SE recebe 100 armas Glock. Melhores para a polícia

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Em tempos de integração a SSP de Sergipe adquiriu 100 pistolas Glock (calibre 40). Uma das melhores armas desenvolvidas para a atividade

Legenda

 policial do mundo.

Parabéns a iniciativa da SSP, que contrariando as imposições do mercado interno, direcionam as polícias brasileiras a adquirirem a Taurus, que fabrica umas das piores armas para a atividade policial do planeta.

O programa Fantástico no último domingo mostrou extensa entrevista sobre os defeitos dá pistola Taurus, inclusive com vítimas policiais destes defeitos. O título e o link: Arma usada pela polícia brasileira dispara por acidente, fere e até mata: http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2017/02/arma-usada-pela-policia-brasileira-dispara-por-acidente-fere-e-ate-mata.html

Pelo facebook ontem, 21, o escrivão de polícia civil, Antonio Moraes, chamou a atenção que a arma é padrão do exército austríaco e usada pelo FBI e Us Navy Seals. Moraes escreveu que "foi informado que as armas devem  ser única e exclusivamente para o Grupamento Especial de Repressão e Busca – GERB. Ocorre que há cerca de 30 policiais civis lotados nesta unidade tática. Pergunta-se o que farão com as outras cerca de 70 armas?  “O exército brasileiro sabe disso?”

O blog não tem duvida que as armas serão entregues a quem realmente precisa.Além do GERB podem muito bem servirem ao Comando de Operações Especiais que realiza atividades de alta complexidade.

Que as armas  Glock sirvam de integração entre as duas policias  e não de mais segregação na SSP/SE.

25 anos depois, Goisinho volta para o Conselho Administrativo do Banese
E o ex-vereador por Aracaju, Goisinho, mesmo aposentado há 20 anos obteve ontem uma vitória histórica. Foi o mais votado, com cerca de 56% dos votos, como representante dos servidores do Banese para o Conselho Administrativo. A lista tríplice vai para o governador e o Banco Central, mas democrata que é, Jackson referendará a vontade da maioria soberana dos baneseanos. Goisinho obteve 516, votos; a segunda colocada, Maria dos Santos, 155; o terceiro, Kleber Teles, 122 e o último Luciano Cerqueira, 116.

Lixo AJU: será a  tática  inabilitar a Cavo para licitação?
Tudo que está ocorrendo em Aracaju nas últimas semanas, inclusive a greve dos garis, está sendo articulado e bem articulado nos bastidores. A Emsurb, inclusive publicou no Diário Oficial de Aracaju do último dia 20 a instauração de um processo administrativo contra a Cavo, do grupo Estre, que hoje é responsável pelo lixo. Ela será inabilitada para disputar a licitação emergencial. Alguém tem duvida?

Fedendo
O lixo de Aracaju fede e continuará fedendo por muito tempo. Ninguém quer acabar com o mau cheiro. Não é o mau cheiro do lixo que não é recolhido, mas do lixo que é jogado debaixo do tapete há vários anos.

25 anos
No início da década de 90 uma empresa entrou em Aracaju e de lá para cá ficou todo este tempo. Só no ano passado, mesmo assim com uma licitação emergencial ganha a todo custo e até necessitando da Justiça a Cavo, do grupo Estre conseguiu quebrar essa hegemonia, de 25 anos.

Licitação definitiva
Agora, o TCE ao invés de determinar uma licitação definitiva será feita outra emergencial de alguns meses. É torcer para que o TCE e o MPF acordem e percebam que o lixo de Aracaju precisa ser passado a limpo. Urgentemente!

Licitação ampla para várias empresas
Obs: se dependesse do blog a licitação seria mais ampla possível e os lotes deveriam ser adquiridos cada um por uma empresa, para diversificar cada vez mais.

“Um empreendimento que pode mudar a história econômica de Sergipe”. Luciano Barreto, sobre usina termelétrica
Abrindo a reunião da Associação Sergipana de Empresários de Obras Públicas e Privadas – ASEOPP, com a presença do  presidente das Centrais Elétricas de Sergipe S.A – Celse, Eduardo Maranhão e o diretor de operações, Edio José Rodenheber, responsáveis pela implantação da Usina Termelétrica Porto de Sergipe, Luciano Barreto, presidente da entidade, disse que o empreendimento pode mudar a história econômica de Sergipe e foi um sonho que nasceu com Déda em 2011.

Presenças
Além dos dirigentes da Celse, participaram da reunião-almoço O vice-governador Belivaldo, Chagas, o secretário de Desenvolvimento Econômico, José, Augusto Carvalho, o assessor especial do governo, Oliveira Júnior, o diretor-presidente da Codise, Rosman Santos, o diretor-presidente da Cohidro, Felizola Filho e os deputados Luciano Bispo e Zezinho Guimarães, também participaram da reunião.

Implantação
Luciano Barreto apelou aos dirigentes da Celse, que pelo menos consultem as empresas sergipanas, que são sérias e fazem obras com qualidade.O presidente da Celse, Eduardo Maranhão fez uma exposição ampla sobre a implantação, todos os detalhes do empreendimento e o cronograma de implantação.

Recursos
“É a maior usina termoelétrica do país e nós escolhemos uma parceria com a GE cuja competência é inquestionável”, explicou. Eduardo disse que vem buscando recursos não só no Brasil, mas também no exterior. “Nossa previsão é que em janeiro de 2020 entramos em operação”, revelou, afirmando que o navio de 330 metros eu ficará ancorado com o gasoduto subterrâneo até a usina chegará até dezembro de 2018.

Relacionamento
O vice-governador Belivaldo Chagas lembrou da importância da parceria do grupo com as empresas locais. “Fico feliz de ajudar a estreitar este relacionamento”, disse, para enaltecer o trabalho de Luciano Barreto, que mesmo bem sucedido é incansável na luta para fortalecimento das pequenas e médias empresas sergipanas. “E esta obra certamente atrairá outros investimentos para Sergipe”, disse.

Usina
Maior investimento privado já realizado em Sergipe, orçado em R$ 5 bilhões, a Usina Termoelétrica (UTE) Porto de Sergipe diversificará a matriz energética do país, baseada em hidrelétricas e com risco de apagões por conta da seca. Com capacidade de gerar até 1.516 MW de energia, a usina pode atender 15% da demanda por energia no Nordeste.

Usina II
A Porto de Sergipe I é o primeiro projeto entre os demais previstos para o Complexo de Geração de Energia Governador Marcelo Déda, localizado na Barra dos Coqueiros. Todo o complexo poderá gerar 3 mil megawatts de energia. A previsão é que as obras durem 36 meses, gerando 1.700 empregos diretos e indiretos neste período.

Usina eólica em Riachão na pauta
Não tome como surpresa se muito em breve foi anunciada a implantação da usina eólica no município de Riachão do Dantas. Ela ainda continua na pauta.

Oficial leva cachorro para veterinário com viatura da PM
Ontem, um oficial da PMSE levou o cachorrinho dele, um poodle, ao Hospital Veterinário da Faculdade Pio Décimo, em Aracaju. Nada demais se 

ele não fosse com o veículo da PM, caminhonete placa QKS-9885 (M-08205), e a mesma não ficasse parada no estacionamento, com o ar ligado, ou seja, o motorista deveria ser um praça também da PM, esperando por quase duas horas. Isto mesmo. Quase duas horas porque faltou energia no local, quando ele esperava o atendimento para o poodle.

Comando tomará as devidas providências
Com o titular deste espaço públicos nas redes sociais ainda ontem a foto do oficial com o veículo no hospital veterinário, o comando da capital tomou conhecimento e, pela assessoria, o blog foi informado que as providências serão tomadas. Ou seja, abertura de inquérito com ampla defesa e o contraditório, etc. Neste caso as fotos comprovam o fato. Não tem desculpa. Se fosse urgência pegava o carro particular e ia, mas usar a viatura e um praça, por duas horas com ar ligado. Foi demais!

Leilão:12 condenados por fraude em licitação e corrupção
Excelente matéria da Infonet sobre a condenação dos envolvidos na Operação Arremate. Conheça a situação processual de cada acusado e as respectivas penas aplicadas aos réus condenados:https://.infonet.com.br/noticias/politica/ler.asp?id=196846

41 anos da Operação Cajueiro
O deputado federal João Daniel (PT/S) registrou a passagem dos 41 anos da deflagração da Operação Cajueiro, em Aracaju, em discurso feito na sessão da Câmara, nesta terça-feira, dia 21. No auge da ditadura militar, 25 sergipanos foram presos arbitrariamente, apenas porque lutavam pelo fim da repressão e dos anos de chumbo, acusados de serem comunistas. “Esta triste operação em Sergipe levou presos dezenas de homens que lutavam pela democratização e o fim da ditadura no nosso país”, lembrou o parlamentar.

História
Em 20 de fevereiro de 1976, uma força especial vinda da Bahia, liderada pelo general Adyr Fiúza de Castro, comandante da 6ª Região Militar, sediada em Salvador, prendeu arbitrariamente 25 sergipanos, sendo 18 deles processados. O atual governador Jackson Barreto, à época deputado estadual, também foi processado, mas não chegou a ser preso. Essa força especial reunia elementos do temível DOI-CODI, do DOPS e da Polícia Federal e agiu em Aracaju sob as ordens do tenente-coronel Oscar Silva. A acusação para que essas pessoas fossem presas e processadas era de que eram ligadas ao Partido comunista Brasileiro, embora nem todos tivessem ligação.

Nomes
João Daniel destacou que alguns desses bravos lutadores já se foram, como Rosalvo Alexandre, mas deixaram sua luta e sua história. Outros, como Milton Coelho, continuam vivos, carregando em seu corpo as marcas dos dias que estiveram presos e torturados. “Mas são homens e mulheres que estão presentes na história brasileira. Por isso gostaríamos de registrar que a história pertence àqueles que lutam e esse foram bravos sergipanos na luta pela democratização desse país”, destacou João Daniel.

Lembrança
Para o deputado, é preciso que a Operação Cajueiro seja sempre lembrada, para que momentos como esse não venham a se repetir na nossa história, especialmente nesse momento em que o Brasil vem tendo sua democracia atacada.

Levantamento recursos
O deputado estadual Gilmar Carvalho apresentou na tribuna um levantamento realizado junto a Caixa Econômica Federal de Sergipe que trata-se dos valores que a instituição financeira têm para o governo do Estado. “Dormindo em berço esplendido, algumas vezes até roncando de tanto esperar, em alguns casos, ou melhor, na maior parte dos casos, esperando por licitações e contratos, ou seja, é problema de gestão”, afirmou Gilmar Carvalho.

Milhões esperando licitações
Gilmar disse ainda que está no aguardo do levantamento dos dados sobre os recursos da Caixa Econômica Federal com relação aos municípios, incluindo Aracaju, no que tange aos repasses ao governo do Estado. “Somente a Deso, cerca de 300 milhões de reais esperando por licitações e contratos do governo do Estado, juntando todos os municípios chega a um total de 1 bilhão de reais. Isso é injustificável numa época de tanto desemprego, com uma tendência de aumentar ainda mais o índice de desempregados em Sergipe”, justificou.

Recursos parados
A deputada estadual Maria Mendonça (PP) somou-se ao pronunciamento do deputado estadual Gilmar Carvalho (sem partido) que ontem, (21), levou à tribuna da Assembleia Legislativa a informação de que existem recursos, da ordem de R$ 1 bilhão, à disposição do Estado, na Caixa Econômica Federal (CEF), aguardando por licitações e contratos. O dinheiro, de acordo com o deputado, está “dormindo em berço esplêndido. É problema de gestão”.

Falta de gestão
“Essa informação só ratifica aquilo que venho sempre dizendo: falta gestão, falta planejamento; falta estabelecer prioridades e cuidado para com o Estado de Sergipe”, disse Maria, ao lamentar que “os sergipanos enfrentem tantas dificuldades em áreas essenciais, enquanto valorosos recursos ficam parados no banco por falta de iniciativas”.

Coragem para decidir
A prefeitura da Barra dos Coqueiros, uma dentre as poucas que estão em dia com suas obrigações com o funcionalismo, fornecedores e prestadores de serviços, tomou decisão corajosa através de seu prefeito, Airton Martins (PMDB): não fará um mega carnaval, apesar de ter todo o direito legal para isso, optando por apoiar os tradicionais blocos que saem às ruas neste sábado e domingo, além de garantir a infraestrutura municipal para quem for curtir ou aproveitar para descansar na cidade durante o período carnavalesco.

Definição por prioridades
Airton Martins esclarece que, ao invés de gastar recursos públicos em festa, foca no que é importante, como o programa Comida na Mesa, com mais de 3000 famílias cadastradas, e o pagamento em dia dos servidores. “Gosto de festa. Mas com essa crise, gastar R$ 200 mil ou mais em cinco dias é colocar em risco a tranquilidade de famílias que dependem do salário da prefeitura e também daquelas que, justamente pela crise, hoje dependem da prefeitura para ver seus filhos com alimentação garantida”, explica Airton Martins.

Prefeitura de Muribeca antecipa o pagamento
O prefeito de Muribeca, Fernandinho Franco (PSDB), reafirmou seu compromisso com os servidores públicos e mais uma vez antecipou o pagamento dos salários referente ao mês de fevereiro. Receberam nesta terça-feira, 21, todos os servidores efetivos, contratados, comissionados e professores.

Dificuldades
Mesmo diante das dificuldades financeiras, o município garante mais uma vez o pagamento dentro do mês trabalhado. Com isso, os servidores de Muribeca poderão realizar seus pagamentos com tranquilidade e curtir o feriado de Carnaval com planejamento.

Respeito
Para Fernandinho Franco, pagar os servidores de forma antecipada demonstra o respeito com os trabalhadores e a responsabilidade desta gestão. "Tenho consciência que apenas fiz a minha obrigação, porém me deixa muito feliz poder honrar com este compromisso. É uma alegria ver que os nossos servidores poderão curtir o Carnaval com dinheiro no bolso ao lado dos seus familiares", disse.

Projeto parcelamento
ontem, 21, o vereador Lucas Aribé (PSB) lamentou na sessão a aprovação do Projeto de Lei (PL) nº 25/17 que concede abono vencimental especial, de caráter indenizatório e transitório, aos servidores públicos, ativos ou inativos, aos empregados públicos da Administração Pública Municipal – Poder Executivo, e aos pensionistas pagos pelo Tesouro do Município de Aracaju ou pelo Instituto de Previdência do Município de Aracaju – Aracaju Previdência. O vereador criticou o item 7 do PL, no qual o servidor não pode retirar o empréstimo se tiver seu nome no SPC ou Serasa.

Desrespeito
“Essa é mais uma forma desrespeitosa que a Prefeitura de Aracaju encontrou para solucionar esse problema. O que não se admite é que se diga uma coisa para aprovar o projeto e a prefeitura faça outra. Isso é grave e inadmissível. É uma forma absurda que o Poder Executivo vem lidando com o servidor. Inclusive, o servidor não pôde opinar nas negociações. O que houve foi um monólogo”, lamentou o vereador Lucas Aribé.

Critica
Já  o líder da oposição, Elber Batalha, entende que a prefeitura foi clara em afirmar no projeto que qualquer servidor poderia contrair o empréstimo, porém, segundo a nota da PMA, caso haja operações de créditos, financiamentos, cartões vencidos com os agentes financeiros (Banese e Caixa Econômica), em nome do servidor, antes da nova operação, será necessária a renegociação das dívidas junto aos bancos.

Contas atrasadas
"Ou seja, o servidor fica impedido de pegar o empréstimo porque certamente as contas estão atrasadas porque a prefeitura não pagou seu salário e agora não pode contrair o empréstimo pelo mesmo motivo: falta de pagamento de salário por parte da prefeitura", criticou.

Mentira
Elber também lamentou a falta de palavra do prefeito Edvaldo Nogueira. "Eu tenho certeza que os vereadores que votaram a favor deste projeto foram enganados porque não existia este artigo no projeto que veio pra Câmara. Taí mais que provado que o executivo atropela e mente, ao mandar um projeto para o parlamento e na verdade a história é outra. Edvaldo Nogueira mente mais uma vez para o servidor de Aracaju", finalizou.

PELO TWITTER

www.twitter.com/Pontifex_pt  1 (Papa Francisco)  Deus sabe melhor do que nós do que precisamos; devemos confiar n’Ele, porque os seus caminhos são muito diferentes dos nossos.

www.twitter.com/jrobertotgomes   Era um tipo tranquilo e pacato,até que,como a qualquer ladrão barato, lhe prendeu a Lava Jato,nos deixando com cara de pato…

www.twitter.com/Narcizo_Machado   "São as águas de Março fechando o verão é promessa de vida no seu coração".

www.twitter.com/ThalesBrandao   Classe média: Acompanhante de luxo. Pobre: Prostituta.  O preconceito começa aí.

www.twitter.com/BonifacioCartun   Tenho insônia até quando tô acordado por causa das própria insônia.

www.twitter.com/AlberthoJorge1   "Nem sempre quem está do seu lado está com você!

DO BLOG ESPAÇO MILITAR

"LOBINHA" DO CORPO DE BOMBEIROS É ASSINADA PELO GOVERNADOR JACKSON BARRETO. DE PARABÉNS QUEM REALMENTE LUTOU PELA SUA APROVAÇÃO.

Nesta terça-feira, dia 21, o Governo do Estado assinou a "Lobinha" do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Sergipe, atendendo a um anseio da tropa.

Importante ressaltar a luta de quem, verdadeiramente, lutou para que a Lobinha se tornasse uma realidade, que foram o Comandante Geral do CBM/SE, Coronel Carlos Eduardo, Sargento BM Alberto (diretor de base da AMESE), Tenente Márcio e Subtenente Neto, além do presidente da ALESE, Luciano Bispo, que foi o deputado que auxiliou para que a Lobinha se tornasse uma realidade.

Apesar de um determinado deputado ter afirmado que a Lobinha iria atrapalhar a implementação do subsídio e da PTS, o empenho das pessoas citadas acima citadas, mostrou que não atrapalhou de forma alguma, tanto que fora agora assinada. (Matéria do blog Espaço Militar)

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

https://.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
“Dar o exemplo não é a melhor maneira de influenciar os outros – é a única.”
  Albert Schweitzer.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários