bancada (se é que pode se chamar assim) por mais alguns anos. Será que, pelo menos, desta vez o governador reconhecerá o trabalho árduo e quase solitário do seu líder?

 

1ª secretária

E o PT não abrirá mão da 1ª secretária da Assembleia. E a decisão tem o reforço e apoio do governador Marcelo Déda. Com isso Conceição Vieira poderá ocupar o cargo. Já está certo o nome de Angélica como presidente e que Adelson Barreto fará parte da Mesa Diretora.

 

Aeronave

A aeronave conseguida pelo governo estadual junto ao Ministério da Justiça, modelo Seneca3, é uma excelente aquisição, principalmente para o combate ao narcotráfico em Sergipe. No quadro estadual existem dois pilotos civis e um militar com capacidade e habilitação para pilotar a aeronave que tem capacidade para quatro passageiros, além do piloto e o co-piloto.

 

Cajus da curva do Iate I

Neste período que a cidade recebe centenas de turistas é comum o aracajuano passar pela avenida da curva do Iate e se deparar com turistas tirando fotos na pracinha existente ali onde tem uma espécie de monumento com vários cajus.

 

Cajus da curva do Iate II

Se o aracajuano olhar com mais atenção verá que o monumento está deteriorado em várias partes, inclusive em um lado um caju, de menor porte, está quebrado e pendendo para a calçada. É vergonhoso que um monumento daquele esteja da forma como se apresenta e não se tome uma providência. Até o turista que vai ao local deve lamentar a situação do local.

 

Ações do PCdoB

No último final de semana o Comitê Estadual do PCdoB de Sergipe se reuniu para traçar as ações partidárias para os próximos anos. As principais lideranças do partido em Sergipe estiveram presentes, além dda presença de Adalberto Monteiro, membro da Comissão Política Nacional do PC do B. Na reunião o partido reafirmou seu apoio político ao atual Governo do Estado e que apresentará ao Governador idéias e opiniões para fazer avançar ainda mais as mudanças e transformações neste segundo mandato do governo Déda.

 

Avanços em Aracaju

Ainda durante o encontro, todos os participantes pontuaram, sem exceção, a excelente administração de Edvaldo Nogueira no comando da Prefeitura Municipal de Aracaju. Em tom de orgulho, por o prefeito ser do mesmo partido, os dirigentes prestaram-lhe homenagens e ressaltaram os avanços pelos quais Aracaju está passando nas diversas áreas sociais. Desta forma, pautados na confiança de saber que os componentes do partido fazem parte da história de sucesso da administração Edvaldo Nogueira, os dirigentes aprovaram o desejo de ampliar a participação do PCdoB na administração da Prefeitura de Aracaju.

 

Legitimidade

Por fim, também foi decidido que o Partido Comunista do Brasil buscará disputar a sucessão da Prefeitura de Aracaju. De forma inquestionável, os dirigentes entendem que o prefeito Edvaldo Nogueira tem realizado uma gestão muito bem avaliada pela população aracajuana e que o PC do B, tem legitimidade para garantir a continuidade do trabalho desenvolvido por ele nos últimos cinco anos.

 

Falta D`Àgua em povoados

Sobre a matéria “Falta D” água em povoados”, a Assessoria de Comunicação Empresarial da Deso informa que os povoados Cajueiro dos Potes, Jenipapo, Saco de Areia e Segredo, são atendidos pela adutora sertaneja, que é responsável pelo abastecimento de água de nove cidades, inclusive Aquidabã e diversos povoados no sertão sergipano. No entanto, problemas tem ocorridos no sistema de bombeamento destinado a levar água aos referidos povoados. Para restabelecer o abastecimento nas localidades, os técnicos da Deso estão trabalhando para reiniciar a distribuição de água a partir da tarde de ontem,18.

 

Solidariedade as vítimas das enchentes

E a leitora Maria Cecília Alves fez, através de e-mail, uma ótima sugestão: que o Pré-Caju, que aglomera um grande público, possa servir também para arrecadar doações para as vítimas das enchentes no Rio de Janeiro, São Paulo e Minas. Quem passasse pelos detectores de metal, enfim, todas pessoas, poderia deixar sua contribuição. A população não ia ser impedida de participar da festa caso não doasse, mas tenho certeza que, se esta ideia fosse apoiada pelos meios de comunicação, o povo sergipano atenderia este pedido.Outra ideia é que os alimentos arrecadados pelo Bloco da Prevenção, apenas este ano, fosse direcionado para as vítimas.

 

Profissão de risco

O Comitê para Proteção de Jornalistas (CPJ) anunciou, em dezembro de 2010, que 145 profissionais da área foram presos, maior índice dos últimos 14 anos. China e Irã lideram a lista com 34 jornalistas encarcerados.

 

Reforço no Esporte e Lazer

E o trabalho de Maurício Pimentel à frente da Secretaria de Estado de Esporte e Lazer ganhou um reforço, literalmente, de peso. A equipe de comunicação que é comandada pelo veterano Givaldo Batista ganhou o reforço do jornalista e rei do Twitter, Márcio Rocha. Uma excelente aquisição, já que Márcio é das revelações dos últimos anos da imprensa de Sergipe.

 

Socialismo e Liberdade

O  PSB, cujo grande ideólogo é João Mangabeira, tem como lema “Socialismo e Liberdade”. O partido comandado em Sergipe pelo senador Valadares cresceu bastante, nas últimas eleições. Em Sergipe, o PSB é tradicional aliado do PT, desde os tempos da Frente Brasil Popular, em 1989 (PT/PSB/PC do B). O presidente nacional do PSB é o governador Eduardo Campos, de Pernambuco, um dos campeões de votos das últimas eleições. O Secretário de Educação, Belivaldo Chagas, e o deputado federal Valadares Filho são nomes destacados da sigla na terra sergipana.

 

Capital de giro em Itabaiana

Na próxima quinta-feira, 20, o Banco do Nordeste e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabaiana assinam convênio de um ano no valor de R$ 20 milhões para o financiamento de capital de giro e formação de estoques para as pessoas jurídicas que desempenham atividade comercial e são associadas ao CDL do município. Na ocasião do evento, a nova diretoria do CDL de Itabaiana tomará posse para o triênio 2011-2013. O evento será na sede do CDL de Itabaiana a partir das 20h.

 

Agilidade de processo

O presidente do Sindat – Sindicato dos Auditores Tributários de Sergipe, Marcos Correia Lima, criticou, durante entrevista ao Jornal da Manhã da Jovem Pan, nesta terça-feira, a lentidão da Justiça em relação ao caso Flávio Conceição. O presidente da entidade sindical afirmou que o caso não pode e não deve cair no esquecimento da sociedade.

 

Concurso público

O auditor tributário cobrou da Justiça aceleração no processo que analisa as denúncias contra o conselheiro, feitas pelo Ministério Público. “A gente espera que o Poder Judiciário seja ágil em sua apuração e dê logo uma resposta à sociedade, pois todos nós queremos que a justiça seja feita neste caso do Flávio Conceição”, alertou.Marcos Correia Lima criticou ainda o processo de admissão de conselheiro no Tribunal de Contas. Ele defendeu concurso público para cargos de conselheiro e para a magistratura. “Enquanto conselheiro for indicação política, nós não teremos um tribunal independente e imparcial, como a sociedade exige”, disse

 

Projeto Rondon em Sergipe

O Projeto Rondon está chegando a Sergipe. No próximo sábado, 22 de janeiro, a partir das 9 horas, alunos de 40 instituições de ensino superior de todo o País se reúnem no Teatro Tiradentes, Campus Aracaju Centro da Unit, para o início oficial da Operação Rio dos Siris. Até o dia 5 de fevereiro eles desenvolvem ações em comunidades carentes de 20 municípios sergipanos, nas áreas de comunicação; cultura; direitos humanos e justiça; educação; meio ambiente; saúde; tecnologia e produção e trabalho. Mais informações sobre o Rondon: https://www.defesa.gov.br/index.php/programas-e-projetos/projeto-rondon.html

 

Trio de Ouro

Não se trata de um conjunto vocal. O blog se refere aos três radialistas mais antigos e ainda em atividade em Sergipe. Pela ordem, José Eugênio de Jesus (Rádio Jornal) – 92 anos; Wellington Elias (Liberdade FM) – 83 anos; Carlos Magalhães (Rádio Jornal) – 73 anos. Três profissionais altamente dedicados à radiofonia sergipana.

 

Aposentadoria

A OAB nacional vai entrar com ação judicial visando a proibir o pagamento de aposentadoria àqueles que exerceram a função de governador de Estado. A medida vai ao encontro dos ideais de moralidade pública.

 

Paralisação no Detran

Segundo o Sindicato dos Servidores do DETRAN Sergipe (SINDETRAN), a greve realizada ontem, 18, por 24 horas, foi sucesso tendo a participação de mais de cem servidores do órgão. Entre os itens principais da reivindicação dos servidores está o piso salarial para R$ 1.500. O sindicato denúncia que hoje o piso é de R$ 526,00 e com os descontos os servidores recebem R$ 400,00.

 

Esclarecimentos da Emurb sobre nomes dos bairros

Sobre a nota “Justa Indignação I”, do internauta Rosalvo Fontes, publicada no blog no último dia 17, a Emurb presta os seguintes esclarecimentos: O projeto “Cidadania Urbana”  foi criado pela Prefeitura de Aracaju para facilitar a identificação das vias da capital. Executado pela Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), a iniciativa compreende a afixação de placas de parede e de conjuntos sinalizadores que contêm o nome da rua, do bairro e o código de endereçamento postal (CEP).Desde 2007, quando foi iniciada a primeira etapa do projeto, muitos questionamentos acerca da localização de vias e de bairros foram levantados por moradores das comunidades beneficiadas. A explicação para o fenômeno é que, em muitos casos, o nome oficial da via não era até então conhecido pela população que adotava uma nomenclatura popular.

 

Lei que limita bairros Atalaia e Farolândia é de 1982

Um exemplo disso é a localização dos bairros Atalaia e Farolândia na zona sul da capital. Os limites de ambos os bairros foram determinados pela lei municipal n° 873/82 de 01 de outubro de 1982, na administração do então prefeito Heráclito Rollemberg. O bairro Atalaia fica delimitado ao sul pela Estrada do Petroclube, ao norte pelas ruas Engenheiro Francisco Manoel da Costa e pela avenida Heráclito Rollemberg, ao leste pelo oceano Atlântico e ao oeste pela avenida Melício Machado e Hildete Falcão. Já o bairro Farolândia fica delimitado ao sul pela avenida Heráclito Rollemberg, ao oeste pelo canal Santa Maria, ao norte pelo rio Poxim e ao leste pela maré do apicum na avenida Beira Mar.

 

Ética e responsabilidade

Ao longo desse período, as equipes da Emurb têm recebido os moradores e apresentado as leis que determinam a correta nomeação das vias, já que é de competência exclusiva da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), como representantes da população, a escolha da nomenclatura de cada logradouro que depois de aprovada é sancionada pelo prefeito da capital. Diante do exposto, a Emurb está segura de que tem conduzido com ética e responsabilidade a execução do projeto “Cidadania Urbana” na capital e faz esses esclarecimentos em defesa do patrimônio moral desta administração e dos legítimos interesses da sociedade. (Da Ascom/Emurb).

 

Conectando com a Vida

Tem momentos da vida de cada ser humano que são inesquecíveis. E quando este momento envolve responsabilidade social com benefícios para centenas de jovens fica para sempre guardado em nossa memória. Há cinco anos este jornalista tem a oportunidade de assistir a solenidade de formatura dos jovens do projeto “Conectando com a Vida”, do Instituto Luciano Barreto Júnior. Ontem, 18, à noite, foi mais um momento de emoção no espaço Emes.

 

Formatura

A formatura da sétima turma do projeto teve a participação dos professores, alunos, familiares e diversas autoridades entre elas, o governador Marcelo Déda. Em um ano os alunos têm alunas normais de matemática, português, mas também de cidadania, além de outros projetos como a Informática Avançada, entre outros. Na solenidade os alunos fazem também apresentações musicais e ontem, mais uma vez, o coral deixou todos os presentes emocionados.

 

Esforço

A presidente do ILBJ, Maria Celi, fez um discurso mais uma vez emocionada lembrando que a formatura representa a comemoração do aniversário de Luciano Barreto Junior, que morreu prematuramente. “Todo trabalho tem valor e é preciso que o esforço para que façamos com amor”, disse dando uma mensagem de esperança e confiança para os jovens formandos. Em sete anos o ILBJ já formou quase 10 mil alunos.

 

Diferencial

Representando os formandos, todos de escolas públicas, a aluna Ingrid Lima Guimarães – que passou recentemente para engenharia florestal na UFS – disse que quando chegam ao Instituto os alunos procuram um diferencial para entrarem no mercado de trabalho. “E quando saímos temos a certeza que alcançamos este diferencial porque saímos cidadãos melhores para o mundo”, disse. Na solenidade o Colégio Atheneu Sergipense foi homenageado pelo ILBJ, com o secretário da Educação Belivaldo Chagas recebendo a homenagem.

 

Compromisso

O curador tecnológico do ILBJ, Luciano Barreto, aproveitou a presença do governador Marcelo Déda para lembrar a presença dele em vários momentos importantes não só do Instituto. Luciano disse aos formandos que eles estão vivenciando um novo momento para o Brasil em todas as áreas, graças ao trabalho do ex-presidente Lula e que o mercado competitivo vai necessitar de pessoas cada vez mais preparadas. “A cada ano nosso compromisso com a cidadania e com os projetos aumenta a cada dia”, revelou.

 

Eternidade

Já o governador Marcelo Déda mais uma vez demonstrou sua emoção ao participar de uma solenidade onde a responsabilidade social de uma empresa é a marca principal. Déda lembrou que muitos estudaram e estudam até hoje para descobrir o mistério da eternidade, mas a palavra amor, pode simplificar essa busca. “Quando transmitimos nosso amor, como sentimento individual ou coletivo, deixamos nossa marca”, disse afirmando que isso é o que ocorre com Luciano Barreto Junior que partiu para outra dimensão, mas daqui há cem anos continuará sendo lembrado pelos formandos do ILBJ.”O amor a Luciano foi transformado em amor coletivo, em responsabilidade social, tornando-o eterno”, disse.

 

Declaração de imposto de renda dos MEIs I

O Sebrae, em parceria com o Conselho Regional de Contabilidade (CRC) e o Sescap, está auxiliando os Micro Empreendedores Individuais (MEIs) a declarar o imposto de renda junto à Receita Federal de forma gratuita.Uma equipe de 25 contadores atende aos empresários que visitam a sede do Sebrae, localizada na avenida Tancredo Neves n° 5.500, em regime de plantão, das 08 às 12h e das 14h às 18h.

 

Declaração de imposto de renda dos MEIs II

Os profissionais também realizarão a tarefa durante a Feira de Sergipe, promovida entre os dias 19 e 30 de janeiro na Praça de Eventos da Orla de Atalaia, das 17h às 23h. O serviço também está disponível nos escritórios do Sebrae em Estância, Itabaiana e Lagarto. Todo MEI é obrigado a efetuar a declaração de imposto de renda.

 

Gás natural

A produção de gás natural em Sergipe sofreu queda de 38,48 por cento em novembro de 2010.

 

Dieese I

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-Econômicos é um instituto de pesquisas criado em 1955, em São Paulo, com o objetivo de assessorar os sindicatos de trabalhadores. Fornece periodicamente dados relativos a custo desemprego, produtividade e nível do salário real. Realiza estudos críticos sobre política econômica e medidas governamentais que atinjam os interesses do trabalhador. O Dieese E é mantido por sindicatos e associações profissionais que utilizam seus serviços.

 

Dieese II

Há vários anos o titular do Dieese em Sergipe é o economista baiano Luiz Moura. Simples e comunicativo, Luiz Moura tem aliado sua incontestável competência a uma grande dedicação à causa dos trabalhadores. Mantém um extraordinário relacionamento com os sindicatos, federações e confederações das diversas categorias profissionais. Digno de nota o trabalho desenvolvido, nos últimos anos, em Sergipe, por Luiz Moura, à frente do Dieese.

 

Centrais querem 580 reais

As principais centrais sindicais do país estão mobilizadas em torno da fixação do valor do novo salário mínimo em 580 reais. A decisão caberá ao Congresso Nacional.

 

Novela em Canindé

Já está confirmado. A partir de março, começam as gravações de mais uma novela global. Ponto positivo para o prefeito Orlando Andrade, que se empenha bastante para concretizar esse projeto. A novela vai mostrar o sertão e,  principalmente, o cânion do rio São Francisco.

 

Agora é oficial

A Confederação Brasileira de Futebol – CBF – baixou RDP (Resolução da Presidência), número 03/2010, que dispõe sobre o reconhecimento de campeões nacionais a partir de 1959. A referida resolução, assinada pelo presidente Ricardo Teixeira, é datada de 20.12.2010. Foram reconhecidos como campeões brasileiros os clubes vencedores de competições de âmbito nacional entre 1959 e 1970. Com a medida, foram beneficiados pelo reconhecimento os clubes Bahia, Palmeiras, Santos, Cruzeiro, Botafogo e Fluminense. Anteriormente, apenas a partir de 1971 a competição que reunia clubes de vários Estados foi considerada Campeonato Brasileiro. O primeiro campeão foi o Clube Atlético Mineiro.

 

Memória política

Em 1961, na renúncia de Jânio, Último de Carvalho estava explicando aos correligionários de Rio Pomba por que o PSD resolvera aceitar a posse de João Goulart como presidente de um regime parlamentarista. O chefe político da cidade interrompeu: – Doutor Último, nesse novo regime o doutor Jango nomeia? – Nomeia. Demite? – Demite. Prende? – Prende. Solta? – Solta. Empresta dionheiro? – Empresta. – Então tá tudo bem.

 

O Negro no futebol brasileiro

Obra-prima da literatura esportiva brasileira, este livro tem como autor Mário Filho, jornalista carioca, irmão do dramaturgo e cronista esportivo Nelson Rodrigues. É, sem dúvida, o maior clássico sobre o futebol brasileiro. Um estudo sociológico dos personagens que promoveram uma revolução, apropriando-se do futebol, um esporte criado pelos ingleses. Também jornalista esportivo, Mário Filho foi homenageado com a adoção de seu nome para a designação oficial do Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Segundo Epitácio Brunet, “Mário Filho, ao definir a contribuição do negro brasileiro ao futebol, completou um ciclo de obras – tais como

Casa Grande e Senzala, Formação do Brasil, Conteporâneo ou Raízes do Brasil – voltadas para a interpretação do Brasil.” Editora Mauad, 2003.

 

Hebe na Rede TV

A mais antiga profissional de televisão em atividade vai estrear, em março, na REDE TV! Uma das pioneiras da TV brasileira,  Hebe estreou no SBT em 1986. No ano que passou, enfrentou um câncer que a afastou do trabalho por alguns meses. Recentemente, lançou um CD e foi homenageada no Grammy Latino.

 

A Revolta da Chibata I

Há 100 anos, ocorreu, no Rio de Janeiro, uma rebelião que, embora de grande importância do ponto-de-vista social, não mereceu a devida atenção por parte da imprensa carioca. Foi no dia 22 de novembro de 1910. O marinheiro João Cândido Felisberto liderou uma revolta, na Marinha, que desafiou o Estado brasileiro e libertou o País de uma prática de crueldade contra homens pobres e negros, que era colocada em prática de forma habitual pela oficialidade para castigar marujos considerados infratores por meio de chibatadas. O movimento ficou conhecido como a “Revolta da Chibata”, virou uma página importante da História contemporânea do Brasil e elevou João Cândido à categoria de herói nacional e referência da luta pelos direitos humanos no País.

 

A Revolta da Chibata II

O reconhecimento a João Cândido foi tardio, mas ele faz jus à celebração que atualmente lhe prestam o próprio Estado, os meios políticos e acadêmicos e até a imprensa, que no Rio, à época da insurreição, negou ao marinheiro, conhecido como o Almirante Negro, uma citação digna a que todo herói nacional tem direito. Uma única exceção, à época, foi Rui Barbosa, que pronunciou incisivo discurso, no Senado Federal, para solicitar que fosse analisada com serenidade a “procedência ou improcedência das reclamações que, segundo consta, foram formuladas por parte dos insubordinados.” Quanto à imprensa da capital da República, a Gazeta de Notícias, que tivera Machado de Assis entre seus colaboradores, e o Correio da Manhã, o aguerrido diário de Edmundo Bittencourt, foram o contraponto da cobertura conservadora do Jornal do Comércio. Enquanto isso, os chargistas também debochavam dos revoltosos. (FONTE: Jornal da ABI – Nov. de 2010).

 

 

DO LEITOR

Despreparo na Orla Pôr do Sol

Da leitora Cleusa Dias :  “Hoje decidi me manifestar dada a minha indignação com a falta de preparo daqueles que se dispõem (se é que posso assim dizer) a explorar espaços públicos em locais considerados pontos turísticos. Os exemplos são vários, mas vou me ater a apenas um: na quinta-feira passada estive na Orla Por do Sol, bem feita, organizada e que gerou um novo ânimo para aquela comunidade. chamou-me a atenção que há pessoas de fora da localidade frequentando o local, mas apenas um bar estava aberto, cujo sanitário feminino tinha um aviso de isolado, mas estava “funcionando”, podre, o papel higiênico no chão, uma sujeira infernal. Cheguei por lá com minha família por volta das 20 horas e o único tira-gosto do cardápio era pastel. E o cliente poderia escolher entre o de camarão, queijo ou aratu. Não tinha caranguejo porque, segundo uma atendente mal humorada, que sequer sorri ou cumprimenta quem chega, estava em falta, mas deveria estar chegando no dia seguinte. E na sexta-feira, lá volto eu, desta feita com um grupo de amigos que visitavam a cidade. Fui, por falta de opção, para o mesmo bar. Eram 20h28 e já encontramos a atendente mal-humorada arrumando as cadeiras. Quando perguntei se estaria fechando, ela prontamente, respondeu claro: “estamos aqui desde oito da manhã. se ficar até mais tarde, não tenho como abrir amanhã”. Pensei em voz alta: que absurdo. E de pronto, ela rebateu: absurdo é ficar aqui trabalhando até tarde. ninguém é de ferro……” A moça continuou bradando e eu os meus amigos decidimos circular pela estrutura. Assistimos a comunidade aglomerada em determinados pontos, especialmente, adolescentes, e nenhum guarda municipal ou policial que pudesse inibir possíveis abusos e até danos à própria estrutura. Devo lembrar que faço essa ressalva, pois em alguns pontos do tabuado colocado no local, já é possível verificar fezes e lixos. Assim sendo, fica o questionamento: Para que serve a Orla Por do Sol? Alguma agência já informou aos seus clientes da existência dela, que, diga-se de passagem, é uma obra  linda, mas está muito distante de poder receber até o povo  da redondeza, imagine os moradores de Aracaju e de outras localidades. Espaço turístico sem preparar atendentes e sem garantir segurança, não deve existir.aproveito para sugerir ao senhor prefeito e até ao governador do estado: tratem de preparar esse povo que se mete a tomar conta de espaços públicos, como bares, restaurantes, etc. e tal. Se não há na estrutura do Estado e do município as condições necessárias, faça parcerias com o Sebrae, Senac ou qualquer outro S que seja”.

Porquê a saúde se torna cada vez mais cara.

Do leitor Francisco Sérgio de Argôlo,  ex-presidente da Caixa de Assistência do Sindifisco – CASSIND: “Hoje no Brasil, são muitos os problemas enfrentados na área da saúde. Presenciei nos congressos e fóruns da Unidas Nacional, que os procedimentos médicos e hospitalares adotados para enfermidades idênticas são despadronizados, ou seja, cada profissional ou entidade age a seu bel prazer, submetendo aos pacientes uma quantidade de exames exorbitante. A Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS, por sua vez, de maneira equivocada, controla apenas os planos de saúde, enquanto que os prestadores de serviços e fornecedores, ficam fora desse instrumento, o que afeta o direito dos consumidores.  Outra prática que deve ser coibida é o superfaturamento dos materiais hospitalares, como: as orteses, as próteses e os medicamentos, ou seja, os produtos saem das indústrias com preços ?X? e chegam ao consumidor com preços superfaturados, que chegam até 5.000% do valor de “X”, conforme informação da Sefaz de Minas Gerais. Para onde vai o dinheiro do superfaturamento? É imperioso que as autoridades competentes façam a sua parte, pois são sustentadas pelo povo, através do recolhimentos de tributos, para exercerem as suas funções de guardiões da sociedade”.

 

DEBATE – Fiscais da Emsurb e o bar Parati

 

O Uso do poder público em benefício do privado

Do leitor Anselmo Costa: “Com frequência, os meios de comunicação no Brasil veiculam notícias e informações que tratam de suspeitas e, às vezes, de fatos que comprovam a utilização de esferas do poder público em benefício de interesses privados. Esse problema não é novo e se constitui num dos impasses centrais do Estado republicano brasileiro, desde os momentos iniciais de sua organização. Num sentido mais geral, “república” designa um regime que se orienta pela defesa do bem comum e pela promoção do interesse da coletividade. A afirmação desse regime implica a delimitação clara dos espaços privado e público – e a necessária subordinação do interesse privado ao interesse público, sem o que a vida em sociedade se inviabiliza. Sempre que uma medida favorece um grupo ou uma família e prejudica toda a comunidade, é o próprio fundamento do regime republicano que é abalado e traído. Ao que me parece, talvez até esteja enganado, a praia é considerada um espaço público onde as pessoas tem o direito de freqüentá-la e se locomoverem de um ponto a outro, a menos que a área onde esteja instalado o Bar Parati seja de uso privado e nós sergipanos não estamos sabendo.Se for de uso privado não cabe ao Poder Público está ali presente efetuando serviços como no caso da Emsurb relatado ontem nesta coluna. É preciso que sejam apuradas as denúncias, pois “ serviço público é para servir ao público”.

 

 

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

 

Frase do Dia

“Liberdade significa responsabilidade, é por isso que a maioria das pessoas a teme”. George Bernard Shaw.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários