Posse abortada

0

A anunciada posse de Jackson Barreto (PMDB) como governador interino ficou para depois. É que o titular Marcelo Déda (PT) desistiu da viagem de uma semana que faria nesta quinta-feira aos Estados Unidos. Por conta da desistência do petista, o que seria a concretização de um sonho de Jackson Barreto terminou virando mesmo pegadinha de 1º de abril. A posse coletiva dos novos secretários, anteriormente anunciadas para amanhã, também foi adiada, para tristeza de alguns que até já haviam distribuído convites para a solenidade. Assessores do Governo garantem que os novos auxiliares deverão ser empossados no começa da semana que vem. Isso se Marcelo Déda não mudar sua agenda novamente.

 

Mal visto

 

Filiados do PDT aracajuano querem ver pelas costas o presidente municipal do partido, Antônio Samarone. Eles se queixam que o moço não dialoga com a base, fato que pode prejudicar os pedetistas que pensam em disputar as eleições de 2012. O problema já foi levado ao presidente estadual do PDT, Fábio Henrique, que aconselhou aos aliados a tentarem conversar com Samarone.

 

Pega mortal

 

O jovem universitário Rafael Henrique Morais ficou gravemente ferido ao ser atropelado por dois carros na Orla de Atalaia. Testemunhas do acidente garantem que Augusto César de Freitas Moura e Marcos Antônio Teles faziam ‘pega’ quando atingiram a vítima, que transitava numa motocicleta. Os dois acusados foram presos, mas ganharam a liberdade após pagarem uma fiança de míseros R$ 300. É uma pena que pessoas ditas educadas insistam em confundir seus possantes carros com armas letais.

 

Hora H

 

A presidente Dilma Rousseff (PT) pode escolher nesta quinta-feira o novo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Segundo o jornal Correio Braziliense, o advogado sergipano Carlos Alberto Menezes é o mais cotado para vestir a toga de ministro. Na nota, o jornal lembra que o sergipano foi preso e torturado durante os anos de chumbo e tem o apoio do governador Marcelo Déda (PT). Aguardemos, portanto!

 

Mais tempo

Estudantes que já são usuários do cartão Mais Aracaju Escolar têm até o dia 29 de abril para realizar o recadastramento. A SMTT decidiu prorrogar o prazo para atender o grande número de alunos que ainda não realizaram a atualização dos seus dados. O recadastramento é feito pela internet, através do site do Setransp, que disponibiliza a ficha de recadastramento.

Mais grana

 

Enquanto os servidores públicos estaduais permanecem sem saber se terão reajuste salarial e de quanto será o índice do aumento, a Prefeitura de Aracaju está pagando ao funcionalismo hoje com um aumento linear de 6% retroativo a janeiro. Para que isso ocorresse, a Câmara de Vereadores aprovou ontem o projeto do Executivo concedendo o reajuste salarial.

 

É feia a coisa

 

Torcedores do Clube Sportivo Sergipe garantem que a coisa está mais do que feia pras bandas do Estácio João Hora. Segundo eles, falta tudo, principalmente dinheiro para cobrir as dívidas do ‘Mais Querido’. A coluna ficou sabendo que já tem dirigente querendo abandonar o barco. Pelo andar da carruagem, não será surpresa se Motinha for chamado para assumir o comando do Sergipe. A torcida do Confiança adoraria.

 

Viva elas

 

A Assembléia Legislativa entrega nesta quinta-feira a Medalha Deputada Quintina Diniz a seis sergipanas. A homenagem deveria ter ocorrido no último dia 8, mas como a data caiu no Carnaval, foi transferida para hoje. Receberão a medalha Maria Ruth Wynne Cardoso – a tia Ruth, presidente da Avosos –; a jornalista Magna Santana; a tenente coronel Alessandra Dielle Viana; Flávia Brasileiro, presidente do Sindicato dos Enfermeiros; a professora Marivanda Joviniana Freire dos Santos, artesã de costura; e Iraneide Machado dos Santos, pescadora e agricultora.

 

Lançamento

 

O servidor do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, Fagner Dantas Barros, lança amanhã o livro Empregado Doméstico – Os direitos trabalhistas e sua realidade discriminatória. Será às 19h no Auditório da Escola Superior da Magistratura de Sergipe. A obra trata sobre as dificuldades que os empregados domésticos enfrentam na sociedade brasileira, além da evolução legislativa da matéria concernente a estes trabalhadores e o estudo do conceito e dos direitos constitucionais e infraconstitucionais a eles assegurados.

 

Do baú político

 

Há exatos 47 anos, o Brasil foi atingido por um golpe militar que mergulhou o país numa escuridão de quase 30 anos. Neste período, milhares de brasileiros foram presos, torturados e mortos nos porões da repressão. Muitos ainda hoje continuam desaparecidos, pois seus corpos jamais foram encontrados. Em Sergipe, o golpe foi sentido mesmo no dia 1º de abril, quando o Exército cassou e prendeu o então governador Seixas Dória. Sob a acusação de serem comunistas, dezenas de sergipanos também foram presos e torturados nas dependências do 28º Batalhão de Caçadores, em Aracaju.

 

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais