TC cede sob pressão

0

   O pleno do Tribunal de Contas de Sergipe decidiu ontem suspender a decisão que impedia a Deso de realizar a licitação para contratar uma empresa privada para realizar uma auditoria em cinco contratos. A Deso ingressou no último dia 07 no Tribunal de Justiça, com um mandado de segurança para garantir a auditoria e certamente a empresa será vitoriosa. O TC recuou sob pressão, não da imprensa nem da Deso, mas da opinião pública sergipana e até da repercussão negativa que a decisão do órgão teve nacionalmente.

Estes contratos foram divulgados neste espaço no dia 07. Não tem nenhum  da Gautama (a licitação para a auditoria foi iniciada antes da Operação Navalha), mas estes contratos merecem ser detalhados e, certamente, uma auditoria rigorosa deixará muita gente com “dores de cabeça”.

  Tem contratos com a construtora Eca (rede coletora de esgoto), outro da MSM (projeto Califórnia), outra da OAS (Barragem do rio Poxim), da Bastos (projeto Califórnia)  e da Fuad Rassi Engenharia (abastecimento de água). Este último engloba três obras. Este jornalista vem conversando com técnicos sobre estas obras e vai começar a dar detalhes sobre cada uma delas nas próximas semanas. Por exemplo, o de rede coletora e coletores tronco do bairro Atalaia Velha, tem um grave problema. Alguém já viu se contratar uma unidade operacional que não funciona? Pois é o caso deste contrato. Foi feito a rede secundária, mas não tem o tronco e as ligações domiciliares. Não foi uma inversão de prioridade? Mas isso é para uma análise profunda mais tarde. Aliás, nos amplos corredores da Deso o comentário é que tem um ex-diretor sob forte pressão e que não resistiria a uma delação premiada. O certo é que ele não cairá sozinho.

   No release enviado ontem à imprensa é destacado que nenhum dos contratos da auditoria se refere a construtora Gautama. Boa parte da imprensa – aquela que divulga os fatos – já explicitou esta questão. Parece que o TC tenta um contra ataque tentando jogar para a Deso a responsabilidade da auditoria ter sido negada. Ou será que se tivesse o contrato da Gautama o órgão se portaria da mesma maneira?

   É preciso cautela. O TC hoje é um órgão na berlinda está sangrando por conta do conselheiro Flávio Conceição que insiste em continuar no cargo. Enquanto isso a sangria vai aumentando e passando para os outros membros. Um risco grande para uma instituição, que mesmo sendo auxiliar do Poder Legislativo se comporta como um poder paralelo, não só em Sergipe, mas em vários Estados. Enquanto Flávio Conceição for conselheiro do TC de Sergipe nenhuma decisão deste órgão terá o respaldo legitimo perante a opinião pública sergipana. Isto está claro, mas alguns insistem em apostar no esquecimento da população.

 

Operação Navalha ainda continua

Para quem pensa que a Operação Navalha terminou, ledo engano. A ministra Eliane Calmon está debruçada no caso e, ainda não indiciou os envolvidos por formação de quadrilha e corrupção ativa e passiva, por conta do extenso processo que está preparando, juntando todas as provas para que os maiores criminalistas do país – contratados a peso de outro pelos envolvidos – não encontrem brechas para barrar a tramitação do processo.

 

TCU vai colaborar com TCE

Segundo release, do TCE,  o presidente do Tribunal de Contas da União, ministro Walton Rodrigues, enviou expediente ao presidente do TCE, conselheiro Carlos Pinna, colocando o órgão que dirige à disposição da Corte de Contas de Sergipe para que seus técnicos colaborem naquilo que for necessário no controle de prestação de contas, auditorias e inspeções em entes públicos do Estado de Sergipe. O documento foi uma resposta positiva do TCU à solicitação do TCE para que participe da auditoria nos contratos da Companhia de Saneamento de Sergipe. Quem também colocou um técnico à disposição do TCE para acompanhar a auditoria foi a Controladoria Geral do Governo do Estado.

 

Inferno astral

 O Tribunal de Contas do Estado está vivendo num verdadeiro inferno astral, mas, sem dúvida, o ex-deputado Reinaldo Moura está no olho do furacão. Na delicada posição de Conselheiro do Tribunal de Contas foi o responsável pela decisão para que a Deso não contratasse uma auditoria em suas contas, depois veio a Operação Navalha, em seguida Flávio Conceição, cassação de André Moura, seu filho, e, agora, essa loucura em Pirambu. O TCE que, por unanimidade, aprovou as contas de André Moura, como prefeito, está em “xeque”, pois, estão pedindo revisão geral de sua administração.

 

Operação Fox completa um ano, mas procedimentos continuam

No último dia 18, a Operação Fox completou um ano, mas os procedimentos ainda continuam em Sergipe, através do trabalho do procurador federal Paulo Fontes, que encontra-se de férias. Para quem não lembra a operação resultou na prisão de seis prefeitos de Sergipe e alguns outros da Bahia e Alagoas acusados de envolvimento em fraude de licitações e desvios de recursos federais nas áreas da saúde e educação. Os prefeitos de Sergipe detidos foram: Tonho de Dorinha, de Poço Verde; Valdomiro Santos, de Siriri; Hélio Mecenas, de São Domingos; Laércio Passos, de Rosário do Catete; Zé Franco, de Socorro e Marcos da Costa, de Cedro de São João. A Operação tem gravações telefônicas e apreendeu até dinheiro na residência de um deles. Tem um prefeito sergipano que está traumatizado até hoje e não pode ouvir falar em Polícia Federal.

 

Hotel do governo estadual vira motel

Um absurdo! Em Propriá, o hotel Velho Chico virou motel. Justiça seja feita, deste o governo passado que o então secretário de Turismo, Pedrinho Valadares ingressou na Justiça contra o arrendamento feito pelo gestor anterior de 10 anos para um empresário ligado a um deputado estadual da época. Agora, o despejo foi concedido, mas o empresário usa das pressões políticas por meio de um atual parlamentar federal. Inclusive o mesmo empresário foi agraciado com quatro salas – também do governo – no hotel Palace que, num ato ilegal sub-locou e vem recebendo alugueis de imóveis que são do Estado. A ação de despejo também inclui essas salas. Agora, um parlamentar federal – que não é de partido aliado ao atual governo – com fala mansa, tenta fazer com que o governo estadual volte atrás. Uma imoralidade! Com certeza o atual governo não deixará que um hotel do Estado continue como motel. A coluna vai esperar, mas se necessário dará o nome do atual parlamentar federal, do ex-deputado e do empresário. E ainda falam que desejam o desenvolvimento para Sergipe. Só se for pessoal…

 

Déda distribui bandanas em estande de Se no Rio I

Depois que participou de uma série de reuniões no Rio de Janeiro ontem, 19, o governador Marcelo Déda foi visitar o estande de Sergipe localizado na praia de Copacabana no Rio de Janeiro  acompanhado do secretário Oliveira Junior e outros auxiliares. Lá ele ficou satisfeito com o que viu e distribuiu bandanas de Sergipe que vêm fazendo sucesso com os turistas e atletas que participam do Pan. Ontem, 18, esta coluna publicou uma nota de um leitor criticando o estande. O jornalista lembra que este espaço foi o primeiro a divulgar que o estande tinha sido cedido gratuitamente pelo Ministério do Turismo. Naquele momento esta coluna deu a idéia de levar uma quadrilha junina para fortalecer o marketing dos festejos juninos, mas o governo não teve condições financeiras. O estande de Pernambuco, por exemplo, tem dançarinos de frevo.

 

Déda distribui bandanas em estande de Se no Rio II

A coluna recebeu o seguinte esclarecimento da assessoria da Setur: “Em relação ao questionamento do leitor publicada em sua coluna de ontem (19) sobre o gasto do governo do Estado no estande de Sergipe localizado na praia de Copacabana no Rio de Janeiro, informamos que todo o investimento em infra-estrutura foi realizado pelo Ministério do Turismo, não havendo custo nenhum para os cofres públicos estaduais. Em relação ao tamanho estande, informamos que trata-se de um estande padrão para todos os Estados brasileiros e não seria o de Sergipe maior (ou menor) que os demais. Cada Estado ficou responsável em levar duas atrações artísticas e o Estado de Sergipe enviou Sergival, que tem um trabalho de qualidade reconhecido, e o grupo Naurêa que foi uma das maiores sensações entre as atrações que se apresentaram no palco armado na praça das medalhas do Pan, tendo inclusive participado de uma aparição nacional no Jornal Hoje da Rede Globo da última segunda-feira (16). Entendemos que estar na praia de Copacabana nos dias do acontecimento dos Jogos Pan-americanos não como gasto, mas como um investimento importante que coloca o Estado de Sergipe numa vitrine de grande visibilidade devido ao grande fluxo de turistas, não apenas do Brasil, como também do mundo todo, que estão circulando pela cidade atraídas por este grande evento”.

 

 

Procurador pede ao STF suspensão da transposição

Parte de matéria da FSP de hoje, 20:O procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, pediu ao STF (Supremo Tribunal Federal) a suspensão das obras de transposição do rio São Francisco, orçadas em mais de R$ 4 bilhões e definidas pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva como uma das prioridades de seu governo.Em fevereiro último, ele já havia solicitado ao Supremo a suspensão da liberação das obras dois meses depois que o ministro do STF Sepúlveda Pertence cassou liminares judiciais de vários Estados que impediam a execução do projeto e aceitou como válida a licença prévia que fora concedida pelo Ibama para realização da obra”.

 

Usuário revoltado com demora e “jeitinhos” no Detran

Indignação de um usuário: “Juro que acreditava que a farra no Detran tinha acabado há muito tempo. Lembro-me que há cinco anos atrás, quando fui renovar minha carteira de motorista, fui no CEAP do Shopping Rio Mar, uma beleza, dei entrada, paguei a taxa e escolhi a clinica para fazer os exames médicos. Pois bem, segunda-feira resolvi renovar minha CNH e para minha surpresa enfrentei uma fila de uma hora e meia no Detran o funcionário que fica no balcão entregando as senhas, a todo instante chegava com pacotes de documentos passando à frente daqueles que estavam sentados esperando o momento de ser atendido através de senha. Outro absurdo, de 10 atendentes, somente dois ou três atendiam enquanto os outros batiam papos, inclusive o chefe, foi irritante, ele olhava para os que estavam aguardando e dava risos. Para completar, não temos o direito de escolher a clínica, pois o Detran é quem indica e marca o horário, imagine que cheguei na clinica CLIAPSY às 13:45 hs e só fui atendido às 17:00hs, mais ou menos umas de 60 pessoas aguardavam para serem atendidas. E eu que pensei que aquele órgão corrupto era coisa do passado”.

 

Agendamento de perícia é para o dia, não de horário

A Secretaria da Administração disponibilizou um telefone para agendamento da perícia  para servidores. O problema é que a informação dada é que trata-se do agendamento do horário. Só que o servidor chega no local, diz que agendou para 9hs, por exemplo, e é informado que o atendimento é por ordem de chegada. Ou seja, o agendamento é para o dia e não para a hora. Somente ontem a coluna recebeu duas reclamações. Os responsáveis precisam corrigir esta falha.

 

Estudante repudia paralisação estudantil I

E-mail de um leitor e estudante da UFS de repúdio a nota  “frente de paralisação estudantil da UFS”, publicada ontem, 19: “Em primeiro lugar, esses caros colegas estudantes como eu são apenas protótipos de revolucionários sem luta, pois não tem causa. A paralisação dos estudantes da UFS não se trata de reivindicações por condições melhores de estudos, trata-se sim de seguir o vácuo dos técnicos que estão em greve – estes sim, em seu estado de direito -. O que não condiz nessa imbecilidade comprada por meia dúzia de “promotores de baderna estudantil” é apresentar propostas à reitoria de maneira tão opressiva; ora vamos discutir como componentes de uma classe intelectual, vamos guerrear no mundo das idéias como faziam os grandes sábios. Vamos colocar a sociedade para participar da construção de uma universidade pública de qualidade em nosso Estado e, sobretudo, vamos nos dispor, a saber, ouvir também”.

 

Estudante repudia paralisação estudantil II

Continua o e-mail: “Conflitos políticos em debates como educação, saúde, segurança, são letais para o nosso povo. Vamos sair dessa morosidade que insistimos em alimentar seguindo sempre os modelos errados e vamos espelhar os modelos de sucesso na educação, saúde ,etc. Agora, ficam os estudantes dessa frente sem causa nenhuma, que, diga-se de passagem, estarão calados assim que os servidores voltarem da única greve legítima em vigor na UFS. À esses meus colegas apenas lamento essa brincadeira de criança que estão fazendo a esse patrimônio sergipano que é a UFS…”

 

Leitor faz a notícia: VII Jogos Estaduais das Baratas                                                                     

Foto do leitor que comprova o desperdício de energia em escola pública.

E a coluna inaugura um espaço para o leitor enviar notícia sobre qualquer assunto que achar interessante. Hoje, a coluna publica a foto ao lado enviada por um leitor, da quadra do Colégio Estadual Professor Gonçalo Rollemberg Leite, em Aracaju, que fica com os refletores acessos quase que diariamente à noite sem uso nenhum. O leitor está preocupado com o desperdício do dinheiro público, coisa que os dirigentes da escola não estão. Deu o título bastante sugestivo para a foto: VII Jogos Estaduais das Baratas. Lembrando também que os alunos estão em férias, ou seja, não há motivo algum que justifique o referido gasto.

 

 

Sergipe, República dos Papagaios

Mais um grande espetáculo realizado por Jorge Lins. “Sergipe, República dos Papagaios”, será apresentado nos dias 24 e 25 de julho, no Teatro Atheneu às 21 horas, inaugurando o projeto Teatro Sergipano:Temporada Popular com ingressos à R$ 1,99.A Peça é um musical e passa pela história de Sergipe, sem pretensões épicas, enfocando alguns fatos interessantes e pitorescos.Vala a pena conferir!

 

 

Bancários realizarão conferência I

Às 9 horas do próximo sábado, dia 21, no auditório do Hotel Quality, no bairro Coroa do Meio, Aracaju será sede da IX Conferência Interestadual de Bancários Bahia e Sergipe. O Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários no Estado de Sergipe está convocando a categoria para se fazer presente e participar da importante discussão sobre a campanha salarial 2007. São mais de 10 sindicatos envolvidos num universo de mais de 20 mil bancários sergipanos e baianos. Questões como condições de trabalho, doenças e assédio moral também estarão em pauta.“Estamos convidando os bancários e queremos contar com o maior número possível de pessoas porque estamos tratando da nossa campanha salarial. “Queremos valorizar o trabalho. Este é o momento”, explicou José Souza, presidente do Sindicato dos Bancários.   

 

Bancários realizarão conferência II

O presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Eduardo Navarro, que também estará presente ao evento, comunga com Souza da importância de o maior número possível de bancários se fazer presente à IX Conferência. Para ele, os dois estados – Bahia e Sergipe – devem aproveitar o evento do sábado para discutirem todos os pontos, e, quando da Conferencia Nacional, demonstrarem que há, de fato, uma unidade nas posições a cerca da campanha deste ano.       

 

Carência de efetivo policial no Estado I

De um leitor:Há poucos dias, utilizei-me de sua coluna para falar da carência do efetivo policial no Estado, inclusive frisei que nós do interior, sem ter muito a fazer, se não vivendo trancados em casa temendo ser a próxima vítima da violência que se instalou no Estado,  busca saídas como a de pagar vigias noturnos (R$ 200,00 por mês) para fazer os serviços ostensivos, face a precariedade do contingente policial da nossa cidade, Riachão do Dantas.  No entanto, ao observar o site da SSP, fiquei estarrecido com o que vi: “PM forma 28 policiais no curso de ciclopatrulhamento”.  Esse absurdo só acontecesse e/ou pode ser entendido, caro Jornalista, porque, enquanto a grande Aracaju com população de 700 mil pessoas, tem um contingente policial de cerca de 5.200 homens, representando 80% da Polícia Militar de nosso Estado(sem contar com a guarda municipal)”.

 

Carência de efetivo policial no Estado II

Continua o leitor:O interior ostenta uma população que chega a 1,2 milhões de habitantes e tem apenas, para zelar pela ordem, 1.400 policiais. Em suma, enquanto sobra policiais para fazer serviços como esse que assistimos estupefatos na grande Aracaju, calamo-nos diante das notícias:  Casal é encontrado morto, com requintes de crueldade num povoado em Tobias Barreto;  família tem sua casa invadido e é tomada como refém por marginais em Riachão do Dantas.  homem é assaltado à luz-do-dia na principal via da cidade de Lagarto; homem é assassinado na frente de seus filhos em Itabaiana.  homem tem sua propriedade invadida por ladrões em Japaratuba… “Autoridades…pelo o amor de Deus… lembrem-se que nós somos gente! faça com que, ao menos, nós durmamos com a certeza de que não seremos as próximas vítimas de amanhã…”.  Grita o povo do interior do Estado”.

 

Frase do dia

“Vocês podem me acorrentar, torturar e até destruir meu corpo, mas nunca aprisionarão minha mente” Mahatma Gandhi.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários