Reajuste é ilegal

0

A pressa em aprovar o exagerado aumento do IPTU, impediu que a Câmara Municipal de Aracaju lembrasse da Lei Complementar 21/95, que está em vigor. Ela criou a Comissão de Reavaliação de Imóveis para fins do citado tributo, composta por integrantes de entidades como Crea, Caixa Econômica, CDL e Fabaju. Ontem, durante reunião do Fórum Empresarial, o advogado Roberto Wagner Filho disse entender que o reajuste do IPTU é ilegal por violar o princípio da razoabilidade e proporcionalidade, e pela não participação da sociedade civil, conforme prevê a Lei Complementar esquecida pelos vereadores. Não fosse ilegal, o aumento do tributo é imoral, pois, em alguns casos, chega a ser superior a 200%, isso num país com inflação de apenas um dígito. Diante da fumaça do bom direito, o Fórum Empresarial vai recorrer à Justiça para suspender a cobrança do IPTU até que a Prefeitura aceite discutir o aumento com a sociedade aracajuana. Tomara!

João preocupado

Temendo que a Justiça suspenda a cobrança do IPTU, o prefeito João Alves Filho (DEM) marcou para amanhã uma reunião com o Fórum Empresarial de Sergipe. Na conversa com o coordenador da entidade, Ancelmo Oliveira, o demista chegou a dizer que a coisa não é tão feia como pintam: “Há casos em que o valor do imposto até foi reduzido”, disse. Será que os responsáveis por essa marmota do reajuste enganaram inclusive o prefeito?

Pires na mão

E quem está em Brasília atrás de dinheiro é o prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PSC). Ele pediu ajuda ao senador Eduardo Amorim (PSC) para tentar liberar recursos visando a construção de novas creches e quadras poliesportivas. Caso consiga a grana que deseja, o prefeito também pretende implantar na cidade um Centro de Iniciação ao Esporte.

Fina Flor

Saiu do forno o belo CD Fina Flor, composto de 15 poesias do médico e intelectual Marcelo Ribeiro, todas musicadas pelo saudoso maestro Sérgio Boto. O bem acabado trabalho patrocinado pela Unicred exibe interpretações geniais de Paulo Lobo, Tonho Baixinho, Neu Fontes, Nino Carvan, Andréa Montezuma, Indiana Nomma, Toni Barreto e a fantástica participação do pianista João Ventura. Com texto de apresentação escrito por Clínio Guimarães, o CD é um deleite para os amantes da boa música.

Atrás de grana

Na tentativa de recuperar parte dos recursos perdidos pela redução da tarifa de energia elétrica, o prefeito de Canindé, Heleno Silva (PRB), se reuniu com o colega baiano de Paulo Afonso, Anilton Bastos. Ambos tentam convencer o governo federal a compensar financeiramente os dois municípios pelo que deixaram de arrecadar com a geração de energia. Taí uma luta difícil!

É fogo!

A indústria não tem como colocar no mercado, até abril próximo, o volume de extintores de incêndio com carga de pó ABC. Segundo o empresário Robson Santos Pereira, somente Sergipe precisa de 140 mil destes equipamentos para atender a demanda, volume impossível de ser fornecido pelas fábricas. Portanto, se o governo não prorrogar novamente o prazo para a troca, muita gente vai ser multada em R$ 190. Você tá nessa?

Desmiolado

O ex-prefeito de Capela, Manoel Sukita (PMDB), é mesmo um desatinado. Só pode ser alvoroçado do juízo quem afirma ter medo de ser assassinado a mando do senador Antônio Carlos Valadares (PSB). Ora, do político simãodiense pode-se dizer muita coisa, mas nunca que ele seja um homem violento, capaz de mandar tirar a vida de alguém. Por conta de mais essa maluquice, Sikita deve ser processado pelo líder maior do PSB sergipano. Bem feito pra aprender respeitar os outros!

Quase líder

E o deputado federal Fábio Reis (PMDB/SE) foi empossado ontem na vice-liderança do partido na Câmara. O lagartense ficou muito satisfeito com o cargo, que lhe permite orientar a bancada e participar de qualquer comissão temática da Casa. “Vamos buscar o melhor para os brasileiros, de forma democrática e justa”, discursa Fábio.

Casa alheia

E quem anda metendo o bedelho na casa alheia é o deputado estadual Valmir Monteiro (PSC). Ele lamenta que o DEM do prefeito João Alves Filho esteja dando sustentação ao governo na Assembléia. No entendimento de Valmir, os deputados demistas Augusto Bezerra e Goretti Reis deveriam marchar junto com a oposição. Não seria mais lógico Monteiro se preocupar com o seu PSC, que ainda está zonzo com a derrota sofrida na disputa pelo governo de Sergipe?

Gás natural

O deputado estadual Gustinho Ribeiro (PSD) deseja que a Sergás viabilize a interiorização do gás natural, visando atrair novas indústrias para os municípios sergipanos. “Lagarto, por exemplo, tem um potencial muito grande do ponto de vista industrial, mas a falta do gás natural desestimula os empresários”, reclama. A notícia boa é que a Secretaria do Desenvolvimento Econômico já estuda levar gás para o interior através de caminhões.

Recorte de jornal

Publicado no jornal Vida Laranjeirense em 2 de setembro de 1934

Resumo dos jornais 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais