Valadares: ato de desapego que não foi surpresa

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Ninguém se engane: o poder vicia. Ele consegue mudar as pessoas, inebria e faz com que o ser humano pratique ações inimagináveis para não perdê-lo.

É por isso que você vê pessoas bem sucedidas, ou até mesmo políticos que já fizeram a sua parte disputando eleição por eleição. O que explica um Donald Trump, no EUA, multibilionário tentar por várias vezes a presidência dos EUA? Não é abnegação. E no caso de Trump é conquistar o poder e ser um dos homens mais importantes do mundo.

E da mesma forma que vicia, o desapego ao poder pode ser considerado um ato de coragem. E neste contexto, a postagem nas redes sociais, do senador Valadares, informando que não será candidato em 2018, é sim um ato de desapego.

Um líder não passa para a história apenas pelos mandatos conquistados. No caso de Valadares, foi eleito senador por três vezes seguidas e passou por muitos cargos, como governador, vice, deputado (estadual e federal) e prefeito de Simão Dias.

Valadares escreveu que deseja contribuir para a renovação política, como sempre fez na carreira dele, e quer abrir espaços para os mais novos. Um gesto de desprendimento importante num momento delicado da vida política brasileira.

Valadares está numa confortável posição de poder e teria sim o direito de disputar à reeleição em 2018, se desejasse. Um gesto de grandeza de um cidadão que vem contribuindo muito para Sergipe na vida pública e por isso transita com facilidade em todos os segmentos.

Um verdadeiro líder não espera a derrota nas últimas para deixar a vida pública. Um líder verdadeiro sabe a hora de parar  e abrir oportunidades para a renovação política. E não é surpresa a decisão de Valadares. Ele apenas está praticando o que sempre pregou no decorrer de toda carreira política, com princípios transparentes.

E ao apontar o caminho da renovação Valadares consolidou de uma vez o compromisso com o futuro de Sergipe.

Interlocutor no TCE
Esse jornalista tomou conhecimento que um importante auxiliar do presidente do Tribunal de Contas do Estado pediu exoneração na última quinta-feira. Uma autoridade com muito conhecimento dos bastidores do Poder em Sergipe, inclusive do TCE, asseverou que o que segura o diretor no cargo não é apenas a sua competência técnica. “É que ele é um bom interlocutor com o Presidente. É um conciliador“, afirmou.

Interlocutor no TCE II
Esse jornalista testemunhou as habilidades do diretor, pois já trabalhou com ele. Um membro do Ministério Público ouviu a conversar e disse: “conheço a advogado. É discreto, não é famoso, mas tem muito crédito no Ministério Público“.

Em entrevista, Robson deixa claro que servirá a dois senhores ao mesmo tempo: Jackson e João
Interessante a entrevista de Robson Viana ao JC anunciando a saída do PMDB e o comando do PEN em Sergipe. Disse que Jackson entendeu e que continuará apoiando o governo. Ou seja, Robson apoiará à reeleição de João e continuará com os cargos no governo. Jackson mudou? Ou está liberando todos os aliados para não apoiar o candidato dele a prefeito?

Manifestação em Aracaju ficou a 6 km da PF. Alguns ficaram com medo da detenção
Parabéns aos organizadores do movimento verde e amarelo em Aracaju. A manifestação ficou a 6km da sede da Polícia Federal. Se passasse próximo alguns participantes ficariam detidos, envolvidos em Operações, como Fox, Navalha e outras. A propósito  tinha comissionados de diversos setores da Prefeitura de Aracaju. Perderam o juízo foi? Protestar contra corrupção. Se alguém dedura…

“Alese acabou com as subvenções”, disse publicidade
E a publicidade da Alese em todos os meios de comunicação está demais.  A última foi anunciar que a Alese acabou com as “subvenções”.  Só não disse que acabou porque não teve jeito. Parece que acham que gastando muito dinheiro na mídia vão esquecer das subvenções.

Prefeito “banca” vereador de outro município e se complica em gravações
O blog foi informado que a oposição em um município importante do interior tem posse de gravações e documentação mostrando que o prefeito local – que deve ser candidato à reeleição – resolveu “bancar” um vereador de um município vizinho pré-candidato a prefeito. Adversários fizeram gravações com denúncias graves de uso da máquina pública. O blog vai aguardar o envio das provas.

Hospital Regional de Estância  Jessé Fontes: falta quase tudo
Lamentável, o blog conversou com uma pessoa que estava com um parente internado no Hospital Regional de Estância  Jessé Fontes no último fim de semana.  A revolta é geral dos funcionários com os problemas: ar condicionado quebrado há muito tempo onde os pacientes ficam em observação;  os banheiros não têm sabão liquido para lavar as mãos, nem papel toalha;  no lugar dos lençóis para forrar as macas, estão usando papel toalha; as lixeiras sem tampas e o lixo exposto e até vaso sanitário sem tampa.  Um absurdo!

Em Ribeirópolis, prefeito acabar com parceria com os Correios
Em Ribeirópolis, os Correios tinha uma parceria com a prefeitura, no povoado Fazendinha, onde a prefeitura entrava com o prédio e a limpeza, para manter a sede dos Correios que beneficiava centenas de moradores. Agora fechou por falta de apoio do prefeito João de Nega. Até a Unit, sem apoio saiu de lá.

Benefícios palacianos e polícia Militar
Há algum tempo que os governos mudam a legislação de promoção de oficiais da Polícia Militar para beneficiar os oficiais que servem ao governo, em detrimento dos oficiais que estão nas ruas arriscando suas vidas em defesa da sociedade.  Isso causa uma revolta dentro da PM.

Benefícios palacianos e polícia Militar II
Recentemente a PM matriculou um capitão do Palácio no curso de aperfeiçoamento, obrigatório para promoção a major. Até ai tudo bem, mas o que desagradou aos capitães da PM, é que este oficial é o 79º de um total de 100. Mais de 50 capitães aguardam fazer este curso. Existem informações a respeito de enviar mais cinco oficiais do palácio para cursos ainda este ano. Pelo  visto temos oficiais sobrando no Palácio.

Jackson não compactuará com estes subterfúgios
Especula-se também a possível mudança na lei de promoções a coronel para beneficiar parentes e apadrinhados. O blog espera que estas informações sejam apenas especulações, pois acredita que o governador Jackson Barreto não compactuará com estes subterfúgios, e fará cumprir suas palavras ao mudar a cúpula da SSP: a prioridade será proteger o cidadão e manter a hierarquia e disciplina.

TV Cidade: fora do ar por três dias e bronca dos funcionários
Dois funcionários da TV Cidade enviaram e-mail para o blog relatando uma série de questões, inclusive pessoais, que vêm ocorrendo na emissora a cabo. As questões da área pessoal não serão divulgadas, mas as questões trabalhistas sim, já que os sindicatos já estão sendo informados. Além de um problema técnico que tirou a emissora do ar por três dias, funcionários reclamam de atrasos salariais e falta de estrutura para trabalho. Os sindicatos devem se pronuncia esta semana.

Bandido é bandido. Cidadão é cidadão
“Não se dá flores a porcos. Precisamos tratar bandido como bandido. Precisamos ser tratados como força. Tratar com a força da lei, cumprindo o que define a Constituição. Para mim, só há dois caminhos para quem pratica crimes em Sergipe: enfrentar a justiça ou a força do aparato policial”. João Batista, secretário da SSP em entrevista ao Correio de Sergipe. Ele está certo e o trabalho das primeiras semanas surtiu efeito. Espera-se que continue assim.

Confiança x Flamengo. Para “aparecer” alguns tentam prejudicar o futebol sergipano
Lamentável! O Confiança tem uma oportunidade sensacional para conquistar recursos e montar uma equipe melhor para tentar a sonhada subida para a Série B. Porém, alguns tentam aparecer neste momento ao invés de ajudar o futebol sergipano. Além de uma minúscula parte da imprensa que entrou “na onda”, o Procon Municipal resolveu só agora exigir o cumprimento da lei da meia entrada (e o Confiança cumpriu antecipadamente). Engraçado que jogo de futebol tem toda semana, assim como espetáculos, shows e tudo mais. Porém, o Procon Municipal resolveu aparecer para tentar sair numa matéria em nível nacional. Vá catar “coquinho”… e só não vai para aquele outro em respeito aos leitores…

Frente Sergipana Brasil Popular: Plenária e Ato Público em Aracaju
Em decorrência dos últimos acontecimentos políticos do país, as entidades que compõem a Frente Sergipana Brasil Popular (FSBP) deliberaram por um estado de mobilização permanente, em defesa da democracia, das liberdades e dos direitos.

Plenária hoje, 14
Nesse sentido, a FSBP organizará duas importantes atividades nesta semana: na segunda-feira, 14, uma Plenária de Mobilização, a partir das 18h, na sede da Central Única dos Trabalhadores; e na sexta, dia 18, um Ato Público pelas ruas de Aracaju, com concentração às 14h, na Praça General Valadão.

Grupos de direita, com conotação fascista
“Há sinais cada vez mais evidentes de que grupos de direita, com conotação fascista, querem forjar confrontos até mesmo físicos nas manifestações de rua, principalmente nas desse domingo, dia 13. Prova disso foram as invasões de sindicatos, como o dos Metalúrgicos de São Paulo, por integrantes da Polícia Militar. Esse tipo de postura não contribui em nada para a democracia, por isso é preciso unidade, organização e vigilância de todos que defendem as liberdades democráticas. Por isso, estaremos nas ruas contra qualquer golpe e qualquer ataque à democracia, assim como iremos nos manifestar contra o ajuste fiscal do Governo Federal, contra a privatização do Pré-Sal e a Reforma da Previdência”, declarou Tadeu Brito, da Frente Sergipana Brasil Popular.

Temas
Com o mote “Contra o golpe, em defesa da Democracia e dos direitos dos trabalhadores”, tanto a Plenária quanto o Ato Público terão na pauta temas da conjuntura política e econômica nacional, como repúdio ao ajuste fiscal, aos cortes nos investimentos sociais, à lei antiterrorismo e à perseguição política ao ex-presidente Lula; defesa do Pré-Sal e da geração de empregos; contrariedade à reforma da Previdência e às tentativas de privatização da Petrobrás; e reivindicação pela saída de Eduardo Cunha da Presidência da Câmara dos Deputados.

Ainda este ano, São Braz, em Socorro terá um mini shopping
Encontra-se em ritmo acelerado as obras de construção de um minishopping no povoado São Braz, em Socorro. São 41 lojas (40

metros quadrados cada uma), com praça de alimentação, grande estacionamento e uma loja âncora com 600 metros quadrados que deve ser ocupada por uma rede de supermercados. O mini shopping é um empreendimento da JC Investimentos. Mias informações: 99900-0607.

PELO TWITTER

www.twitter.com/JoseRollemberg   "Será que a nossa Lei julga alguém, antes de o ouvir e saber o que ele fez?". Do Evangelho de hoje –  Jo 7,50.

www.twitter.com/Lidibutterfly  Muita ingenuidade achar que a corrupção de décadas vai acabar porque você vai pra rua. Quando for pela educação eu vou. #vemprarua

www.twitter.com/SergiusAugustus  Se era marcha contra corrupção vou reclamar junto ao Procon. Propaganda enganosa. Até o Cunha deve ter comparecido.

www.twitter.com/chicoandradef  Pergunta aê quem "comandou"a passeata aqui em AJU? quem?quem?quem?

www.twitter.com/flaviofachel  E você que foi às ruas hoje, está disposto a não parar o carro em fila dupla e ligar o alerta?

www.twitter.com/pablovillaca  Honestamente… não faço ideia. Mas uma coisa é fato: a semente do fascismo foi mesmo plantada no Brasil.Resta saber se será regada.

Texto senador Valadares publicado no Facebook ontem, 13

A minha ambição sempre foi a de servir com lealdade ao povo sergipano. Assim agi em todos os cargos, como o de senador para o qual fui reconduzido por três vezes consecutivas pelo voto soberano de nossa gente.

É do meu dever contribuir, como sempre fiz durante o meu exercício em funções públicas, para abrir espaços, renovar os nossos quadros políticos e estimular o surgimento de novas lideranças.

Refleti o quanto Deus e o povo têm sido bons comigo, muito além do que mereço, muito embora tenha me esforçado em todos os momentos para cumprir com esmero delegação tão especial e tão honrosa.

Todavia é chegada a hora de uma decisão séria e consciente: declaro que não mais disputarei o mandato de senador da República, e proclamo a minha eterna gratidão ao querido povo sergipano pela confiança demonstrada em tantas eleições.

No entanto, em tempo de crise tão avassaladora que atingiu o nosso país, comprometo-me a não abandonar a luta político-partidária, para assegurar as conquistas sociais e democráticas do nosso povo, atuando, até o término de meu mandato com dedicação e firmeza para honrar Sergipe e o Brasil.

Ao contribuir, espontaneamente, para o projeto de renovação política sinto-me de alma leve, transbordando de amor e respeito ao meu povo.Serenamente, seguirei minha vida sem mágoa ou rancor, muito grato e feliz pela ajuda de amigos e amigas, que participaram de tantas lutas e vitórias.

Refletindo sobre a realidade política, a hora é de avançarmos pensando no futuro de nossa gente. Com o impulso e a concretude da renovação, e com a experiência já adquirida, teremos a introdução de novas ideias para a consolidação da boa política, como meta indispensável ao crescimento do PSB, e de seus aliados.

