Servidor de segunda classe

0

Sergipe possui dois tipos de servidores públicos. Embora pagos pelo mesmo cofre, eles se dividem em primeira e segunda classes. Os funcionários do governo estão há anos sem qualquer reajuste, recebem os salários com atraso superior a 10 dias e, se não quiserem tomar o próprio 13º emprestado no banco, só receberão o benefício em seis módicas parcelas. E olhe lá! Do outro lado, estão os “primos ricos”, que trabalham no Tribunal de Justiça, na Assembleia, no Ministério Público e no Tribunal de Contas. Estes têm os salários depositados dentro do mês trabalhado e recebem o 13º antes do final do ano, aliás, um direito líquido e certo de todo trabalhador. É vergonhoso que, por conta dos equívocos cometidos pelo Executivo ao longo dos anos e a péssima gestão da coisa pública, Sergipe tenha chegado a este descalabro. Só Jesus na causa!

Aposta na educação

E o governador Belivaldo Chagas (PSD) sancionou as leis estabelecendo a “alfabetização pra valer” e o “sistema de avaliação da educação básica”. Segundo o pessedista, as duas leis vão garantir a melhoria do ciclo de alfabetização, além de diagnosticar os níveis de aprendizagem dos alunos. Não é bem isso que pensa Ivonete Cruz, presidente do Sindicato dos Professores da Rede Pública. Segundo ela, não haverá essa prometida melhoria da educação, pois as escolas estão sucateadas e o magistério desvalorizado, sem falar na precariedade da alimentação e do transporte escolar. Crendeuspai!

Braços cruzados

A saúde estadual funcionará precariamente nesta quinta-feira. É que os servidores do setor decidiram cruzar os braços por 24 horas para reivindicar reajuste salarial, a implementação do Plano de Emprego e Remuneração e a conclusão do novo acordo coletivo. Os manifestantes também exigem melhores condições de trabalho. À tarde, a galera fará um protesto em frente a Palácio do Governo. Danôsse!

Cleomar vive

A Câmara de Aracaju aprovou em 1ª discussão a criação da Medalha de Honra ao Mérito jornalista Cleomar Brandi. Ao defender a homenagem ao comunicador falecido em 2011, o vereador Elber Batalha Filho (PSB) lembrou que “Cleomar foi um grande jornalista, sagaz, polêmico, um profissional único”. É vero!

Fora do ar

A Rádio Liberdade/AM não existe mais. Seu sinal saiu do ar ontem. Em seu lugar surgiu a Rádio Liberdade/FM, prefixo 100,3. Fundada em 1953, pelo empresário Albino Silva, a Liberdade é a segunda emissora mais antiga de Sergipe, ficando atrás apenas da rádio Aperipê, instalada em 1939. Por falar em rádio, a Cultura/AM completa 60 anos na próxima quinta-feira. Criada por Dom José Vicente Távora, então bispo de Aracaju, a emissora católica tinha como objetivo propagar o projeto do Movimento de Educação de Base, que levava a educação ao homem do campo. E viva o “papagaio” falador!

Troca de postos

A desembargadora Iolanda Guimarães substituirá o também desembargador Diógenes Barreto na vice-presidência do Tribunal Regional Eleitoral. Após a escolha do nome da magistrada por unanimidade, o presidente do TRE, desembargador José dos Anjos, disse ter certeza que a futura vice terá o mesmo brilho do atual Diógenes Barreto, que também responde pela corregedoria da Casa. A posse de Iolanda Guimarães acontecerá em janeiro de 2020. Boa sorte!

Aposentadoria

Muita gente não sabe que, mesmo sem receber uma renda, as donas de casa também podem se aposentar e receber o benefício mensal. Basta estarem inscritas no INSS e pagar as contribuições. Elas podem se inscrever na Previdência como contribuintes facultativas, desde que não exerçam outra atividade que as tornem contribuintes obrigatórias. Ah, bom!

Batendo em retirada

João da Tarantela, fundador do PSL em Sergipe, promete se filiar ao “Aliança pelo Brasil”, o partido que o presidente Jair Bolsonaro está criando. “Acredito que a maioria dos filiados ao PSL é fiel ao presidente e mudará de agremiação junto com ele. Vamos trabalhar para construir o Aliança nos 75 municípios de Sergipe”, declarou. Tarantela preferiu não revelar o número de filiados que deverá segui-lo. Esta informação é do blog Primeira Mão. Então, tá!

Retaliando o Nordeste

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) jura que o fechamento da sede administrativa da Petrobras, em Aracaju, faz parte da retaliação do governo federal contra o Nordeste. Segundo ele, primeiro a estatal lacrou a Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen), em Laranjeiras, e agora fecha sua sede na capital: “E ainda perguntam por qual motivo o Nordeste não gosta do presidente Jair Bolsonaro”, fustiga Mitidieri. Homem, vôte!

Menos óleo

Quem esteve, ontem, em Aracaju foi o almirante Leonardo Puntel, Comandante de Operações Navais da Marinha. Veio comunicar ao governador Belivaldo Chagas (PSD) que o volume de óleo no litoral sergipano está em fase de regressão. Que bom! O militar também tratou que sobre as providências adotadas pela Marinha visando reduzir os estragos causados pelo óleo derramado no Atlântico. O almirante aproveitou para informar ao governador que ele será homenageado com a Medalha Mérito Tamandaré. Marminino!

Briga pequena

Bate-boca entre um tucano e um demista: “O DEM inteiro cabe num fusquinha”, fustigou o peessedebista, para ouvir na lata: “E o PSDB só enche uma brasília”. Misericórdia!

Recorte de jornal

Publicado no jornal Correio de Aracaju, em 30 de novembro de 1926

Comentários