Processo sucessório

0

Passa a Semana Santa. Agora, a maioria das lideranças políticas da capital e interior está descansada. Depois de toda essa pausa e com o mês de maio se aproximando, tem que se iniciar os contatos reais para a escolha dos candidatos às Prefeituras, principalmente de Aracaju. O prefeito Marcelo Déda está satisfeito com o gesto das lideranças políticas dos partidos que formam o seu bloco político, em dar-lhe carta branca para escolher o vice. Mas não fará isso: vai conversar com todos, para que não haja insatisfação. A partir de agora as conversas são para valer, porque abril é o mês dos ajustes, maio do lançamento e junho das convenções. Mas nem tudo está nesta tranqüilidade que a oposição imagina. Uma das lideranças que ainda luta para disputar a posição de vice na chapa de Marcelo Déda, não concorda que o clima seja da mais absoluta calmaria.Há uma previsão de tempestade na meteorologia política do grupo. Essa liderança acha que a cúpula dos partidos está jogando bonito para a platéia e tranqüilizando Marcelo Déda de forma enganosa. No fundo, todos eles pretendem uma posição na chapa majoritária e vão lutar por isso até o fim, mesmo forjando uma situação de harmonia absoluta. Disse que ninguém está disposto a servir de trampolim para que só o Partido dos Trabalhadores se mantenha no Poder. Acha que mudança política se faz com alternância partidária, com outros elementos que também procure novos caminhos para Aracaju e Sergipe, não apenas com Marcelo Déda, “que se fizer o que Lula está fazendo, será um grande estrago. Isso é um sinal real de insatisfação”, revelou. O PMDB, que tinha dúvida em lançar candidatura, hoje tem dois possíveis candidatos. O empresário Walter Franco surpreendeu a todos e lançou seu nome a prefeito. No dia seguinte pegou o primeiro avião e se mandou para Paris, de onde ficou sabendo a repercussão da notícia. Mas o deputado federal Jorge Alberto é candidato a prefeito. Em entrevistas a jornalistas e até mesmo nas conversas com correligionários ainda fala em possibilidade. Inclusive está conversando com outros partidos. Mas confidenciou ao secretário para Assuntos Políticos e Institucionais, José Alves Neto, que é candidato a prefeito da capital. Evidente que ele vai conversar com o Diretório Nacional em busca de apoio, o que anima os membros do PMDB em Sergipe. O PFL ainda tem dúvida sobre a candidatura do secretário de Turismo, Pedrinho Valadares. Alguns auxiliares do Governo têm certeza que ele não deslancha, embora o candidato se considere bem, em razão do baixo índice de rejeição que tem nas pesquisas. Uma fonte importantíssima do partido, que inclusive participa das decisões, já concluiu que ele não terá condições. Acha que Pedrinho Valadares está muito sem gosto para a disputa e ninguém sabe o que espera para começar a trabalhar. Certamente outro nome virá e começa a surgir a idéia do secretário da Fazenda, Max Andrade, que seria uma opção dentro do comércio e um cidadão que começou a penetrar bem no eleitorado. Não existe uma certeza dessa troca, porque Max Andrade trabalha muito bem em sua pasta e está sustentando uma arrecadação que supera o Fundo de Participação Estadual (FPE), mas há um certo desânimo em relação à morosidade com que Pedrinho Valadares encara uma pré-candidatura. A partir de agora as coisas vão andar mais rápido e é possível que até o dia primeiro de maio se tenham algumas surpresas. É só esperar um pouco para ver. GILMAR O deputado estadual Gilmar Carvalho (PV) pode ter sua própria radio e o processo está em andamento em Brasília, onde ele passou praticamente toda a semana. A rádio já existe nas proximidades da capital e Gilmar está negociando para coloca-la no ar antes das eleições. O assunto está sob sigilo. CONVERSA O deputado estadual Gilmar Carvalho (PV) conversou, pela manhã, com senadora Maria do Carmo Alves (PFL) e vai tratar sobre sua candidatura à Prefeitura de Aracaju. A senadora pediu ao deputado que mantivesse sua candidatura a prefeitura, mas, logicamente, isso depende do abafo à Comissão de Ética que apura um ato do parlamentar. COMISSÃO O deputado Gilmar Carvalho também terá uma conversa com o governador João Alves Filho (PFL), que vai insistir na sua candidatura. Gilmar Carvalho já disse que pode ser candidato, mas sem comissão de ética. Diz que não pode entrar numa disputa eleitoral respondendo a um processo desse tipo. JACKSON O deputado Jackson Barreto pediu, da Tribuna da Câmara, ao presidente Lula, que aproveite o feriado da Semana Santa e reflita sobre o salário mínimo do país. Jackson pediu que o presidente antecipasse o anúncio do novo mínimo para agora em abril e que não deixe para maio, como se cogita. SALÁRIO Jackson Barreto também lembrou a Lula, o importante papel que o salário mínimo representa ao trabalhador brasileiro, sendo a principal renda de milhões de famílias brasileiras que só tem a ele para poder sobreviver. Neste sentido, o deputado Jackson Barreto pediu a valorização do salário mínimo para o patamar de 300 reais. SUSANA A deputada Susana Azevedo (PPS), pré-candidata pelo seu partido à Prefeitura de Aracaju, distribuiu peixes durante a semana santa, com habitantes da periferia da Capital. Susana esta animada com receptividade que vem obtendo do eleitorado, à sua candidatura. A deputada já faz isso há alguns anos. HELENO O prefeito Marcelo Déda e o deputado federal Heleno Silva (PL) têm encontro marcado para conversar sobre a sucessão municipal de Aracaju. O assunto é o vice. Para Heleno, o vice deve ser um nome que não divida e acha que esse perfil tem o atual vice Edvaldo Nogueira (PCdoB). PRESENÇA Algumas lideranças do interior que votaram em José Eduardo Dutra para o Governo do Estado, estão exigindo sua presença física nas eleições municipais. José Eduardo obteve 45% dos votos desse pessoal no Estado e, neste momento, não pode ficar ausente das decisões para as eleições municipais. PAULO O Partido Liberal vai conversar, esta semana, com o pré-candidato à Prefeitura de Canindé do São Francisco, Paulo Barbosa de Deus. Está praticamente certo que o PL apóia esta candidatura, mas os entendimentos ficarão a cargo do prefeito de Poço Redondo, Enoque Salvador. DECISÃO O deputado Walmir Monteiro (PFL) e o ex-prefeito José Raimundo Ribeiro (PTN) – Cabo Zé – jantam hoje para conversarem sobre candidatura a prefeito de Lagarto. É possível que desse encontro saia a fumacinha branca e tudo se defina. O ex-deputado Rosendo Ribeiro deve ser o nome de conciliação, com a candidatura a vice. NÃO ANUNCIA O prefeito Zezé Rocha ainda se disputa a reeleição em Lagarto, o que começa a provocar certa irritação do pessoal que continua esperando apenas uma decisão dele. Já há outro nome em vista, caso Zezé Rocha resolva não tentar a reeleição. O pessoal vai esperar mais alguns dias. EXPOSIÇÃO O pré-candidato a prefeito pelo PFL, Lauro Rocha expôs para o presidente da Assembléia, deputado Antônio Passos (PFL) a situação do partido em São Cristóvão. Passos ficou animado com as informações colhidas e acha que o PFL está no caminho certo, para vencer em vários municípios. PROCESSO A reabertura do inquérito sobre a fuga de Floro Calheiros não vai poupar ninguém. Também não deixará nenhum envolvido impune. Quem estiver envolvido com a fuga vai responder duro por isso. Todas as acusações também serão apuradas, afinal, a sociedade quer uma resposta. Notas ADIADO Foi adiado para a próxima quinta-feira o júri dos detentos Brás e Muganga, acusados de terem participado do assassinato do deputado estadual Joaldo Barbosa. O advogado dos réus, João Guilherme, que teria pedido adiamento, mas a juíza Iolanda Guimarães indeferiu. O advogado faltou ao júri. A juíza Iolanda Guimarães vai realizar o júri na quinta-feira mesmo com a ausência do advogado de defesa, porque nomeará defensores públicos. O advogado Saulo Eloy auxilia o Ministério Público na acusação. ACOMPANHA A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) considerou graves as denuncias que o agente penitenciário Hailton Paulino, assassinado em sua casa, fez contra o diretor do presídio, Manoel Trigo e considera insatisfatória as medidas adotadas pela Secretaria de Justiça que exonerou e abriu inquérito contra o diretor. A Ordem que acompanhar o inquérito e está encaminhando ofício ao delegado de polícia responsável pelas apurações, além de solicitar as fitas do ex-agente ao programa do radialista Gilmar Carvalho. HELOISA A senadora Heloisa Helena (sem partido) vai receber o título de cidadã sergipana nesta quinta-feira. O título foi concedido pelo deputado estadual Gilmar Carvalho (PV), pelo reconhecimento ao trabalho que a senadora realiza em favor da democracia e em defesa da região nordestina. O deputado federal João Fontes permanece em Aracaju esta semana, para organizar o lançamento do novo partido em Aracaju, também na quinta-feira, aproveitando a presença da senadora Heloisa Helena. É fogo A oposição vai começar o trabalho para que o Governo autorize a liberação da bancada para participa da CPI da Educação. O prefeito de Aracaju, Marcelo Déda (PT), deve dar posse amanhã a todos os novos membros da equipe. Faltam alguns ajustes. O prefeito Marcelo Déda aproveitou o feriado da semana santa para conversar com os aliados sobre o preenchimento das vagas. O secretário de Comunicação, Milton Alves, disse que o prefeito Marcelo Déda entenda que a administração tem que ser feita com a participação dos partidos aliados. O prefeito de Porto da Folha, Júlio Santana (PMDB), deve deixar hoje a Prefeitura. Assume amanhã a função de médico em Canindé do São Francisco. O presidente da Assembléia Legislativa, Antônio Passos, ainda não indicou candidato à Prefeitura de Ribeirópolis. O ex-prefeito de Lagarto, Jerônimo Reis (PTB), pode ser candidato a vereador naquele município. Quer ajudar a Zezé Rocha. A deputada Susana Azevedo está preparando o seu projeto de campanha para iniciar a caminhada rumo à Prefeitura de Aracaju. O Ministério Público vai deliberar locais públicos para uso do cigarro, alegando questão de saúde dos não fumantes. A partir do próximo mês a empresa aérea Gol também estará com escala em Aracaju com rotas para Norte e Sul. A Petrobrás anunciou que bateu um recorde de produção de óleo diesel na Bolívia. Foram produzidos 55.580 metros cúbicos, no mês passado. O governador João Alves Filho está conversando, com maior freqüência, com lideranças do interior, para definir candidaturas a prefeitos. Por Diógenes Brayner brayner@infonet.com.br

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais