“Se colar,colou” Vereador/suplente deputado em outro Estado aporta SE

0

                    Blog Cláudio Nunes: a serviço da verdade e da justiça
“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.


Em primeiro lugar, o leitor diário deste espaço sabe que o titular jamais foi “barrista” e muito menos usou o termo “forasteiro” contra qualquer político ou cidadão. Até porque seria uma incoerência tremenda, já que este jornalista é baiano da terra do cacau (Itabuna), radicado em Sergipe desde menino. Agora, pode sim, alertar a população para os aventureiros eleitorais que chegam às vésperas das eleições.

Antes, porém, alerta para alguns políticos com mandato da atualidade por Sergipe que não são da terra, mas têm serviços prestados:

José Eduardo Dutra, já falecido; Edvaldo Nogueira, atual prefeito de Aracaju e o senador Alessandro Vieira. Valdevan 90, deputado federal, não entrará na história porque, mesmo morando em SP, hoje é sergipano nato.

Primeiro, o ex-senador José Eduardo Dutra, carioca de nascimento, mineiro e sergipano de orgulho como ele dizia. Chegou em Sergipe em 1983, como geólogo, e toda carreira política foi apenas aqui. Foi eleito senador de 1995 a 2003 e disputou o governo do Estado por duas vezes. José Eduardo não chegou como aventureiro, veio trabalhar e, como cidadão consciente e questionador, foi militante ativo do PT, chegando a comandar o partido nacionalmente.

O segundo exemplo é o atual prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, que o titular deste espaço não tem muita aproximação hoje, mas, embora mais jovem do que ele, quando militava no movimento secundarista conheceu Edvaldo como estudante universitário e militante do PCdoB. Edvaldo é alagoano de Pão de Açúcar e toda carreira política foi feita em Aracaju, como vereador em 1988, vice-prefeito e prefeito. Não chegou para se aventurar nas terras de Sergipe del Rey.

O terceiro e o último exemplo, mais recente, é o atual senador Alessandro Viera. Assim como este jornalista chegou em Aracaju ainda menino, com 3 anos, passando toda vida aqui, chegando a delegado de carreira e ao mandato de Senador. Outro que não é aventureiro eleitoral e sim teve o trabalho realizado e respaldado pelo mandato que conquistou nas urnas.

Agora, com todo respeito, alguns colegas compararem as histórias de José Eduardo, Edvaldo Nogueira e Alessandro Vieira com o desejo do ex-jogador de futebol Washington de disputar um mandato de senador por Sergipe, é piada de mau gosto.

Para começar, Washington Stecanela Cerqueira, que é brasiliense, foi vereador em Caixas do Sul (RS), onde iniciou a carreira e depois suplente de deputado federal chegando a assumir em 2019. E lá também investiu no ramo da construção civil.

Washington agora é sócio de um restaurante em Aracaju e alguém botou na cabeça dele que Sergipe é terra de ninguém, não tem lideranças.

Caro Washington, não confunda a hospitalidade e a cordialidade dos sergipanos com burrice. O povo aqui não é ababacado e como se diz lá no sul, na sua segunda terra, você pode ficar abichornado com o resultado eleitoral.

Chegue, assente-se, crie raízes, incorpore a Sergipanidade e, depois de alguns anos, seja candidato. E pode cobrar: se ainda estiver escrevendo, este jornalista será o primeiro a bater palmas.

Por enquanto, Washington, que gosta do apelido de coração valente, está sendo adjetivado assim nas rodas da sociedade: “aventureiro eleitoral. Se colar, colou, vai acabar arrastando a mala…”

 

Sobre títulos de cidadania Sinceramente, os legislativos de todo país deveriam ter alguns requisitos para concessão de títulos de cidadania. Aqui em Sergipe mesmo basta ser autoridade ou passar alguns anos no Estado e recebe a “honraria”. Entre aspas mesmos porque há muito tempo virou mercadoria do Paraguai. Aliás, o blog sempre achou assim, tanto é que recusou várias vezes o convite de alguns amigos parlamentares para dar entrada na concessão de título para este baiano, tanto na Câmara de Aracaju como na Alese. Já sou sergipano há muito tempo. Nasci em Itabuna, mas vivo a sergipanidade em toda essência. O pior é saber que alguns que receberam título pensam que Aracaju tem acento no U ou pior: que Sergipe fica localizado perto do Piauí e do Ceará. 

 

Prefeito Eraldo de Andrade: “Com Laércio o Estado ganhará em desenvolvimento” O nome do atual deputado federal Laércio Oliveira (PP) vem sendo bastante citado por políticos e aliados para a próxima eleição, na disputa pelo mandato de governador do Estado de Sergipe. O prefeito de Boquim pelo segundo mandato, Eraldo de Andrade, ressalta que tem uma grande admiração por Laércio, principalmente por sua visão política e administrativa. Ele declara apoio incondicional ao parlamentar.

Representação “Eu sou aliado de Laércio desde a época que fui vereador. Hoje, como prefeito, quero dizer ao povo de Sergipe e da minha querida cidade que seguirei as orientações dele, que é meu líder político. Se ele se candidatar ao mandato de governador, sei que o Estado estará muito bem representado, e se for candidato ao Senado, estarei apoiando ele do mesmo jeito”, enfatiza Eraldo.

Modelo Além de deputado federal, Laércio Oliveira também ocupa a presidência do Sistema Fecomércio desde 2014. O prefeito de Boquim faz uma relação da boa atuação e administração de Laércio à frente da entidade com o possível mandato de governador do Estado. “Laércio pegou o sistema Fecomércio e transformou em um grande polo do nosso do Estado, sendo modelo para o resto do país. Como fez com o Sesc e o Senac, ele poderá fazer muito mais por Sergipe como governador”, aponta.

Experiência Eraldo de Andrade acredita que sua convivência política e experiência como empresário e gerador de empregos poderá ser uma grande surpresa para os sergipanos. “Laércio é, sem sombra de dúvidas, um excelente quadro. Acredito no potencial dele e torço de coração que ele seja candidato a governador, para que o nosso Estado possa ganhar em desenvolvimento. Sergipe vem em uma crescente e tenho certeza que, com Laércio, ele vai se desenvolver muito mais”, disse o prefeito.

 

 

 

Prefeito Edvaldo: chegou a hora de abrir o estacionamento da Passarela do Caranguejo, mas com uma condição: coloque a fiscalização para não encher de trailers, food trucks, cadeiras e mesas que ocupam parte significativa da área que é um espaço público. Ali é para estacionar carros e não uma Praça de Alimentação. O MPE está de olho, viu prefeito!

 

 

 

 

Retorno Vereadores de Aracaju retornam do recesso no próximo dia 3, terça-feira, de forma virtual, tendo em vista que não foi concluída a reforma do prédio do Poder Legislativo..

 

Avenida Nestor Sampaio O promotor de Justiça dos Direitos do Cidadão de Aracaju, Eduardo Matos, pediu à Justiça que seja feita perícia de tráfego para mudança ou não da via da Avenida Nestor Sampaio. E que a SMTT/AJU assuma os custos em virtude da omissão em responder ofícios do MPE. E agora Edvaldo? 



Calçadas invadidas por veículos. Comerciantes que cobram continuidade da mão dupla têm que fazer a parte deles O Blog publica hoje fotos mostrando desrespeito de alguns comerciantes com pedestres. Todos têm que fazer suas partes para resolver o problema. O atento promotor Eduardo Matos também deve pedir um relatório de todas as calçadas nos dois lados para, na decisão do MPE, mandar fazer o devido recuo e ficar com o espaço correto para os pedestres. O blog não vai citar as empresas, mas fica fácil para as autoridades descobrirem. Aliás, a Prefeitura devia tomar providências com relação as calçadas invadidas. Não pode simplesmente questionar a mudança que a Prefeitura pretende fazer e continuar do jeito que está. Não tem como! Fique de olho, Eduardo Matos!

Cadê o corredor da Avenida Hermes Fontes e da Avenida Adélia Franco? Estão esperando o período pré-eleitoral para inaugurar os tão falados corredores de ônibus das duas avenidas? E mais: antes da eleição do ano passado, Edvaldo prometeu recapear toda a Avenida Tancredo Neves. Cadê? Cada vez que cai mais chuvas, mais buracos…

A venda da rádio e a fumaça que não é branca E pelo jeito, pelas bandas onde nasceu Aracaju, um fumaça, não muito branca, apareceu numa emissora de rádio. Diz que a primeira proprietária teve que chegar para tentar resolver um imbróglio causando pela venda. E o pior: o comprador é um antigo amigo da família. Pelo que se comenta tem muita coisa que o comprador não sabia e muito gado por debaixo das ondas de rádio. Arrepare, amigo Osmário!


SE/Aracaju. Em plena orla a Beira Mar, na antiga Avenida Sarney, invasão cresce a cada dia na antiga sede do clube da extinta Telergipe. De quem é o terreno agora? Cadê as autoridades que ainda não tomaram providências? Este terreno em 2007 foi invadido e estava em litigio. Agora voltou a ser invadido e, pelo jeito, desta vez, ninguém fez nada.

 

 

 

 

Itabaiana se tornará uma das cidades que mais vacinou caminhoneiros em todo o Brasil O Governo de Itabaiana, através da Secretaria Municipal de Saúde e em parceria com SEST SENAT, realizará no próximo sábado (31) em alusão à comemoração do dia do motorista, 25 de julho, a ação Itabaiana na Rota da Saúde. A ação terá como público-alvo, os motoristas com Carteira Nacional de Habilitação C em diante.  A atividade ocorrerá  amanhã, 31, no Sest Senat (Av. Paixão Rocha, BR 235), das 08 às 12 horas. A Secretaria Municipal de Saúde disponibilizará 250 doses da vacina contra a Covid-19 e oferecerá serviços de aferição de pressão, testes de glicemia capilar, testes rápidos para a Covid-19 e testes de HIV. Com esta ação, Itabaiana se tornará uma das cidades que mais vacinou caminhoneiros em todo o Brasil.

 

 

 

 

 

Em nota Sedurbs/DER reconhece que trechos da rodovia da Indústria precisa de correções e pode abrir processos administrativos A respeito da nota ‘Quem fiscaliza o recapeamento asfáltico que vem sendo feito pelo governo nas rodovias?’, publicado na coluna Cláudio Nunes, em 29/07/2021, o Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER), esclarece que dispõe de profissionais que fiscalizam a malha viária nos oito territórios sergipanos. No que se refere à Avenida Lauro Porto, na capital, e alguns trechos da Rodovia da Indústria, no município de Nossa Senhora do Socorro, foi solicitado às empresas as devidas correções, e, caso não as façam, serão abertos processos administrativos. Nos causa estranheza a cobrança feita pelo conceituado jornalista a respeito dessas obras, somente agora, uma vez que ambas não foram executadas sob esta gestão, porém, cientes de que a gestão é impessoal, e do nosso compromisso enquanto gestor público, estamos tomando as providências que deveriam ter sido tomadas anteriormente, não apenas nessas, mas em outras rodovias que apresentaram problemas, a exemplo da Japoatã/Propriá (SE-204). Do blog: nos últimos dias o blog recebeu reclamações de motoristas que passam no local, aliás ainda bem que os gestores atuais reconheceram que a administração é impessoal, já pensou o contrário…

Também em nota Sedurbs reconhece que empresa que fez a pavimentação da Avenida Melício Machado errou ao colocar concreto asfáltico quente de imediato e correções estão sendo feitas sem ônus ao erário No que se refere à Avenida Melício Machado, tanto a licitação quanto à fiscalização, é de responsabilidade da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (Sedurbs), e, é incorreto afirmar que o problema surgido na pavimentação é oriundo da massa asfáltica. O que ocorreu foi a improficiência por parte da empresa contratada, ao executar a fresagem e não ter colocado o Concreto Asfáltico Usinado à Quente (CAUQ) de imediato, gerando assim, problemas na base, sub-base e sub-leito, devido às fortes chuvas acima da média ocorridas na capital. Ressaltamos que as correções nos trechos danificados estão sendo executadas integralmente pela empresa à custo zero para o Governo do Estado, e que no trecho de aproximadamente 1 km, onde estão sendo realizadas a maioria das correções, a empresa aplicará uma nova camada asfáltica sem nenhum ônus ao erário. Do blog: É assim que se faz, a Sedurbs de imediato constatou o problema e pediu a correção do erro. Parabéns!

Recapeamento na antiga rodovia Sarney Uma sugestão de moradores para o governo do Estado que iniciou recentemente a recuperação asfáltica da antiga rodovia Sarney partindo do trecho do antigo Parque dos Coqueiros. Ou faz duas frentes, ou seja, outra no fim da rodovia no Farol, ou faz alguns tapas buracos nos trechos que estão quase que intransitáveis, rasgando pneus e quebrando veículos. Fica a dica!

Deputada e senadora se alinham nos interesses por Tobias Barreto e Sergipe Na última semana, a deputada Diná Almeida foi recebida pela senadora Maria do Carmo (DEM). Acompanhada de sua chefe de gabinete, Mônica Medeiros, e do presidente municipal do DEM de Tobias Barreto, Díogenes Júnior, a deputada fez solicitações de benefícios e recursos para o estado de Sergipe. “Nossos interesses estão alinhados: conversamos bastante sobre questões do nosso estado e especialmente de minha terra natal, Tobias Barreto. É sempre maravilhosa essa troca com d. Maria. Nosso amor por Sergipe nos une em ideias e projetos promissores”, pontuou Diná Almeida. A filha da senadora, Ana Alves, também participou da reunião.

 

Sérgio Reis em busca de parcerias E pelas redes sociais, o ex-deputado federal e presidente estadual do MDB, Sérgio Reis, divulgou um vídeo ao lado do secretário de Estado da Agricultura de São Paulo, Itamar Borges, o presidente da Agrishow, uma das maiores feiras do mundo, Francisco Matturro, e também do pesquisador do Instituto Pesca (IP), Sérgio Luiz Tutui. Na reunião, Sérgio Reis destacou que foi bastante produtiva, não só em informações, mas conhecimento, experiência e parcerias para trazer para Sergipe. “Aguardem novidades para o setor da agricultura”, informou.

 

 

ESPECIAL 

 

TJSE lança projeto Quintajuriscultural

Artes plásticas, música, poesia e o lançamento do Portal da Memória foram as atrações da primeira edição do Projeto Quintajuriscultural, desenvolvido pelo Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE), através do Memorial do Judiciário, e com curadoria da Dra. Maria do Carmo Déda Chagas de Melo. Na ocasião, foi apresentada a exposição ‘Fragmentos da cidade’, de Adauto Machado, além da exibição do grupo de chorinho Brasileiríssimo e leitura de poemas de Hunald Alencar, declamados pelo servidor do TJSE e também poeta Ronaldson Sousa. O evento online foi transmitido no canal TJSE Eventos, no YouTube, onde ficou gravado.

A Quintajuriscultural foi aberta pelo Presidente do Poder Judiciário de Sergipe, Desembargador Edson Ulisses de Melo. “A nossa gestão estabeleceu como linha mestra alguns vetores, entres eles a cidadania e a valorização da cultura, entendendo que os dois trabalham de mãos dadas. Por essa razão, idealizamos a apresentação de um projeto através do qual valorizamos a cultura e as artes sergipanas, nas suas mais variadas formas”, explicou o Presidente.

A Presidente da Fundação de Cultura e Arte Aperipê (Funcap), Conceição Vieira, participou do evento e disse que, nesse momento de pandemia, quando as pessoas estão isoladas, é importante facilitar o acesso à cultura e memória de maneira remota. “É um prazer vermos um novo olhar da Casa da Justiça do Estado, um olhar que perpassa por políticas que tratam da identidade da gente sergipana, fortalecendo o Tribunal ao se abrir para a sociedade”, destacou Conceição, acrescentando que a Funcap está sempre aberta a outras parcerias culturais com o Tribunal.

Um vídeo mostrou as obras do artista plástico Adauto Machado. “Essa exposição mostra locais da nossa bela Aracaju, onde procuro retratar principalmente pontos históricos. Nessa exposição trago um pouco de tudo, partindo do bairro Industrial à Orlinha Por do Sol”, informou Adauto. Em seguida, o grupo de chorinho Brasileiríssimo apresentou parte do repertório, que foi gravado no Memorial do Judiciário; intercalado à entrevista de Adauto e à leitura de poemas de Hunald de Alencar, feita pelo servidor do TJSE Ronaldson Sousa.

Conforme a Diretora do Memorial do Judiciário, Sayonara Viana, o Projeto Quintajuriscultural tem como proposta aproximar o Judiciário do público do Memorial. “Queremos levar um pouco de felicidade para as pessoas. Nessa primeira edição, temos a exposição de Adauto, que estava agendada para 2020, no Memorial, mas não pôde ser realizada presencialmente por conta da pandemia. Então, agora estamos realizando de forma virtual”, informou Sayonara, lembrando que o Memorial está aberto aos artistas sergipanos.

Portal da Memória

O Portal da Memória, que já pode ser acessado clicando aqui, é constituído pelos acervos do Arquivo do Judiciário, da Biblioteca e do Memorial do Poder Judiciário. Esse patrimônio arquivístico, bibliográfico, museológico, histórico e cultural está disponibilizado ao público para conhecimento e pesquisa em ambiente virtual com base na Resolução 324/2020 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O objetivo é tornar mais acessível e difundido o patrimônio cultural e promover maior interação da sociedade com a memória e com a história do Judiciário de Sergipe.

“Nesse tempo de pandemia, era necessário que encontrássemos um meio para divulgar mais as informações relativas à memória e história do Judiciário sergipano. Dizem que quem não tem passado, não terá futuro. Então, esse Portal tem como propósito divulgar nossa história para que estudantes e pesquisadores tenham acesso a esse acervo expressivo que temos”, salientou o Presidente do Poder Judiciário.

A Diretora do Memorial do Judiciário explicou que os internautas poderão encontrar no Portal uma diversidade de documentos e informações. “O visitante poderá, através do Portal, agendar visitas e encontrar um vasto acervo arquivístico e documental do Tribunal, que estará disponível para pesquisa. Na Biblioteca Digital, por exemplo, temos 1.200 livros para pesquisa. Temos documentos escaneados e também vídeos do Projeto Vivas Memórias, que traz entrevistas com magistrados e personalidades sergipanas feitas pela Diretoria de Comunicação do Tribunal”, enumerou Sayonara.

 



EVENTOS ONLINE – É SÓ ENVIAR PARA DIVULGAR NESTE ESPAÇO


              

     

Em Live HOJE, 30, CRA-SE debaterá Empreendedorismo Feminino e o Comércio Sergipano: perspectivas e oportunidades O Conselho Regional de Administração de Sergipe, por meio do Grupo de Excelência em Empreendedorismo Feminino, em parceria com a Universidade Federal de Sergipe, abre inscrições para a palestra com o tema: ‘Empreendedorismo Feminino e o Comércio Sergipano: perspectivas e oportunidades’. A Live acontecerá através do Instagram do CRA-SE (@crasergipe) nesta sexta-feira, 30, a partir das 19h. A palestra será proferida pela empreendedora e fundadora do movimento É de Sergipe, Anne Ferreira. A administradora Helena Braz será a mediadora do bate-papo que promete levar muitas informações que irão contribuir com o desenvolvimento dos negócios geridos pelo público feminino. A palestrante visa mostrar o papel da mulher no mundo dos negócios, como lidar com a discriminação, como criar oportunidades e fazer network. “Recebi o convite e fiquei feliz em poder contribuir com as mulheres, acredito que por ser empreendedora, vivo no mundo dos negócios e no É de Sergipe acabo virando referência. A Live será um grande bate-papo onde as empreendedoras poderão participar com perguntas que estaremos à disposição”, destacou Anne Ferreira. Para participar, basta acessar o link através do site da UFS e fazer a inscrição. Os participantes receberão um certificado da UFS. Link para inscrição: https://www.sigaa.ufs.br/sigaa/public/extensao/loginCursosEventosExtensao.jsf




Siga Blog Cláudio Nunes: 

 

Instragram

 Facebook

 Twitter

 


Frase do Dia
“O mais importante e bonito, do mundo, é isto: que as pessoas não estão sempre iguais, ainda não foram terminadas – mas que elas vão sempre mudando.” Guimarães Rosa.

https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2021-07/papa-alimentos-familia-humana-pensamentos.html

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais