Sequência difícil ameaça permanência do Confiança na Série B

0
Confiança perde em casa e deixa escapar chance de garantir permanência na Série B de forma antecipada (Foto: Luiz Neto/ADC)

A derrota do Confiança para o Operário (PR) foi a segunda seguida e a oitava nos últimos sete jogos. Dos últimos 24 pontos disputados, a equipe azulina conseguiu apenas três. Números extremamente preocupantes e que ligam o alerta para a equipe na competição. A sequência é péssima, e fica a sensação de que poderia ser melhor aproveitada não fossem os erros primários – individuais ou coletivos – do sistema defensivo.

O time aracajuano saiu na frente logo cedo: em bela trama com Reis pelo lado esquerdo, Iago passou por dois e marcou bateu entre as pernas do goleiro uruguaio Martín Rodriguez. Atrás no placar, o Fantasma passou a dominar as ações do jogo, tomando conta do meio-campo e buscando chegar ao ataque. A defesa azulina, compacta e bem postada, forçava o adversário a apelar aos cruzamentos.

Para consolidar uma vitória, entretanto, é preciso estar ligado os 90 minutos. A concentração, a coordenação e o empenho não podem ser afetados. O Confiança perdia as divididas e tentava chegar na bola longa, apostando na velocidade de Iago. Não funcionou mais: a primeira etapa terminou com poucas chances criadas e a dificuldade em ficar com a bola. O time claramente sentiu falta de Castilho, que esteve fora por suspensão, principalmente no controle da bola no meio-campo, distribuição das jogadas e bolas paradas.

A segunda etapa, a mesma configuração se manteve. O técnico Daniel Paulista até tentou fazer o time avançar, colocando Ari Moura no lugar de Rafael Vila, mas pouco mudou. Duas grandes chances perdidas – com Reis, de cabeça, e com Iago, após bela jogada com André Moritz – custaram caro. A pressão do adversário aumentou, até que o Dragão cedeu o empate e, nos minutos finais, levou a virada.

Os dois gols tiveram algo em comum: a inércia da defesa na marcação. Se concentrada e cedendo poucos espaços no primeiro tempo, nos dois lances mostrou que é preciso estar atento em todo o jogo.

Repare na imagem. No gol de empate, marcado após cobrança de escanteio, o atacante Ricardo Bueno sai sozinho da marca do pênalti para cabecear na pequena área. Rafael Vila e Iago ficaram só olhando o adversário correr desmarcado para escorar para o gol de Rafael Santos.

Desatenção: Ricardo Bueno parte sozinho para cabecear e empatar a partida (Imagem: Premiere)

O segundo gol mostra uma desconcentração ainda maior. Pior ainda que foi nos acréscimos, quando já não há tempo para reação alguma. Após outra cobrança de escanteio, a bola sobrou para Reniê. O zagueiro teve tempo de dominar, ajeitar, escolher o canto e mandar caprichosamente a bola para o fundo das redes. Virada e mais um balde de água fria.

Desmarcado, Reniê tem tempo de sobra para dominar, finalizar, e virar a partida para o Operário. (Imagem: Premiere)

O Confiança fica na 14ª colocação, a seis pontos da zona do rebaixamento e com um jogo a mais que Náutico (15º), Vitória (16º), Figueirense (17º), rivais mais próximos na tabela. A equipe precisa de organizar para a sequência pesada a seguir: depois de enfrentar o lanterna Oeste no próximo sábado, às 21h, na Arena Barueri, o time do bairro Industrial pega Sampaio Correia e os líderes América – MG e Chapecoense. Alerta ligado no Sabino Ribeiro!

Perto da “confusão”

Com a derrota, o Confiança manteve uma vantagem de seis pontos para o Figueirense (36pts), primeiro colocado na zona do rebaixamento. A rodada 33, que será finalizada nesta terça-feira, 12, ainda tem os seguintes confrontos: Náutico x América – MG; Botafogo – SP x Sampaio Corrêa; Paraná x CSA; Brasil de Pelotas x Juventude; Chapecoense x Figueirense; Avaí x Vitória; Cruzeiro x Oeste.

Para manter boa vantagem, é preciso torcer pelos tropeços de Náutico, Vitória, Figueirense e até mesmo do Paraná. Olho nos rivais!

Olho em 2021

Enquanto o Confiança define seu futuro na Série B, as demais equipes sergipanas trabalham no planejamento e montagem do elenco para esta temporada. O Itabaiana já iniciou os treinos de pré-temporada, sob o comando do técnico Maurílio Silva. O elenco do Tricolor da Serra, até o momento, tem os seguintes atletas:

Goleiro: Bruno; Remerson e Jonathas;
Lateral: Pinheirinho (D); Rodrigo Vovô (E); Weldon Grafite (D) e Paulinho (E);
Zagueiro: Hugo, Diego Bispo; Rafael Chagas e Ramon Silva;
Meia: Otávio; Jacobina; Batatinha; Messias; Aldo Júnior; Levi, Téssio Cajá, Guilherme Nicolas e Harrison;
Atacante: Thiago Santos, Ila, Pedro Henrique, Thiago Soares e Thiaguinho Fagundes;

O Club Sportivo Sergipe é outro que já anunciou boa parte do elenco e deve iniciar os treinos nos próximos dias. O atual vice-campeão sergipano volta a disputar competições nacionais neste ano e aposta na reestruturação do clube. Confira como está a equipe:

Goleiro: Marcão;
Lateral: Paulo Fernando; Joelson Fernando; Julio Lima;
Zagueiro: Julio Pit; Alexandre Lazarini;
Meia: Ewerton Ageu; Doda; Brendon; Thiago Etges e Lucas Crispim;
Atacante: Erick Bahia; James Dean; Paulinho Simoniato e Hiago;
Técnico: Paulo Foiani

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários