TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

0

O Rio São Francisco nasce em Minas Gerais e em seu curso banha os estados da Bahia Pernambuco, Sergipe e Alagoas antes de desembocar no Oceano Atlântico.

 

Desde o início da proposição da integração do Rio São Francisco às bacias dos rios temporários do Nordeste Setentrional houve uma divisão de opiniões. Os estados que serão beneficiados e o Governo Feral lutam para que o projeto saia do papel. Enquanto isto, os estados que são banhados pelo Rio afirmam que não são contra a transposição, mas exigem que antes haja uma revitalização das águas do Rio São Francisco.

 

O Governo Federal, já no Orçamento Geral da União de 2005, reservou R$ 1 bilhão para as obras no Rio. A obra terá dois canais, com 700 quilômetros de extensão, 25 metros de largura e 5 metros de profundidade e um sistema de bombeamento da água que vai corrigir os desníveis existentes em todo o percurso.

 

O projeto prevê captar 1% do que o rio despeja no mar, para abastecer as bacias dos rios Jaguaribe (CE), Apodi (RN), Piranhas – Açu (PB e RN), Paraíba (PB), Moxotó (PE) e Brígida (PE). O empreendimento prevê que o canal Leste levará água para Pernambuco e Paraíba e o Norte atenderá os estados do Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. As captações serão feitas em dois pontos: em Cabrobó (PE) e no lago da barragem de Itaparica, ambos abaixo da barragem de Sobradinho.

 

Deputados, que afirmam estarem em defesa do Rio São Francisco, conseguiram suspender as licitações abertas pelo Governo Federal para a transposição das águas do Rio São Francisco. Segundo esses deputados, a transposição é um assunto importante e que vai mexer com a vida de milhões de nordestinos, não podendo ser tratado sem um consenso entre os estados envolvidos.

 

O programa de revitalização iniciou em 2004 e deve se estender por vinte anos.

 

O Governo Federal, através da Agência Nacional de Águas, garante haver água suficiente no Rio São Francisco para o projeto de integração do manancial com bacias hidrográficas do Nordeste.

 

O impasse continua. A transposição se dará ou não?

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários