Se não souber tanger, a boiada estoura

0

Tomara que os governistas não estejam pensando que a sucessão do governador Belivaldo Chagas (PSD) já é fatura liquidada a favor deles. Eleição não se ganha nem de véspera, quando mais faltando ainda quase nove meses para o embate nas urnas. Aqui mesmo em Aracaju já teve candidato a prefeito que comprou o terno da posse após o 1º turno, perdeu o controle do gado e terminou amargando uma derrota no 2º tempo da disputa. Ademais, com tanta gente graúda querendo disputar o governo, se os líderes partidários situacionistas não souberem tanger, a boiada estoura e vai comer no pasto da oposição. O pré-candidato Rogério Carvalho (PT) está de porteiras e cancelas abertas, à espera do gado esparramado. Um bom exemplo de como o apressado como cru, ocorreu na década de 60 do século passado. Seixas Dória, à época figura de proa da UDN e líder do partido na Câmara Federal, pulou a cerca para as bandas do PR e se candidatou a governador contra o ex-aliado Leandro Maciel (UDN). De tão confiante na vitória, a principal liderança udenista cunhou como slogan de campanha a frase “ninguém se perde na volta”. Perdeu-se! Cruzes!

Ninguém é santo

O eleitor precisa ficar atento para não se surpreender com a avalanche de acusações que surgirá na campanha eleitoral deste ano. Os candidatos – claro que há exceções – devem lançar todo tipo de ataques contra os adversários. Como nunca estão fundamentadas, as denúncias só servirão para desgastar o acusado. Tanto isso é verdade que a Justiça Eleitoral não valoriza muito tais calúnias, pois aprendeu que no saco de gatos de uma campanha ninguém é santo. Muito pelo contrário, nesse jogo bruto da política o que existe mesmo é cobra engolindo cobra. Arre égua!

Boas novas

Finalmente, a Petrobras, que nos últimos anos só tem dado bananas aos sergipanos, anunciou uma boa nova: após confirmar a viabilidade econômica do projeto Sergipe Águas Profundas, a petrolífera iniciou o processo de contratação da unidade de produção para a área, conforme previsto em seu nosso Plano Estratégico. Localizado na Bacia de Sergipe-Alagoas, a 100 km da costa, em profundidades que chegam a 3 mil metros, o projeto é considerado pela Petrobras como a mais nova fronteira produção em águas profundas do Brasil. Supimpa!

Passagem para o futuro

Animado para disputar uma cadeira na Câmara Federal, o presidente estadual do DEM, José Carlos Machado, não se cansa de convidar políticos para o projeto demista. A todos, ele oferece a possibilidade de participarem como candidatos das eleições de 2022. Os últimos a quem Machadão ofereceu passagens para o futuro foram a delegada Georlize Teles (DEM) e Thiago de Joaldo (DEM). Este último vem a ser irmão do prefeito de Itabaianinha, Danilo de Joaldo (DEM). Pela disposição de Machadão, o partido não terá dificuldades na hora de formar as chapas para a Assembleia Legislativa e a Câmara Federal. Ô pentcha!

Meio pau

Aqui vai um conselho a quem anda hasteando a bandeira a meio pau: tome cuidado para não comprar Cialis falsificado. Estudo feito pela Polícia Federal constatou num lote deste medicamento indicado para tratar disfunção erétil, a presença da substância sidenafila no lugar da tadalafila, que vem a ser o princípio ativo do produto original. Em outras palavras, o Cialis falsificado não levanta nem aleive. Home vôte!

Territórios pesqueiros

E o deputado estadual Iran Barbosa (PT) participou de uma reunião na Associação Comunitária dos Moradores do Loteamento Senhor do Bomfim. Na pauta, as demandas dos territórios pesqueiros tradicionais de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Pirambu, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro. Os pescadores e as marisqueiras reclamam da degradação dos Rios do Sal e Pomonga, do assoreamento e da poluição do Rio Sergipe e denunciam o despejo de esgotos e óleo em nossos corpos d’água. Lastimável!

Sertão esquecido

Vai aqui uma pequena prova de como o governo Bolsonaro não liga muito para o sertanejo: o número de cisternas construídas no semiárido desabou em 2021. Estes recipientes acumulam água da chuva e, em épocas de estiagem, servem também para armazenamento da água fornecida por carros-pipa. No ano passado, foram construídas cerca de 6 mil cisternas, volume inferior as 8,3 mil de 2020. Para se ter uma ideia da redução do programa, em 2018 foram construídos no Nordeste 30,5 mil desses reservatórios d’água. O governo Bolsonaro alega, cinicamente, que a pandemia da Covid-19 atrasou o programa. Conte outra!

Sergipe em 2º plano

A manda chuva do Podemos sergipano, delegada Danielle Garcia, informou que o pré-candidato a presidente Sérgio Moro adiou, de fevereiro para março, a sua visita a Sergipe. Segundo a distinta, o dito cujo, tido como magistrado suspeito pelo STF, alegou vários compromissos como motivos para adiar a visita à terrinha. Tal qual Moro, o presidenciável Lula da Silva (PT) ainda não sabe quando colocará os pés em Sergipe. Esta informação é do blog Primeira Mão!

Revolta do mar

Todos os anos o mar cobra, com juros e correção, o seu espaço, que em Sergipe tem sido invadido pela construção civil. O Atlântico já puniu a ganância imobiliária na Barra dos Coqueiros, Orla de Atalaia e na praia do Saco, em Estância. Apesar disso, o homem insiste em destruir dunas para edificar confortáveis casas de veraneio. Muitos ganharam, e ainda ganham, milhões com esse crime ecológico. Convenientemente, o poder público fecha os olhos para a especulação imobiliária, contudo, o mar não faz acordos e, de quando em vez, retoma os espaços que lhe tomaram criminosamente. Bem feito!

Carro diante dos bois

Assessores e amigos do deputado federal Valdevan Noventa (PL) têm feito um barulho dos diabos sobre a sua pré-candidatura a senador. Alguém precisa dizer a essa turma da zuada que, antes de projetar um voo mais alto, o parlamentar precisa primeiro se livrar do processo que resultou em sua cassação por abuso do poder econômico nas eleições de 2018. Por causa desse problema com a Justiça, Valdevan já andou dando com os costados na penitenciária e usado, por um bom tempo, uma incomoda tornozeleira eletrônica. Cruzes!

Chorão e Raivosa

O prefeito de Estância, Gilson Andrade (PSD), divulgou uma mensagem cifrada contra um casal adversário. Segundo o gestor, “Chorão e Raivosa, andam falando baboseiras para me agredir. Eu não agrido adversário, eu respeito. A resposta a população deu em 2020. Vocês não trabalham e querem me destruir. Mas o povo é maior. E o meu Deus não é igual ao de vocês. Porque Deus não tem raiva, Deus perdoa”. Segundo as línguas ferinas de Estância, a fustigada de Gilson Andrade foi endereçada ao ex-prefeito Ivan Leite (PRB) e à esposa deste, ex-vice prefeita Adriana Leite (Pode). Marminino!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Tempo, em 25 de agosto de 1949

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais