Seis por meia dúzia

0

Setores da imprensa têm dedicado generosos espaços a uma possível mudança no comando da Segurança Pública. Insatisfeito com a crescente violência em Sergipe, o governador Jackson Barreto (PMDB) estaria propenso a substituir o secretário João Batista e seus auxiliares diretos. Sendo verdadeiro o que se especula, resta esperar que não se mude apenas as pessoas, mas que a futura cúpula da SSP tenha um projeto plausível de combate à criminalidade. Não basta ficar mandando recados aos bandidos, como fez o coronel Marcony Cabral que, ao assumir o comando da Polícia Militar, disparou um “seja honesto ou saia de Sergipe”. Para desespero dos sergipanos, a bandidagem não deu ouvidos à intimação do oficial. Portanto, para frear a ação dos foras da lei será preciso muito mais do que trocar seis por meia dúzia. De nada adiantará substituir as figuras se o reisado continuar o mesmo.

Pelas tabelas

A Petrobras pode estar desarmando o circo para deixar Sergipe. Quem alerta é o deputado estadual Luciano Pimentel (PSB). Ele teme que a estatal esteja desaquecendo propositadamente a sua ação empresarial no estado. Maior exemplo disso é a queda substancial e progressiva da contribuição dos royalties. “Em 2014, o estado arrecadou R$ 166 milhões, enquanto no ano passado foram apenas R$ 69 milhões”, disse. Aff Maria!

Lei defendida

Relator do recém aprovado projeto da terceirização, o deputado federal Laércio Oliveira (SD) garante que a nova Lei não tira qualquer direito dos trabalhadores: “Ela traz segurança jurídica, já que antes não havia uma legislação própria para isso”, discursa. Segundo o parlamentar, “estão divulgando o contrário para deixar as pessoas confusas”. Então, tá!

Saúde falida

“Não tem mais como esconder, a epidemia de sífilis explodiu em Sergipe”. A grave denúncia é do médico sanitarista Antônio Samarone. Segundo ele, “pagamos o preço do abandono das ações de saúde pública. Cuidamos apenas (e mal) da assistência médico/hospitalar, deixando de lado as ações promoção e prevenção da saúde”. Por fim, Samarone alerta que “a sífilis não é um castigo divino. É a consequência de uma política de saúde equivocada e criminosa”. Crendeuspai!

Seixas lembrado

A Assembleia Legislativa promove sessão especial para comemorar o centenário de nascimento do ex-governador João de Seixas Dória. Antes de governar Sergipe e ser cassado pelo golpe militar de 1964, o homenageado foi deputado estadual e federal. Organizado conjuntamente com a Academia Sergipana de Letras, o ato solene vai acontecer às 17h da próxima segunda-feira. Prestigie!

Greve continua

E os médicos da Prefeitura de Aracaju decidiram só retornar ao trabalho quando receberem o salário de dezembro. Como o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) jura não dispor de grana para tanto, o povo pobre vai continuar mendigando por assistência. Aliás, os grevistas vão hoje ao bispo se queixar da intransigência do comunista. Cruzes!

Dr. Bodega

Amanheceu com uma tremenda dor de dente e não tem quem o socorra nos postos de Saúde da Prefeitura? Que tal uma generosa dose de cachaça com pólvora? Escrito por Souto Maior, o Dicionário Folclórico da Cachaça também ensina que pinga misturada com caroço de algodão pisado cura sarna e todo tipo de coceira. Contra alcoolismo aconselha-se misturar cachaça com terra de cemitério, uma pena de urubu torrada e cocô de galinha. Misericórdia!

Será ciúmes?

Com o título acima, o Jornal da Cidade publica hoje a seguinte nota: O senador Antônio Carlos Valadares (PSB) não consegue disfarçar uma mágoa profunda do governador Jackson Barreto (PMDB) por não procurá-lo para conversar. Em entrevista numa emissora de rádio, Valadares foi enfático: “Ele não tem me procurado, mas se procurar é lógico que será atendido”. Marminino!

Ele falou

Para surpresa de todos que frequentam a Assembleia, o deputado estadual Vanderbal Marinho (PTC) fez um discurso na sessão de ontem. Falou sobre a campanha de vacinação contra a gripe, iniciada ontem em todo o país. Foi aparteado pelos colegas Antônio Santos (PSC), Luciano Pimentel (PSB) e Maria Mendonça (PP). Desde que tomou posse em 2015, este é o segundo pronunciamento do doutor Vanderbal. Vá falar pouco assim na China!

Luta por terra

Trabalhadores sem terra promovem hoje em Aracaju um ato em defesa da reforma agrária. Marcada para a frente da sede do Incra, a manifestação faz parte da Jornada Nacional de Luta pela Terra. O MST sergipano exige a implementação de infraestrutura e liberação dos créditos para os assentamentos já existentes. Também cobra o fortalecimento de programas destinado às famílias assentadas. Certíssimo!

Recorte de jornal

Publicado no Jornal de Sergipe, em 24 de outubro de 1988

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários