Tribunal Político

0

Criado em 1969 para fiscalizar as ações do Executivo e do Legislativo, o Tribunal de Contas de Sergipe também funciona como biombo político. Pelo menos foi o que denunciou o deputado estadual Augusto Bezerra (DEM). Para ele, o conselheiro Luiz Augusto Ribeiro faz tráfico de influência visando angariar votos para o filho e também deputado estadual Gustinho Ribeiro (PSD). Aliás, quase todos os conselheiros do TCE têm herdeiros com mandatos ou ocupando importantes cargos comissionados. Escolhida recentemente para o Tribunal de Contas, a ainda deputada estadual Angélica Guimarães (PSC) pensa em eleger o esposo para a Assembleia. Estranho nisso tudo é que ninguém fiscaliza essa estreita e estranha relação do TCE com a política partidária, visando apurar até que ponto os filhos interferem nas decisões dos conselheiros para beneficiar chefes políticos acusados pela prática de todo tipo de crimes administrativos.

Últimos detalhes

O governador Jackson Barreto (PMDB) se reúne hoje com o prefeito de Socorro, Fábio Henrique, e o deputado estadual Zé Franco, ambos do PDT. Na pauta os últimos detalhes para que os pedetistas anunciem apoio a Jackson. No meio político já é tido como certo que Fábio e Zé Franco vão arregaçar as mangas em favor da reeleição do governador. Em troca este libera milhões para a realização de obras em Socorro.

Convenção

O PSTU sergipano realiza hoje sua convenção estadual para definir os candidatos proporcionais às eleições de outubro, além de discutir aliança com outras legendas. Será a partir das 18h na Câmara Municipal de Aracaju. Defensora de uma frente de esquerda, a presidente do partido, Vera Lúcia, deve disputar uma cadeira na Câmara Federal, enquanto o petroleiro Edvaldo Leandro concorrerá ao Senado.

Congresso

Com a aproximação do prazo fatal para a realização de convenções, o PSB sergipano promove sexta-feira seu Congresso Estadual. Marcado para começar às 11h na sede do partido, o evento servirá para os filiados conhecerem o esboço do programa de governo do presidenciável Eduardo Campos. Segundo o presidente estadual do PSB, deputado federal Valadares Filho, as decisões aprovadas no Congresso serão homologadas na convenção, que ainda não tem data para acontecer.

Forró político

Com abertura marcada para hoje à noite, o Forró Caju servirá para os pré-candidatos medirem a popularidade junto ao eleitorado. A festa, que vai prosseguir até o final do mês na área dos mercados de Aracaju, será animada por 35 artistas e bandas nacionais e outros 270 forrozeiros locais. Certamente, o camarote do prefeito João Alves Filho (DEM) será muito visitado por candidatos interessados no apoio político do demista.

Chapinhas

Será na próxima sexta-feira a reunião dos oito partidos interessados em uma aliança para a eleição proporcional. Reunidos ontem em Aracaju, os dirigentes das legendas concordaram que juntos podem fazer uma boa bancada estadual e eleger um ou dois deputados federais. A ideia é todos trabalharem unidos no pleito proporcional e votarem em que desejar para o Governo e o Senado. A reunião de sexta acontecerá na sede do PSDB.

Data limite

15 de setembro é a data-limite para substituição de candidatos. Segundo deliberação da Justiça Eleitoral, a mudança pode ser feita em caso de registro indeferido ou desistência. A única exceção à regra é em caso de morte do candidato. Nessa situação, a substituição poderá ocorrer até a véspera da eleição. Até o pleito passado, os partidos podiam substituir os candidatos até 24 horas antes do dia da votação. Foi o que aconteceu em São Cristóvão, onde o candidato a prefeito Armando Batalha (PRP) desistiu em favor da esposa e hoje prefeita Rivanda Farias (PRP).

Justa homenagem

‘Clemilda morena dos olhos pretos’. Esse é o nome da exposição em homenagem à cantora e forrozeira Clemilda Ferreira da Silva, pelos seus 50 anos de carreira. A abertura da exposição, que faz parte da programação do São João da Gente Sergipana, acontecerá às 19h desta quarta-feira, no Museu da Gente Sergipana, localizado na Avenida Ivo do Prado, 398, centro de Aracaju. Prestigie!

Fora do ar

A partir de 1° de julho estará proibida a veiculação da chata propaganda partidária gratuita no rádio e na televisão. As emissoras também não poderão dar tratamento privilegiado a candidato, partido político ou coligação, bem como veicular ou divulgar filmes, novelas, minisséries ou qualquer outro programa com alusão ou crítica a candidato ou partido político – exceto em programas jornalísticos ou debates políticos. A multa para quem desrespeitar a regra varia de R$ 5 mil a R$ 25 mil.

Greve proibida

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou a suspensão da greve dos professores e técnicos administrativos de institutos de educação e universidades federais. Também está proibido realizar bloqueios ou empecilhos à movimentação de pessoas nos estabelecimentos de ensino, sejam servidores, autoridades ou usuários. Em caso de descumprimento, a multa diária pode chegar a R$ 200 mil. A decisão do STJ alcança a Universidade Federal de Sergipe e outras 162 instituições federais de ensino.

Recorte de jornal

Publicado no aracajuano Diário da Manhã em 27 de fevereiro de 1915

Resumo dos Jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais