“São tão fortes as coisas! Mas eu não sou as coisas e me revolto.”

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

A frase do título deste artigo é de Carlos Drummond de Andrade e serve para explicar o papel de uma pequena parte da imprensa do país que continha na trincheira na luta pela liberdade de expressão. Em todas as esferas, os poderes no Brasil precisam de reciclagem urgente. A produção em prol da sociedade, se comparada com o gasto dos poderes é uma aberração. O gasto com salários absurdos e mordomias indecentes envergonha o Brasil lá fora.

A maioria da classe política é envolvida em crimes de improbidade administrativa ou até mesmo corrupção. Os recursos que deveriam levar saúde, saneamento, educação de qualidade e tudo mais para A sociedade são desviados descaradamente. Se fosse na China um percentual significativo da classe política do Brasil já estaria morta com a pena de morte como ocorreu na semana passada com a execução de um ex-banqueiro que comandava um estatal e desviou R$ 1,5 bilhão. No Brasil, a pena de morte é para uma parcela significativa da população que vive na miséria e não têm atendidas suas necessidades básicas como garante a Constituição de 88.

Ontem, 01, a Câmara dos Deputados realizou a eleição da nova Mesa Diretora onde o Executivo deu uma demonstração da política de barganha, distribuindo dinheiro de emendas para que seja blindado e nenhum pedido de Impeachment vá à frente.

É um sistema falido onde parte significativa da sociedade e da imprensa aplaude ou faz ouvido de mercador.
Não há esperança de mudança no atual sistema, já que a maioria dos políticos quer que continue assim.

A verdade é que a política no Brasil está tão medonha e abjeta que, se os brasileiros tivessem um mínimo de sensatez, pediriam desculpas aos índios e devolveriam o País a eles.

Dos tempos difíceis ficarão apenas para a história o nome daqueles que, como escreveu Drummond, “São tão fortes as coisas! Mas eu não sou as coisas e me revolto”.

Para reflexão dos bons: Por que sois tão medrosos? (Mc 4,35-41):
Ele se levantou e ordenou ao vento e ao mar:
“Silêncio! Cala-te!”
O vento cessou e houve uma grande calmaria.
Então Jesus perguntou aos discípulos:
“Por que sois tão medrosos? Ainda não tendes fé?”


A quem recorrer? O posto da Polícia rodoviária Federal em São Cristóvão continua com a obra parada. A firma que estava executando a citada reforma abandonou o serviço. Qual o motivo? Será que o MPF pode descobrir o que está acontecendo?

Comissionados Assembleia De um servidor efetivo do Legislativo: “A Alese tem mais de 1300 cargos em comissão para pouco mais de 100 cargos efetivos. Um absurdo! E onde está a oposição de araque que nada diz sobre isso? Quantos cargos em comissão servem à oposição? Pode desmoronar muitos discursos…” 

 Abastecimento de água para Poço Verde E o prefeito Iggor Oliveira, de Poço Verde, esteve na Funasa, em audiência com o presidente Waldoilson Leite sobre o projeto de abastecimento de água com investimento de 1,5 milhão conseguido através de emenda parlamentar do então deputado André Moura, através do trabalho da gestão municipal em Brasília. “O projeto já está pronto e nos ajustes finais por parte da Funasa para dar andamento e realizarmos o sonho de levar água a quase 100% do nosso município”, explicou o prefeito que foi acompanhado do Secretário Municipal de Governo Roberto Xavier e o chefe da Divisão de Engenharia de Saúde Pública (Diesp) da FUNASA, Sylvio Aboim.

PGE: decisão que julgava irregularidade de contas é mantida A Procuradoria-Geral do Estado de Sergipe (PGE-SE), através do Procurador do Estado José Wilton Florêncio Meneses, conseguiu reverter a anulação de decisão administrativa do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE-SE, em sessão realizada na data de ontem, 28, no Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ-SE). A decisão ocorreu após sustentação oral do procurador numa sessão que reuniu a Turma Recursal do TJ-SE e que reformou a sentença de primeiro grau, no sentido de julgar improcedente a ação anulatória que visava afastar os efeitos de decisão administrativa do TCE-SE, que julgou pela irregularidade das contas da Câmara Municipal de Lagarto, referente ao exercício do ano 2008.

Direito de defesa O autor da demanda, o presidente da Câmara no ano de 2008, alega na ação que não teria sido intimado pessoalmente da sessão de julgamento das contas, o que feriria o seu direito de defesa. Segundo constou no voto do relator do recurso, Juiz Aldo Melo, acompanhado por unanimidade, “A comunicação dos atos processuais no âmbito do Tribunal de Contas é feita apenas por meio eletrônico, não havendo qualquer irregularidade ou ilegalidade na utilização deste artifício”, esclareceu.

Respeito ao contraditório De acordo com o Procurador do Estado de Sergipe que atuou na defesa da validade da decisão administrativa do TCE-SE, a decisão demonstra respeito ao alegado pelo estado. “A decisão demonstra que o respeito ao contraditório e a ampla defesa pressupõe a observância do devido processo legal, ambos caminham em conjunto e se aplicam a todos os atores processuais”, concluiu.

Socorro celebrará dia da Padroeira com missa Mesmo com as restrições devido à pandemia do coronavírus, o município de Socorro não ficará sem comemorar o dia da padroeira, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, nesta terça-feira, 2. As celebrações foram adaptas. Logo cedo, às 6h, a Igreja Matriz, localizada na sede, abrirá o dia com uma alvorada festiva, seguida do Ofício de Nossa Senhora. A tradicional lavagem da escadaria da igreja, realizada pelos adeptos de religiões de matriz africana, em comemoração ao dia de Iemanjá, também celebrado no dia 2 de fevereiro, este ano não irá acontecer. A medida atende as recomendações do Governo do Estado.

 Socorro celebrará dia da Padroeira com missa II Com o apoio da Prefeitura de Socorro, por meio da Secretaria de Cultura, às 17h acontecerá a Santa Missa com Dom João Costa, arcebispo de Aracaju, na Igreja Matriz de Socorro. Após a missa, a habitual procissão será substituída por uma carreata. A União Filarmônica Nossa Senhora do Socorro estará presente para enaltecer, ainda mais, as comemorações. De acordo com padre Adeilson Almeida, pároco da igreja matriz de Socorro, a população poderá participar presencialmente da missa, mas deve seguir os protocolos de prevenção do coronavírus, como utilizar máscaras, álcool em gel e respeitar o distanciamento social. O público também pode acompanhar a Santa Missa de forma online, por meio da página da *Prefeitura de Socorro no Instagram @prefeituradesocorro.

Feriado em Socorro hoje, 02  Fique atento ao que abre e fecha no município: Shopping Center e Comércio, em comum acordo entre o Sindicato dos Empregados no Comércio de Nossa Senhora do Socorro, o Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado de Sergipe e a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Socorro, ficou acordado que o Shopping Prêmio e o comércio local irão funcionar em horário especial; O Shopping Prêmio funcionará das 12 às 20h. Já o comércio local funcionará das 08 às 14h; Mercado e Feira livre, o Mercado Municipal irá funcionar das 06 às 12h. De acordo com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsurb), nenhuma feira livre é realizada às terças-feiras no município. Unidades Municipais de Saúde: a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jairo Joaquim dos Santos irá funcionar normalmente, já as Unidades Básicas de Saúde NÃO irão funcionar; a Central de Atendimento a pacientes com síndromes gripais, que fica na Clínica de Saúde da Família Maria Helena, no Marcos Freire 1, funcionará das 07 às 22h;

Terminal Fernando Sávio: vereadores seguem buscando solução para comerciantes Os vereadores Sheyla Galba e Ricardo Marques estiveram ontem, 01, na Empresa Municipal de Serviços Urbanos – Emsurb e no Centro Administrativo da Prefeitura de Aracaju acompanhando os comerciantes que atuam no Terminal Fernando Sávio, no centro da cidade. Eles terão que deixar o local por conta da reforma da Rodoviária Velha e buscavam um posicionamento da PMA sobre a realocação e a garantia de retorno após a conclusão das obras.

Prazo inicial “Estamos acompanhando a situação desde que esses comerciantes receberam a notificação que teriam que deixar o local. Conseguimos com a ampliação do prazo inicial, que já venceu, mas a gestão municipal não apresentou resposta sobre a realocação destes trabalhadores”, detalhou Ricardo Marques. Para discutir a situação, o presidente da Emsurb agendou uma reunião com os comerciantes, que convidaram os parlamentares para participar, o que não foi aceito pelo gestor. “Lamentavelmente o que recebemos foi a ‘porta na cara’. Queríamos apenas dialogar e encontrar uma solução, mas não foi possível. Inclusive, a reunião acabou não ocorrendo porque o presidente não gostou de terem nos convidado para participar”, salientou Sheyla Galba.

Recepção Diante do ocorrido, os parlamentares e comerciantes seguiram para o Centro Administrativo da prefeitura, onde foram recepcionados pela secretária do prefeito Edvaldo Nogueira. “Muito bem recebidos, diga-se de passagem, diferente do tratamento na Emsurb. A gente agradece a atenção da secretária, que ouviu a nossa demanda para resolver os problemas dos comerciantes. Vamos aguardar o posicionamento do prefeito, que ficou de agendar uma reunião para nos receber e tratar do assunto”, ressaltou Sheyla.

MPE Ricardo Marques destacou ainda que a vereadora Emília Correia vai levar a questão ao Ministério Público. “Para que o MP também entre na discussão junto com a Prefeitura de Aracaju, por meio da Emsurb, que é a responsável pela organização dos espaços públicos na capital. É preciso definir para onde essas pessoas serão realocadas e garantir que, após as obras de reforma, elas retornarão para os espaços onde atuam há décadas”, enfatizou Ricardo Marques.

Aracaju inicia vacinação de idosos após imunizar 70% dos profissionais A Prefeitura de Aracaju se prepara para distribuir a segunda dose de coronavac a profissionais de saúde e idosos institucionalizados a partir do dia 08 de fevereiro. A meta é vacinar 70% do público dessa primeira etapa para iniciar a segunda, cujo público são idosos a partir de 60 anos. Na segunda etapa, serão disponibilizadas salas de vacina em 40 Unidades Básicas de Saúde, além de cadastro on-line e ação drive thru.

Acesso à Praia do Abaís Em ampla pauta pela região sul sergipana, o deputado estadual Zezinho Sobral (Pode) esteve na cidade de Estância para dialogar com a comunidade e identificar demandas. Acompanhado pelo vereador Evandro da Praia (Psol), Sobral conversou com moradores que apresentaram os problemas de algumas estradas locais, especialmente as de acesso à Praia do Abaís.

Acesso à Praia do Abaís II O deputado e o vereador percorreram parte da rodovia SE 470 (rodovia Ayrton Senna), entre a BR 101 e a SE 100, entre o Povoado Nova Estância e o trecho de acesso à Praia do Abaís. “As máquinas estão na pista. As obras de reestruturação da SE 470 estão em andamento. Serão recuperados 19,30 km de extensão no acesso à Praia do Abaís. A obra faz parte do Pró-Rodovias, um dos eixos do programa de Recuperação Econômica do Governo do Estado (Avança Sergipe) e, depois de pronta, agregará valor à região litorânea de Estância”, comentou Zezinho Sobral.

Acesso à Praia do Abaís III O parlamentar também esteve no trecho que interliga a rodovia de Zé do Baião até a Orla do Abaís, que precisa ser revitalizado. “É uma área de fluxo turístico muito grande. É muito importante manter essa rodovia estruturada para fortalecer o setor. Farei uma indicação para que seja feito o acesso da rodovia Ayrton Senna até a Orla do Abaís, com melhorias na pavimentação asfáltica. Encaminharei a demanda ao Governo do Estado para que esse trecho seja contemplado na segunda fase do Pró-Rodovias”, afirmou o deputado, ressaltando que o programa revitalizará 440 km de rodovias em todo o estado.

Acesso à Praia do Abaís IV A população também pediu a Zezinho Sobral a interlocução para que seja revitalizada a rodovia que liga Estância a Boquim, trecho que passa pelo povoado Alecrim. “As pessoas reclamaram bastante que a área compromete a segurança dos moradores e há trechos críticos. As providências serão tomadas para que o pleito seja atendido. As rodovias são essenciais para o turismo, o transporte, o escoamento do agro, empregabilidade e o desenvolvimento”, disse Zezinho Sobral. “Fico agradecido à atenção do deputado Zezinho Sobral com a nossa cidade e com a contribuição que ele dará para revitalizar esse pequeno trajeto mas que é grandioso e essencial para a comunidade de Estância e todos que frequentam a Praia do Abaís”, agradeceu o vereador Evandro da Praia.

Maternidade Santa Isabel garante que recém-nascidos sejam vacinados antes da alta médica Um termo de cooperação entre o Hospital e Maternidade Santa Isabel e a Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju reforça uma ação que já vem sendo executada naquela unidade de saúde. Com o termo, a instituição garante melhores condições de acolhimento das profissionais (enfermeiras e técnicas de enfermagem) do Projeto Corujinha. O objetivo do projeto é reduzir a mortalidade infantil, já que permite que todas as crianças nascidas vivas saiam da maternidade com as duas primeiras vacinas do calendário tomadas.

Parceria “O Hospital Santa Isabel é o nosso parceiro, principalmente nesse processo de promoção à saúde. A vacina é uma estratégia importante da saúde pública, prevenindo as doenças, principalmente, as iniciais, visto que os bebês nascem sem uma imunidade pré-determinada. Hoje, no Brasil, a gente lida com um movimento antivacinal muito grande e é de extrema importância que a criança já nasça e seja introduzida, junto com a família, às informações relacionadas ao processo das vacinas”, explicou o secretário adjunto da Saúde do município, Carlos Noronha. Essas primeiras vacinas são a BCG e a primeira dose da Hepatite B.

Sala nova Através da parceria, a maternidade implantou uma sala nova para o trabalho de vacinação, com um ambiente climatizado, banheiro privativo e equipamentos. As “Corujinhas”, como são conhecidas as profissionais que fazem parte do projeto, conheceram e aprovaram a sala recém-inaugurada e equipada para receber e preparar as vacinas. Neide Cruz é Corujinha e conta que ao longo desses nove anos como servidora do município, conheceu histórias de pessoas que morriam por doenças que ainda não foram erradicadas no país, como a coqueluche e sarampo, e que projetos como esse são importantes para a população. “Eu tenho quase nove anos de prefeitura. Esse projeto é muito importante porque já vi pessoas morrendo de doenças que ainda não foram erradicadas. Então, vacinar esses bebês ainda na maternidade é muito importante. Estou há um ano e dez meses aqui no Santa Isabel e tem sido uma experiência gratificante e nova para mim. Agradeço esse acolhimento e à Prefeitura que sempre está nos atendendo, pois esse projeto é importante demais para a sociedade e, principalmente, para nossas crianças que estão nascendo”, comemorou.

Live do CRESS-SE: Cadastro Único O Conselho Regional de Serviço Social 18ª Região (CRESS Sergipe) realiza hoje, 02, uma live para discutir o tema “Cadastro Único – Os impactos das alterações no Bolsa Família e no Sistema Único de Assistência Social (SUAS)”. A live será realizada a partir das 19h, com transmissão no YouTube do CRESS Sergipe. O mediador será o vice-presidente do Cress Sergipe, conselheiro do CEAS e ex-presidente do COEGEMAS, Wallison Hipólito. Os palestrantes serão: Valdiosmar Vieira Santos, atual secretário de Assistência Social do Município de Lagarto e ex-presidente do CONGEMAS; e José Carlos Passos, coordenador Estadual do Cadastro Único e Programa Bolsa Família da SEIAS. O Ministério da Saúde planeja alterar o acesso ao Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), esvaziando o atual papel dos municípios na gestão e operacionalização desse importante instrumento e passando a priorizar um autocadastramento por meio de aplicativo para celular.


Assomise aponta irregularidades no PL do Sistema de Proteção Social dos Militares de Sergipe A Associação dos Oficiais Militares de Sergipe (ASSOMISE) se manifesta por meio do seu presidente, o Coronel PM Adriano Reis, apontando as afrontas ao princípio constitucional do direito adquirido no Projeto de Lei do Sistema de Proteção Social dos Militares de Sergipe. O Projeto de Lei propõe alterações nos principais benefícios da classe, como, as condições de tempo de serviço para a inatividade; a remuneração na inatividade por reserva remunerada; o benefício de pensão militar e a responsabilidade da entidade federativa no pagamento dos servidores inativos.

Abono “O PL prevê pagamento do Abono de Permanência aos militares que preencheram os requisitos após 31/12/2019, somente a partir de 01/01/2022, sob a alegação da criação do Abono ferir a Lei Complementar Federal nº 173, de 27/05/2020. Ocorre que o Abono de Permanência foi criado em Sergipe por força da Lei Complementar nº 298, de 20/12/2017 em caráter obrigatório e contínuo, caracterizando-se direito adquirido”, explica o presidente da ASSOMISE.

Direito Outro ponto levantado pelo coronel Adriano Reis, ao analisar o PL, que tramita entre a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e a Secretaria de Estado de Governo (SUPERLEGIS), é que sua a equipe técnica não encontrou textualmente expresso, nem assegurado, o direito dos militares à percepção do subsídio correspondente ao posto ou graduação imediatamente superior, a respeito da transferência para a inatividade, previsto na Lei Complementar nº 329/2019, nos termos da Lei Federal nº 13.954/2019. O presidente encontrou falhas no tocante ao tempo de serviço necessário à transferência para a reserva remunerada ex officio dos ocupantes do último posto dos diversos quadros, que de 30 (trinta) anos foi alterado para 35 (trinta e cinco) anos, de um dia para o outro, sem estabelecer a regra de transição prevista na Lei Federal nº 13.954/2019, firmada em 31/12/2019 como marco temporal para a concessão do direito à inatividade. Sendo aplicado um pedágio de 17% (dezessete por cento) a mais sobre o tempo de serviço restante.

Regra de transição Ainda de acordo com o coronel, a falta da aplicação da regra de transição mencionada, resultaria na estagnação da carreira e consequentemente no inchaço de militares no penúltimo posto, uma vez que, os atuais e sucessores ocupantes do último posto dos variados quadros, somente iriam para a inatividade ex officio aos 35 (trinta e cinco) anos de serviço. O que acabaria dissipando a forma piramidal que rege todas as carreiras institucionais. “Nos moldes em que se encontra hoje, o Projeto de Lei do Sistema de Proteção Social dos Militares de Sergipe, trará prejuízo irreparável à carreira dos militares sergipanos. Indo avante a propositura nos termos em que estão. Em breve, teremos um grave problema de gestão dos quadros de pessoal da PMSE”, explica. O presidente da Assomise alerta que por falta de previsão legal no PL para o pagamento do posto imediato e do Abono de Permanência, bem como, a previsão da estagnação na carreira de Oficiais e Praças, muitos militares já estão solicitando prematuramente a transferência para a reserva remunerada, desfalcando o efetivo da PMSE.


PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

                                                                             
Orgulho propriaense! A equipe Oximania FC conquistou o Campeonato Sergipano de Futsal da categoria sub-15, promovido Federação Sergipana de Futebol de Salão (FSFS) A final aconteceu no domingo, 31, no Ginásio Albano Franco, em Estância. Em jogo disputadíssimo, a equipe propriaense venceu o Fluminense (Estância) por 3×2. Na última sexta-feira, 29, dirigentes e jogadores do Oximania solicitaram apoio da Prefeitura Municipal e foram prontamente atendidos, por meio de uma reunião com o Secretário Municipal de Governo e Comunicação Social, Luã Vieira e com o Diretor do Departamento de Esportes, Jorge Junior, que esteve presente na final. Estamos felizes com o resultado e daremos sempre suporte para que o esporte propriaense tenha esteja em evidência!


PELO E-MAIL nunesclaudio@infonet.com.br E FACEBOOK

OPINIÃO



A Diáspora Sergipana e o Crime dos Brittos. Por Antônio Samarone, médico sanitarista.

No final do Século XIX, centenas de cérebros sergipanos migraram para São Paulo. Não foram apenas braços para a lavoura e construção civil. Quem partiu foi a inteligência. Os sergipanos formados em Salvador e Recife não tinham como retornar. Muitos marcharam para a progressista São Paulo.

A família do farmacêutico diplomado Manoel Joaquim de Souza Brito, natural de Rosário do Catete, escolheu Araraquara. Manoel Joaquim, pai de 8 filhos, era casado com Benvinda de Souza Brito e gerente da Farmácia São Bento, na Praça da Matriz em Araraquara.

Vivia com o Farmacêutico, o seu sobrinho, Jornalista Rozendo de Souza Britto, sergipano, militante monarquista. Rosendo trabalhava no Jornal “O Binóculo”.

Fins do século XIX, a cidade de Araraquara com 12 mil habitantes, se recuperava da epidemia de Febre Amarela, ampliava suas riquezas econômicas através da produção do café e escoava pela estrada de ferro, inaugurada em 1885. O chefe político era cafeicultor Coronel Antônio Joaquim de Carvalho.

O Jornalista sergipano Rosendo Britto, fazia oposição ao chefe político. Um episódio rotineiro gerou a desgraça: um popular, conhecido por Chico Viola, brigou num bar e foi preso e surrado pelo chefe de polícia, Tenente João Batista Soares. O jornalista põe a culpa no Chefe político.

Num fatídico sábado, 30 de janeiro de 1897, por volta das 17 horas, o Coronel Antônio Joaquim enxerga, de sua casa, o jornalista Rozendo adentrando na Farmácia São Bento, onde o tio Manoel de Souza Brito trabalhava.

O Coronel Carvalho resolveu tirar satisfações com o jornalista e vai até a farmácia. O Coronel agrediu o jovem a bengaladas. Manoel, tio de Rozendo, tentou apaziguar a situação, mas o rapaz, caído por baixo, acertou mortalmente o coronel com um disparo de garrucha.

Após o episódio, o jornalista Rozendo e seu tio Manoel são presos e encaminhados à cadeia pública da cidade.

Decorrido uma semana do velório e sepultamento do Coronel Antônio Joaquim de Carvalho, no início da primeira hora do dia 07 de fevereiro, madrugada de domingo, os prisioneiros Rozendo e Manoel (foto acima) são arrastados para fora da cadeia pública por alguns indivíduos, linchados e abandonados no largo da Igreja Matriz.

O intelectual Luiz Antonio Barreto, descreveu o episódio:

“Na noite de 6 de fevereiro de 1897, varando a madrugada do dia 7, cerca de 80 homens, (há quem registre que foram centenas de homens, que se valeram da falta de segurança do presídio) encapuzados, invadiram a delegacia, retiraram os dois presos e lincharam com “unhas, dentes, punhais e machados” os dois sergipanos.”

Ambos, sobrinho e tio, foram sepultados pelos capangas dos Carvalho a quilômetros do centro da cidade, no Cemitério das Cruzes. A tragédia teve repercussão Nacional.

A colônia sergipana em Santos manifestou-se, enviando um telegrama ao governador de Sergipe pedindo a ele que intercedesse junto ao governador de São Paulo para que houvesse justiça.

Ninguém foi punido!

Em Aracaju, mais de duas mil pessoas saíram às ruas na época, clamando por justiça e deplorando o assassinato bárbaro dos dois conterrâneos, segundo Luiz Antonio Barreto.

Após 124 anos do ocorrido, o povo de Araraquara, se envergonha da brutalidade e transformou Manuel Joaquim de Souza Britto e Rozendo de Souza Britto em seus mártires. Criaram um memorial: a Capela dos Milagres, no Cemitério das Cruzes.

O professor paulista Rodolpho Telarolli, escreveu o livro “República de Sangue”, sobre a tragédia dos Brittos sergipanos. O linchamento dos Brittos já virou peça de teatro, teses e livros de história. Tudo em São Paulo.

O grupo Belazarte realizou uma peça de teatro denominada “Um Século de Silêncio” abordando o tema do assassinato dos Brittos, com direção de Anysio Ribeiro. A peça foi adaptada de livro de título homônimo, escrito pelo jornalista José Carlos Magdalena.

Em Sergipe, o tema foi estudado pelo intelectual Luiz Antonio Barreto (como sempre): “Araraquara a marca da Tragédia” e pelo historiador Adailton dos Santos Andrade, na Série Rosarenses Ilustres: “Um crime em Araraquara”. Se mais gente tratou do assunto, eu peço desculpas por desconhecer.

O povo sergipano nunca ouviu falar dos conterrâneos. Nem mesmo os jornalistas e farmacêuticos se lembram dos colegas. O tema merece a atenção dos pesquisadores.

Mais textos de Samarone: http://blogdesamarone.blogspot.com/

PELO TWITTER

www.twitter.com/ayres_britto Um belo dia o céu se imaginou ourives e fez a gargantilha do arco-íris.

www.twitter.com/frednavarro Sempre que o presidente dá uma dura em Mourão por causa das platitudes ditas diariamente, lembro do ditado popular: “Quando um burro fala, o outro baixa a orelha.”

www.twitter.com/brasil247 Por @AroeiraCartum , do Jornalistas pela Democracia



www.twitter.com/BlogClaudioNun Sergipe: Mais uma do Galeguinho que, Protegido de políticos e autoridades só será preso quando matar alguém. Tecendo ameaças ao prefeito de Itabaiana. Esse carro é de Adailton, e ele estava na porta da prefeitura perguntando se Adailton e Valmir estavam lá.

www.twitter.com/ISMARVIANA “Para oferecer um serviço verdadeiro você deve adicionar algo que não pode ser comprado ou calculado com dinheiro, e isso é a sinceridade e integridade.” Por Donald A. Adams.

Siga Blog Cláudio Nunes:               


Instragram

 Facebook

 Twitter

 


Frase do Dia
Em resumo vale o que dizia o velho guerreiro “Sou do tamanho daquilo que sinto, que vejo e que faço, e não do tamanho da minha estatura.” Carlos Drummond de Andrade.

#PapaFrancisco preside hoje na Basílica de #SãoPedro, a missa para o Dia Mundial da Vida Consagrada que a #Igreja celebra neste 2 de fevereiro.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais