Rumo ao precipício

0

A cada dia fica mais visível que o Brasil está fazendo um voo cego rumo ao precipício. Descontente com as trapalhadas deste governo militar, o Congresso ameaça implodir o projeto de reforma da Previdência, além de rejeitar outras propostas importantes concebidas no Palácio do Planalto. Em isso ocorrendo o país afunda de vez. Pior é que o capitão-presidente segue demonstrando pouco apreço às obrigações inerentes ao cargo, preferindo se divertir com os filhotes no mundo virtual do whatsapp. Ontem mesmo, enquanto os deputados federais protestavam contra a recusa do ministro Paulo Guedes de comparecer à Câmara, Jair Bolsonaro preferiu ir ao cinema. Aliás, se arrependimento matasse, faltariam caixões e cemitérios para enterrar os desiludidos eleitores do soldadinho de chumbo. Cruzes!

CPI abortada

Era uma vez a CPI da Lava Toga concebida pelo senador Alessandro Vieira (Cidadania). Ontem à noite, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), arquivou o requerimento propondo a CPI, que visava investigar a cúpula do Poder Judiciário. O demista argumentou que parte dos fatos usados para justificar a criação da Comissão estava fora dos limites da fiscalização do Senado. Inconformado em ver a sua cria no vinagre, Vieira recorreu contra o arquivamento. Marminino!

Empregos à vista

E o deputado federal Laércio Oliveira (PP) quer trazer para Sergipe uma filial da Havan, a loja de departamentos mais completa do Brasil. Em conversa com Laércio, o empresário Luciano Hang demonstrou interesse na proposta de se instalar no estado. Com mais de 100 mil produtos, a Havan é conhecida pelas suas lojas com fachadas similares à da Casa Branca e pelas réplicas da Estátua da Liberdade instaladas na frente da maioria das filiais. Vixe!

Golpe nunca mais

O deputado federal João Daniel (PT) assinou uma representação contra o presidente Jair Bolsonaro (PSL). Dirigido ao Ministério Público Federal (MPF), o documento quer saber se o capitão de pijama feriu a lei ao mandar as Forças Armadas comemorem, no próximo dia 31, o aniversário do golpe militar de 1964. Aliás, a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, órgão do MPF, já advertiu que quem festejar a data pode ser punido por agressão à Constituição. Misericórdia!

Banco aprovado

A direção do Banco do Estado de Sergipe festeja o fato de o Procon de Aracaju ter aprovado o atendimento prestado aos clientes. Segundo a Defensoria Pública de Sergipe, a inspeção, realizada agora em março, constatou que os serviços do banco atendem as exigências legais. No mês passado, contudo, o Banese foi multado em R$ 200 mil por desrespeito à Lei dos 15 minutos. A punição foi aplicada pelo Superior Tribunal de Justiça. Crendeuspai!

Divisão do bolo

A bancada federal de Sergipe volta a se reunir, hoje, para oficializar quem apoia ou não o governo do capitão-presidente. Os parlamentares que se definirem governistas discutirão o rateio dos cargos federais no estado. A ideia é chegar a um consenso sobre a divisão dos bem remunerados empregos. Para conquistar uma dessas sinecuras basta ter votado no capitão de pijama, não ser ficha suja e, principalmente, saber cantar o Hino Nacional à capela. Homem, vôte!

Viva o jegue!

E a deputada estadual Kitty Lima (Rede) apoia o projeto do deputado federal Ricardo Izar (PP-SP) tornando o jumento patrimônio nacional. Pela proposta, fica proibido o abate de jegue em todo território nacional. A Frente Nacional dos Jumentos tem denunciado que este animalzinho pode ser extinto no país. Ademais, como bem canta o saudoso Luiz Gonzaga, “o jumento é nosso irmão”. Arre égua!

Na terrinha

E quem estará em Sergipe, amanhã, é Tereza Cristina, ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Em artigo publicado no jornal Folha de São Paulo, a moça revela que vem conhecer a realidade da agropecuária da região. Convidada pelo deputado federal Fábio Reis (MDB), a ministra não trará nada de concreto para beneficiar o nosso homem do campo. A agenda de Tereza Cristina prevê visitas Lagarto e Canindé. Então, tá!

Meia sola

A Câmara de Aracaju vai passar por uma meia sola. Segundo o presidente do Legislativo, vereador Nitinho (PSL), o prédio será pintado interna e externamente, terá o telhado recuperado e a rede elétrica consertada. O plenário vai ser reformado posteriormente. Nitinho explicou ser impossível fazer uma grande reforma na Câmara, pois o velho prédio é tombado pelo patrimônio público. Ah, bom!

Posse de Albano

O ex-governador Albano Franco (PSDB) é o novo membro do Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe (IHGS). O tucano será empossado amanhã, durante sessão comemorativa dos 164 anos de Aracaju. Em 2015, Albano ingressou na Academia Sergipana de Letras, tomando posse na cadeira que pertencia ao poeta Santos Souza. Aliás, a imortalidade tem feito um bem danado a Albano. Prova disso são os artigos da lavra do acadêmico, publicados pela imprensa local e nacional.

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Tempo, em 19 de setembro de 1950

Resumo dos jornais

Comentários