Projeto dos mototaxistas já está na Câmara

0

Certamente o Prefeito João Alves Filho não tem o menor apreço pela Câmara de Vereadores. Num semana decisiva como est, que exige trabalho redobrado dos edis municipais candidatos à reeleição, o Prefeito envia à Câmara um projeto polêmico como o que regulariza o mototaxismo na cidade. Podia ter deixá-lo no mínimo para próxima semana quando as eleições já terão passado. Na manhã de terça-feira, a porta da Câmara parecia uma praça de guerra (a artéria precisou ser fechada ao tráfego), por conta de manifestação dos motoqueiros que têm interesse no serviço. É bem possível que o projeto só seja votado na próxima semana, até porque os motoristas dos transportes clandestinos (aqueles que não tem autorização do município para funcionar como táxis) estão exigir que eles sejam incluídos no projeto, para regularizar seus serviços. Agora, imaginem o tamanho do barulho: os taxistas legalizados já são em demasia; se legalizarem os clandestinos vamos ter mais taxis do que passageiros propriamente ditos.

A vida econômica no mês de agosto

O repasse do Fundo de Participação dos Estados para o Estado de Sergipe, no mês de agosto, ultrapassou os R$ 201 milhões, registrando retratação de 3,8% em termos reais (descontando a inflação, medida pelo IPCA em comparação com o mês de agosto de 2015. Quando comparado com o mês anterior – isto é, julho de 2016 – as transferências apresentrm alta de 23,5%. Em relação aos oito meses do ano, foi registrado uma retração de 9,4% em termos reais, em relação aos oito primeiros meses do ano passado. A informação é do Boletim Sergipe Econômico , parceria do Núcleo de Informações Econômicas da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe e Departamento de Economia da UFS. No que se relaciona ao Fundo de Participação dos Municípios somou no mês de agosto R$ 73,7 milhões registrando queda de 6,2% em relação ao mesmo mês de 2015. No comparativo com o mês anterior, houve queda de 25,7%. De janeiro  a agosto deste ano, houve uma queda de 8,2% em relação ao mesmo período do ano passado, em termos reais. Já a venda de gasolina ampliou-se a 77,4 milhões de litros, uma alta de 3,5%, em relação em relação a agosto de 2015. Com relação ao mês anterior também verificou-se alta de 6,6%. A comercialização do etanol hidratado assinalou baixa de 45,2% no mês de agosto, quando confrontado com o volume de vendas dos mesmo mês no ano passado. Mas, no comparativo com julho último, notou-se retração  no consumo de 10,3%. No tocantes ao óleo diesel, foram comercializados mais de 28,1 milhões de litros no mês analisado. Houve alta de 4,2% em relação ao mês de agosto do ano passado. No comparativo com julho deste ano notou-se um alta de 13,8%. O querosene de aviação obteve venda de mais de 2,4 milhões de litros, apresentando aumento de 22,1%  em relação a agosto de 2015. Quando comparado com o mês imediatamente anterior registrou-se alta de 13,2%. Houve crescimento de 1,4% na comparação com o mesmo período do ano passado.

Eleições em Itabaiana

Em Itabaiana nenhuma eleição passa sem uma grande discussão. A de 2016, não foge a regra. O grande debate por lá seria a compra de um terreno feito pelo Prefeito Valmir de Francisquinho ao seu correligionário, o ex-deputado José Teles de Mendonça. O Prefeito tentou eximir-se de culpa, dizendo que se a compra foi feita por um valor alto – no caso, 500 mil reais – foi coisa do Cartório (que pertence a d. Maria Helena Silveira) ou do seu departamento jurídico. O grave desta noticia é o fato de que o terreno foi avaliado pelo seu proprietário, isto é, o próprio José Teles de Mendonça. . Pela lei isso teria que ser feito por um profissional especializado, que naturalmente indicaria um preço justo. O ex-prefeito Luciano Bispo disse que o valor do terreno é de R$ 62,5 mil por tarefa comprada. Já o Prefeito declarou que comprou mas não pagou ainda. AÍ é que a coisa complica. Se José Teles já passou a escritura  corre o risco de ficar na mão.

Fiscina é cidadão sergipano

Economista, e gerente da Unidade de Desenvolvimento Territorial e Políticas Públicas do Sebrae, o Sr. Pedro Gomes Fiscina recebeu o título de Cidadão Sergipano, em solenidade realizada na tarde de segunda-feira, na Assembleia Legislativa.  Baiano de nascimento, ele chegou a Aracaju nos anos 70, jogando como profissional no Confiança. Jogou, depois, por dois anos no Sergipe, mas encerrou a carreira em 1981 no Confiança.  Em 1982, concluiu o curso de Economia na Universidade Tiradentes. Em 1984, passou a exercer a função de estagiário no extinto Centro de Apoio Empresarial e Gerencial (CEAG). Desde então ocupou as gerências de Orientação Empresarial, Agronegócios e Desenvolvimento Territorial, exercendo Atividades de orientação, consultoria, capacitação e elaboração de projetos econômicos e financeiros para implantação, manutenção e expansão de várias empresas do Estado. Para o Superintendente do Sebrae, Emanoel Sobral,  concessão do título é o reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo economista. “Fiscina é um grande técnico, uma pessoa que tem uma vasta lista de serviços prestados em nosso Estado. É um grande orgulho para a o Sebrae tê-lo como colaborador”.

               …e para encerrar…

Pagamento – O  Governo do Estado vai pagar, através de folha suplementar, os 1.200 funcionários, ligados ao Sintrase  que tiveram descontos por terem aderido à greve no mês de junho de 2016. Os oficiais administrativos, merendeiras, executores e vigilantes que participaram da greve, irão receber os salários bloqueados, no sábado, 30 do corrente.

                ***
Folheto – O Fórum Empresarial de Sergipe está comemorando  a centésima edição do Informe Empresarial que é encaminhado ao público interessado, diariamente, via e-mail.

                ***

Shopping– O empresário Messias Carvalho informando que o Shopping de Itabaiana, que é um empreendimento seu, vai ser inaugurado entre 5 e 10 de dezembro próximo, inclusive contando com um complexo de cinemas de 4 salas. É o primeiro shopping do interior do Estado, e as primeiras salas de cinema a funcionar em um município. Itabaiana, no passado, teve vários cinemas nas mãos do empresário José Queiroz da Costa que foi deputado federal por um mandato.

                 ***

25 anos – O Distrito 4390 do Rotary está comemorando este ano 25 anos de sua criação.  Lembrança foi do Governador do Distrito, Leonildo Pedrosa, na visita oficial que fez ao Rotary Club Aracaju-Norte, na última segunda-feira. Ele disse que o Distrito tem em caixa 118 mil reais para aplicação em projetos sociais que queiram ser desenvolvidos pelos clubes da região de Sergipe, Alagoas e norte da Bahia.

Comentários