ESPECIAL – REUNIÃO DO COLÉGIO PROCURADORES MPSE (áudio está disponibilizado no próprio site da instituição)

Clima tenso no MPSE. Motivo: visita ao gabinete de André Moura

Na última quinta feira, dia 10/03, houve uma discussão na sessão do colégio de procuradores de justiça acerca da visita ao gabinete do deputado André Moura na semana passada realizada pelo Presidente da Associação Sergipana do Ministério Público, o Promotor de Justiça, Nilzir Soares em busca de apoio do referido parlamentar e do deputado Eduardo Cunha a fim de tirar de pauta o Projeto de Lei nº 3.123/2015, que fixa normas para o cálculo do teto de remuneração dos magistrados e promotores.

1- O procurador de Justiça, Moacyr Mota, que é marido da Desembargadora Iolanda Guimarães, registra sua indignação com a reunião da ASMP, presidida com Nilzir, que estava acompanhado dos promotores Ricardo Sobral, Fabio Viagas, Peterson Barbosa, os quais se reuniram com o deputado federal André Moura.Esse deputado, por sua vez, responde a inquéritos penais no STF (Supremo Tribunal Federal) e por diversos processos por atos de improbidade administrativa no Fórum de Pirambu, no Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) e no Superior Tribunal de Justiça (STJ).O procurador Moacyr Mota falou que: "é muito triste essa reunião entre esses promotores, capitaneados por Dr. Nilzir, com o deputado André Moura para pedir favores para esse cidadão…".

2- O procurador de justiça, Eduardo D'ávila, defendeu Nilzir e disse que: "Na verdade, todo o sistema nos impõe a isso! Eu teria feito a mesma coisa que Dr. Nilzir. Quando todo o sistema não funciona, nós temos que nos amesquinhar… Você tem, enquanto representante de classe, dançar conforme a música".

3- Moacyr Mota refuta a fala de D'ávila e tece mais críticas à conduta de Nilzir, que preside a ASMP: "Não concordo com essa última parte que Vossa Excelência disse, pois chama-se entregar os pontos. É muito difícil para a sociedade entender que depois do trabalho gigantesco, que está se fazendo, que se fez e que nós ainda iremos fazer… Essa instituição Associação Sergipana do Ministério Público, representando procuradores e promotores de Justiça, sentar na mesa para pedir apoio, para pedir ajuda a um elemento que nós estamos processando".

4- O Procurador Geral de Justiça , Rony Almeida, defende Nilzir e afirmou: "Eles (CONAMP) não colocaram como se a pessoa estivesse respondendo processo ou não… Eles colocaram a questão como muito maior, suprainstitucional, acima de qualquer questão. Foi por isso, eu acredito, que o Dr. Nilzir foi lá e eu disse que talvez estivesse naquele dia, Dr. Nilzir, em Brasília e estaria em sua companhia também".

5- O Procurador de Justiça Moacyr Mota fala: "… Esses enganos e equívocos pontuais, se não nós perdemos a credibilidade e sabe como é? Eu vou dizer a Vossa Excelência. Sabe como é que nós defendemos as prerrogativas institucionais do MP? Na rua! Com ações é que faz recuar o Congresso, como recuaram com a PEC 37 e todas elas irão recuar. Por que? Porque vai dizer que é o povo que vai exigir. É o povo que quer! Ao tempo que o Promotor Nilzir o interrompe e afirma: "o povo não ia apoiar essa causa não, doutor! Estava se tratando de verbas indenizatórias e de sub teto constitucional. Por fim, Moacyr o rebate: Porque é feio isso! Eu não estou falando dessa causa não. É feio, vamos ficar por aqui…".

6- Em nota, o SindseMP (Sindicato dos Servidores do Ministério Público) destaca que a discussão dos procuradores e promotores fora saudável, haja vista que a transparência do debate expõe os padrões morais na condução da instituição Ministério Público. Por fim, a entidade sindical continua concentrada em empreender esforços na conquista de mais direitos para os servidores do Ministério Público.

DO LEITOR

O dia 13
Por Vitor Déda: “Hoje acompanhando por diversos meios, pude ver as manifestações e fiquei de forma positiva e inesperada surpreso por manifestantes com cartazes bem elaborados onde pediam a prisão de todos os sujos independente de qual seja o partido e contra os golpes midiáticos. Outra cena que me deixou positivamente surpreso foi a expulsão de Aécio e sua patota moralista do evento. Ou seja, a hipocrisia foi expulsa. Infelizmente por outro lado vi pessoas defendendo loucuras como a intervenção, volta da ditadura, impeachment, bem como tantos outros  atos preconceituosos. Mas apesar da loucura e do momento que vivemos hoje em dia, uma parte dos nobres brasileiros têm a cabeça boa por lutar pela justiça e não pela cegueira.”

Blog no twitter: http://www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
“Os olhos que só enxergam a mentira quando percebem a verdade, cegam.” Karl Marx, filósofo e teórico político alemão, morreu em 14 de Março de 1883 (nasceu 05 de Maio de 1818).

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários