Sem navalhas

0

O governador Marcelo Déda (PT) jogou um balde de água fria naqueles que sonhavam colocar as mãos sujas na Deso para tirar proveito próprio. Ao dizer que a direção da companhia é de sua quota pessoal, justamente para que não se reedite a ‘barbearia do passado, com suas tesouras e navalhas’, o petista afugentou quem vinha articulando, na surdina, indicar protegidos para dirigir a companhia. O desejo dessas pessoas é unicamente se beneficiar dos contratos firmados pela Deso, como ocorreu em passado recente e que resultou na Operação Navalha que, entre outros, prendeu o conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Flávio Conceição. Recuperada pelo atual governo, a empresa voltou a dar lucros e executar grandes obras, tendo saído, de uma vez por todas, das páginas policiais. Seria lastimável vê-la novamente transformada num criminoso balcão de negócios. 

Cinto apertado

O aperto financeiro do Estado vai obrigar o governador Marcelo Déda (PT) começar seu segundo governo apertando o cinto para assegurar o pagamento das principais obrigações. A previsão é de João Andrade, já confirmados para continuar à frente da Secretaria da Fazenda. Mas nem tudo é sombrio: ele prevê para o próximo ano, o aumento de receitas como a dos royalties, pois a Petrobras tem dado sinais que voltará a investir em exploração de petróleo no Estado. Quanto a futuros reajustes para os servidores, Andrade garante que tudo vai depender do crescimento da receita estadual. 

Abra o olho

A grande movimentação em lojas e bancos por causa das compras de fim de ano pode favorecer a ação de infratores oportunistas. Por isso, antes de fazer compras em lojas online, a pessoa deve verificar se o computador a ser utilizado está com os programas antivírus atualizados. Também deve evitar páginas desconhecidas e arriscadas e só fazer transferência de arquivos (downloads) das lojas que o consumidor tem certeza de que são confiáveis. Também não é recomendável fazer operações bancárias e compras em computadores de uso público, como em lan houses e no ambiente de trabalho. Fique ligado!

Mais fácil 

A Caixa Econômica Federal lançou o Consórcio Moto, acompanhado por um seguro de vida durante o tempo em que o consorciado participar do grupo. A carta de crédito tem valores entre R$ 5 mil e R$ 10 mil, em um plano de 70 meses, com parcelas mensais a partir de R$ 88,73. A cada mês, são contemplados cinco grupos. O consórcio de motos é o segmento que mais cresce, assim como o número de mortes causadas por esse tipo de transporte.

Cinema e pipoca

O projeto Cine Sesi Cultural encerrou semana passada sua programação para este ano com exibições de filme na Orla de Neópolis. O retorno das atividades está previsto para o próximo dia 7 e a cidade escolhida foi Aquidabã. Os filmes são apresentados em tela de alta alvura com 12 x 5 metros, projetor de 35 mm e som que possui três vias de dois mil watts e projetor Hi-Light Xenon de dois mil watts, no sofisticado sistema Cinemascope. Tudo isso permite boa visualização e audição de até 25 metros. São exibidos títulos conhecidos e premiados.

Novas agências

Será inaugurada nesta segunda-feira a agência da Caixa Econômica Federal de Nossa Senhora do Socorro. Localizada na Avenida I (também conhecida com Avenida Principal), nº 815, no Conjunto João Alves Filho, a nova agência terá instalações provisórias, devendo as definitivas serem entregues à população no primeiro semestre de 2011. Na semana passada, a Caixa inaugurou, também em prédio provisório, a agência de Nossa Senhora das Dores. 

Posse cedinho 

A posse do governador Marcelo Déda (PT) e do vice Jackson Barreto (PMDB) está marcada para as 8h30 do próximo dia 1º, no plenário da Assembléia Legislativa. Usarão da palavra apenas o governador empossado, os líderes da oposição e da situação, respectivamente, deputados Venâncio Fonseca (PP) e Francisco Gualberto (PT) e a presidente do Parlamento, Angélica Guimarães (PSC). Em seguida, os empossados, deputados e convidados se deslocam para a área externa da Assembléia, onde o governador passará em revista a tropa da Polícia Militar. 

Pegue leve

A posse do governador será cedinho para que ele se desloque à Brasília visando assistir a posse da presidente da República Dilma Rousseff (PT). Isso quer dizer que quem pretende prestigiar a solenidade em Aracaju deve pegar leve na festa do Reveillon. Do contrário, com esse calor que está fazendo, vai suar em bicas durante todo o evento. Caso não se controle na virada do ano, o sujeito pode aliviar a ressaca tomando, logo cedo, um copo gelado de caldo de cana. É um santo remédio! 

Cadeirinha 

A partir do próximo dia 3, todo o veículo que transportar meninos e meninas de até sete anos de idade será obrigado a utilizar o dispositivo de retenção para crianças – a cadeirinha. Quem for flagrado descumprindo a legislação será multado em R$ 191,54, e terá sete pontos na carteira de habilitação, além de o automóvel retido até a regularização. A determinação está prevista na Resolução 277/2008, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), válida em todo o território nacional.  

Do baú político 

Vai longe o tempo em que qualquer político interferia no trabalho da Justiça. Na primeira metade do século passado, juízes e até desembargadores sofriam sérias represálias se as suas decisões contrariassem o governante de plantão. Em seu livro ‘Revolução de 1930 em Sergipe – dos tenentes aos coronéis”, o professor Ibarê Dantas conta que no governo de Eronildes de Carvalho ( 1935/1941) a Justiça era desrespeitada de várias formas. Chegava-se ao ponto de mandar emissários às casas dos juízes tomar satisfação sobre determinados julgamentos; fazer propostas de remoção e promessas de melhorias; reduzir prazo de aposentadorias compulsórias; e até mesmo exonerar desembargadores. A desmoralização ao Poder Judiciário era tão grave que o governo teve a petulância de se solidarizar oficialmente com um criminoso por que este foi condenado em juro popular. Tempo brabos, aqueles!

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais