SSP: projeto, vícios e faxina

0

  Em meio à crise que o governador tenta estancar na segurança pública em Sergipe uma certeza. É preciso que, independente das mudanças que vão ocorrer, que Marcelo Déda não mude o desejo de implantar um novo projeto moderno e transformador nesta área que tem graves problemas e está carcomida pelos vícios que se enraizaram ao longo dos anos.

  Por exemplo: não dá para aceitar que membros da segurança pública sejam donos (mesmo que colocando familiares ou laranjas) de empresas de segurança privada. Ou seja, se a segurança pública é um caos melhor para o negócio dele. É um contra senso. Outro ponto importante: está na hora de começar uma faxina da SSP. Aposentado, colocando à disposição e – como bem escreveu um leitor – mandando para casa diversos figurões que fazem da SSP um campo de luta intestina. Citar os nomes? Todos que fazem a SSP, políticos, autoridades e a imprensa conhecem bem. Sempre estão rezingando uns com os outros, fofocando, causando confusões, e, ainda, como cada um desses que em muitos casos já foram superintendentes ou secretários, têm os seus apaniguados, é aquela “panelinha braba”. Paulo Márcio deixa a superintendência não por incompetência pessoal, mas por problemas que poderiam ter sidos sanados há algum tempo e que foram crescendo e culminou com a nota da associação dos delegados.  

  Para implantar o projeto moderno e transformador na SSP o governador precisa acabar de uma vez com a divisão existente entre os delegados de carreira, onde boa parte dos antigos acha que tem direito adquirido para nomear o superintendente. Os delegados que ingressaram no último concurso público, são tão bons – ou até melhor – do que muitos dos antigos. Até porque se for analisado os últimos escândalos na SSP, tiveram como seus integrantes delegados do grupo “antigo”. Se desde o início do atual governo a Polícia Federal tivesse realizando uma operação para investigar a polícia de Sergipe, como um todo, certamente muitos caíram não só com as gravações telefônicas, mas com alguns atos praticados.

 O governador Marcelo Déda e o secretário Kércio Pinto sabem que o problema não é ser delegado “novo” ou “antigo”, o importante é ter compromisso como o projeto que o Governo do Estado pretende implementar colocando alguns milhões dos cofres públicos federal e estadual. E não dá mais para esperar o anúncio da convocação dos escrivães e policiais militares. Já se esperou demais.

 

  

 

Manchete esquisita: Kércio vai mandar na SSP I

Tem algo de grave acontecendo no Governo do Estado. O Jornal do Dia de domingo,26, publicou como manchete principal: “Kércio vai mandar na SSP” É o cumulo do absurdo! O secretário passou oito meses sem mandar na SSP? E aceitou ser secretário sem mandar na pasta? Pela matéria o “governador deu carta-branca” para Kércio reestruturar a equipe administrativa e cita como principal exemplo o superintendente, Paulo Márcio. Quer dizer que Kércio Pinto assumiu a pasta sem nomear seus principais auxiliares e vinha batendo cabeça durante todo este tempo?

 

Manchete esquisita: Kércio vai mandar na SSP II

Pela manchete e pela matéria os principais culpados estão no comando da polícia civil. Detalhes importantes: Quem indicou o superintendente da Polícia Civil, foi nada mais nada menos do que o próprio governador. Ou seja, se algo está errado precisa ser corrigido, porém não é correto colocar a responsabilidade apenas em uma pessoa. Neste caso os erros foram do governador, de Kércio Pinto e de Paulo Márcio. O resto é tentar justificar para a população o que não pode ser justificado.

 

Convocação quinta ou sexta-feira

Desta vez é pra valer. Na quinta ou sexta-feira desta semana o governador Marcelo Déda deve anunciar a compra de alguns equipamentos para a área da segurança pública e convocar escrivães e policiais militares que passaram nos últimos concursos. Ficou para o final de semana porque o secretário Kércio Pinto tem uma viagem marcada na terça-feira.

 

Carros de luxo na SSP

De um leitor: “Gostaria de entender porque  a SSP utiliza carro de luxo para fazer ronda e demais serviços. Há muito astra, civic, meriva, corsa sedan etc. Com ar condicionado, ai é que o consumo de gasolina é alto. O que a policia precisa é de carros com direção hidráulica, resistentes, equipados e apropriados para policia. Acho que carros populares atenderiam o serviço de ronda e de policiamento no Estado. Outra coisa é a distribuição de blazer. Deveria ser para locais que realmente precisam, como no interior ou na periferia onde o acesso é difícIl. Mas o que vemos é a utilização em Aracaju em delegacia onde realmente não tem tanta necessidade com em outros locais. Apenas por vaidade do delegado ou interesse particular”.

 

Apelo para convocação de concursados

De um leitor: “O mês de agosto está indo embora e nada das convocações para a área de segurança pública tendo em vista a amenização da situação da sociedade sergipana, mergulhada na imensidão dos discursos teóricos do governador do estado, que como um oráculo da Grécia antiga fala a seus seguidores fieis por opção consagrada nas urnas nas eleições passadas. Governador! Já que dependemos do teu oráculo profetiza, por favor, aí então podermos nos posicionar e prever para prover, nos resguardando assim de uma situação tomara que não de caos urbano dependendo de como venha teu oráculo nesses próximos dias. Não admitimos o silêncio senhor governador, sabemos que no monte Olimpio onde habita classe política alguns se humanizam e participam da vida dos simples mortais,sentindo o drama que é viver sem segurança e passivo do crime a qualquer momento. Então faço mais uma vez um apelo ao senhor nosso Governador do Estado a quem escolhemos como representante e porta voz para que ponha em prática o plano de segurança pública do estado”.

 

Almeida perde o bonde da história

O senador Almeida Lima (PMDB) é um dos poucos no Senado Federal que não abre mão da inocência de Renan Calheiros  em todos os processos em que o presidente do Senado vem sendo investigado. Porém, amigos do senador dizem que o que mais incomoda ele no momento não são as criticas da imprensa a atuação dele no caso Renan, mas o total desprezo que recebe do governador Marcelo Déda. Semanalmente Almeida Lima perde horas escrevendo artigos contra Marcelo Déda, mas o governador não está nem aí para ele. Tem que diga que o desprezo de Déda tira o senador do sério…

 

 

Interventor vai processar este jornalista

Amigo de mais de 20 anos, o interventor de Pirambu, Moacir Santana vai processar este jornalista. É certo que será indiretamente, porque o auxiliar nomeado por ele, Antônio Luis, para a secretaria da Educação ligou para este colunista não concordando com a nota publicada que ele é “Alvista de carteirinha” e sobre a participação dele no governo João. Pois bem! Moacir errou feio ao nomear Antônio Luis. Se não foi ele quem indicou deve ser “amigo da onça”. E mais: este jornalista recebeu duas denúncias graves contra Antônio Luis, uma delas contando tudo da saída dele da gerencia de marketing da Secretaria da Fazenda, onde foi exonerado pelo então secretário Gilmar Mendes. O bolo envolve a participação de outro ex-secretário. Como este jornalista não tem medo de processo vai divulgar assim que obter algumas informações que faltam. O leitor conhece a história dos R$ 200 mil…

 

Déda: “Estou achando o Aécio parecido com Tom Cruise”

Deu no blog do Moreno, no Globo Online: “O governador de Sergipe, Marcelo Déda (PT), e outros governadores da base aliada jantaram com Lula no início desta semana. O assunto era a prorrogação da CPMF, mas será mesmo que a sucessão presidencial não foi tratada nesse encontro? Déda garante que não, mas faz sua própria análise sobre o tema. Diz que gostaria que um petista recebesse o bastão de Lula em 2010. Sobre a possibilidade de um tucano contar com o apoio do PT, Déda afirmou que seria ruim para a democracia. E brincou : “Estou achando o Aécio muito parecido com o Tom Cruise”. É que o sergipano acredita que o governador de Minas não terá a menor chance na briga com o colega de São Paulo, José Serra, pela vaga do PSDB à candidatura de 2010”. 

 

Agressão verbal em Itabaiana

Antônio Teles, irmão da prefeita de Itabaiana, Maria Mendonça, fez um papelão na última semana. Ele é da direção de uma entidade responsável por obras de um conjunto residencial naquele município através de recursos federais. Como os salários dos trabalhadores estão em atraso alguns cobraram através da FM Itabaiana. Pois bem! Não é que o Antônio Teles foi tomar satisfações com o repórter da emissora que estava na obra procurando mais detalhes. Um absurdo! Enquanto isso os mesmos recursos chegaram em Porto da Folha e rapidamente as casas foram construídas em regime de mutirão.

 

  

Análise sobre cargos na Secretaria de Turismo I

De um leitor: “Com relação às denúncias da 103FM que você republicou eu e muita gente do turismo lamentará se o pedido de pessoas que não se identificam for atendido. Nada digo em relação às meninas, que integravam aquela trupe que viajou para o Rio de Janeiro para participar do congresso da ABAV como prêmio de consolação por terem vestido camisa verde e ido à luta. Quase todos ainda estão lá na Setur. Você publicou isto, você tem os nomes, compare com os três que foram denunciados como alvistas dentro da Setur. Falta um. Lamentaremos porque todo um grupo de jovens aprendeu a gostar do turismo e a sonhar,e mais que isto acreditar, com o crescimento turístico de Sergipe ouvindo as palestras, mesmo quando chamado de última hora, que Carlos Nascimento vinha nos fazer. Posso falar da competência, mas pessoas competentes podemos ter muitas. Mas queria falar de dois valores que observamos. Honestidade e paixão, na verdade seria melhor dizer tesão, pelo que faz, parece que o cara vive turismo e cultura sergipana 24 horas por dia.

 

Análise sobre cargos na Secretaria de Turismo II

Continua o leitor:E a honestidade transparece em ações simples. Primeiros nas opiniões que emitia e depois  mostrando o apreço que tem pela coisa pública. Imagine que eu não entendia que muitas vezes saímos da palestra e seguíamos juntos para o ponto de ônibus, ótimo porque a conversava durava até o terminal DIA e eu continuava aprendendo, ficava matutando porque sabia que pessoas da própria Setur com um carguinho a mais só se deslocam com carro oficial e ele raramente ia em um destes curioso perguntei e soube que nestas raras vezes é porque ele estava representando o Secretário, pode parecer idiota esta história, mas para quem vive o tempo que vive tem um significado. As pessoas só consideram corrupção os grandes atos, mas os pequenos como utilizar carro oficial para ir trabalhar diariamente e resolver assuntos particulares não(veja artigo da Época desta semana) acham normal que qualquer um faça isto. Hoje quando um grupo de colegas falávamos sobre o assunto, e todos foram unânimes sobre a perda que poderá acontecer, cogitamos os motivos do denuncismo não ter atingidos outras pessoas que permanecem em seus cargos e que tiveram uma participação ativa na campanha, dizem que tema até gente que não vai nem trabalhar, e além do mais sequer falaram do fantasma do ex-secretário que se vê perambulando pelos corredores da Setur fazendo o que ninguém sabe e chegamos a uma conclusão simples: Freud explica!”.

 

 

Fórum Pensar Cedro

Da coordenação do fórum Pensar Cedro:Temos a grata satisfação de anunciar o endereço eletrônico do nosso site www.infonet.com.br/pensarcedro . Este é um passo importante na divulgação eletrônica das nossas ações e do nosso município. A idéia é de posteriormente transformá-lo em um portal”.

 

 Bagunça nas festas do DCE da Unit

De um leitor e morador próximo da Unit: “Tenho visto nos últimos três finais de semana mais precisamente de sexta para sábado, realização de festas no DCE-Unit aqui na farolândia. O que nos tem incomodado é que estas festas se estendem até a madrugada do sábado por volta das cinco horas com tudo o que os estudantes tem direito, som bem alto, bebidas a vontade, falação e discussões contando ainda com cenas explicitas entre casais, pois nós que moramos nos prédios próximos ao DCE temos assistido cada coisa.É bem verdade que a festa é realizada na área interna(quintal) mas convenhamos é uma área residencial e aonde fica a política da boa vizinhança?. Nesta sexta-feira (24/08) na verdade já madrugada de sábado aconteceu uma tremenda confusão com troca de socos e pontapés que até a polícia chegou no local. Nós moradores vizinhos estamos assustados e principalmente tristes pois se trata de estudantes que estão mostrando um péssimo exemplo para a sociedade. Alguém pode dar bom exemplo e fazer alguma coisa ou será necessário tomarmos uma atitude mais séria? Não queremos isso”.

 

 

Carta aberta: Movimento SOS Serra dos Montes I

Carta enviada por Carlinhos do PT, de Campo do Brito, para o governador e a imprensa sergipana:Aqui na cidade de Campo do Brito Se, há 14 anos venho lutando pela preservação da Serra dos Montes, mais conhecida popularmente como Serra de São José, da qual Vossa Excelência participou juntamente com outras autoridades do Estado de Sergipe, do Movimento SOS Serra dos Montes no dia 19 de Março de 2006. Acontece que nada foi feito por parte da Prefeitura Municipal, no sentido de preservá-la ao contrario a degradação é continua, de forma acelerada, com despejos de lixos que são recolhidos da nossa cidade, e como também lixo hospitalar e restos de animais mortos que é jogado a céu aberto, conforme só este ano em 02 reportagens da Tv. Se. Mostrando as imagens para todo Estado de Sergipe. Já cansei de tanto ir aos seguintes órgãos governamentais, Ibama, Adema , Dnpm, Ministério Publico Estadual e estes órgãos nenhuma providencia é tomada a não ser por parte do Dnpm, que proibiu, a retirada de cascalho da Serra o que vinha sendo feito a 14 anos para aterro de estradas vicinais. Infelizmente fico triste em dizer que com a tua ascensão ao governo do estado as providencias seriam tomadas só este já foi 02 vezes na Adema, mais nada mudou em relação a providencias, mostrei pessoalmente as fotos de toda a degradação do meio ambiente por parte da prefeitura e como a devastação de nossas reservas ambientais por parte de fazendeiros poderosos que o Ibama tem conhecimento e não sei quais providencias foram tomadas”.

 

 

Carta aberta: Movimento SOS Serra dos Montes II

Continua a carta:Mais o quero denunciar a Vossa Excelência, e as autoridades de Sergipe, é que esta semana o Senhor Prefeito Municipal, Manoel de Souza, popularmente conhecido como Maim, em entrevista na Radio Educadora de Frei Paulo ao Radialista Pedro Rocha, que a Tv Se. Por falta de assunto e noticias fica colocando imagens de Campo do Brito, e que lixeira esta

em local correto, e que não afeta ao lençol freático que segundo o mesmo esta a mil metros de profundidade, o que não é verdade, pois a 200mts da lixeira esta o riacho Lomba, que e um riacho morto pela contaminação não só da lixeira e como dos resíduos do Curtume  Souza, este riacho é  um afluente do rio Vasa Barris, que deságua na cidade de Aracaju. E também a menos de 500 mts da lixeira nasce o riacho Araçá que até 1983, abastecia a cidade de Campo do Brito, alem dos citados mais dois riachos que nasce na serra e vai em direção a barragem da cajaiba.No dia 12.08.2007, participamos de uma manifestação pela reabertura do Ginásio de Esporte que pertence ao estado, mais é administrado pela prefeitura e há 6 meses que esta fechada  desde a época do vendaval que ocorreu nesta região e houve problemas com o mesmo, ele não conserta e não devolve ao estado fica privando a juventude que se quiserem jogar ter que ir para a cidade de Macambira, acontece que o mesmo esta fechado há 06 meses e o consumo de energia ta vindo a mais do que quando estava em funcionamento, só que o mesmo confessou na entrevista seu ato de improbidade administrativa, que fornece energia para particulares, e que se for obrigado por alguma autoridade a ter que cortar o fornecimento, ia divulgar em carros de sons que eu seria o único responsável por tudo de ruim que esta ocorrendo na cidade de Campo do Brito, fica incitando a população contra mim, sei que não é fácil defender a natureza, minha família esta assustada com as declaração do mesmo e dos seus seguidores na Câmara de vereadores, e que as pessoas neste país  pagam um preço muito alto, se tentar defender a natureza, quantas pessoas tombaram, e no nosso estado muito recente crime que até hoje não foi elucidado do companheiro e amigo Carlos Gato, tá dado o alerta”.

 

Indique um amigo para receber esta coluna: claudionunes@infonet.com.br

  

Frase do Dia

“Fácil é minar a alma/para o conforto azul da eternidade/difícil é acordar/ o corpo para a luta”. Hunald de Alencar, poeta sergipano, in “Verde silêncio da semente”.

 

 

 

 

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais