Velha fórmula

0

O governador Jackson Barreto (PMDB) recorreu à velha fórmula de exonerar comissionados, extinguir e fundir secretarias, reduzir o consumo de combustível, o uso de telefones celulares e a compra de passagens aéreas. Há décadas, executivos eleitos neste país vão à mídia chorar miséria, anunciar reduções drásticas de despesas e culpar os antecessores pelo caos que estão herdando. Desta velha e falível receita, Jackson só não está usando a pitada de maldade contra o governo que termina no próximo dia 31, pois se assim o fizesse estaria criticando ele próprio e o aliado já falecido Marcelo Déda (PT). Portanto, este anunciado freio de arrumação na máquina estatal serve apenas para redistribuir os cargos comissionados conforme os interesses do momento, reduzir os inúmeros pedidos dos políticos aliados, e vender uma imagem de austeridade. Na prática, tudo continuará como dantes neste esculhambado quartel de Abrantes.

Vapt-vupt

Devem chegar hoje na Assembleia os projetos do governo visando enxugar as despesas da máquina estadual. Os deputados terão pouco tempo para apreciar e votar propostas como a extinção e fusão de secretarias e órgãos públicos. É que o recesso parlamentar está previsto para o próximo dia 16. Como sempre, o Legislativo vai apreciar matérias importantes a toque de caixa e repique de sino. Uma lástima!

Agressão negada

O prefeito de Itabaiana, Valmir de Francisquinho (PSC), distribui nota negando ter esbofeteado o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, Bráulio Brito. “Sei que nosso trabalho está incomodando os oposicionistas”, diz. Valmir recorda que ao assumir, encontrou o servidor numa situação de desprezo. “Eram três meses de salários atrasados, além de dívidas referentes às gestões anteriores. Até mesmo a contribuição sindical obrigatória estava sem ser repassada. Parcelamos essas dividas e até hoje estamos pagando”, explica.

Pouco tempo

Quinta-feira próxima é o último dia para o eleitor que deixou de votar nas últimas eleições justificar a ausência perante a Justiça Eleitoral. Caso a justificativa não seja aceita, o cidadão terá que pagar uma multa para regularizar o título. Se você está nesta situação fique tranquilo, pois a multa é inferior a R$ 5, ou seja, menos do que estão cobrando por uma cerveja gelada.

Crimes assustam

Os sergipanos estão assustados com a crescente violência registrada em Sergipe. Esta afirmação foi feita ontem pelo senador Eduardo Amorim (PSC): “Somente no último final de semana, 16 pessoas foram assassinadas em Sergipe. Este número alarmante atesta a correção do Mapa da Violência, que coloca o Estado como o quarto mais violento do país”, discursou no Senado o parlamentar cristão. Pior é que o governo sergipano não adota qualquer medida para conter essa onda de criminalidade.

Contra o câncer

A presidente Dilma Rousseff (PT) sancionou o projeto de Lei fortalecendo o Programa Nacional de Controle do Câncer de Próstata. De autoria do senador Antônio Carlos Valadares (PSB), a nova Lei determina que as instâncias gestoras do Sistema Único de Saúde, em todos os seus níveis, incluam o câncer de próstata nos programas de atenção integral à saúde. Também estabelece a capacitação de profissionais da saúde na prevenção e detecção do câncer de próstata. Legal!

Jogou a tolha

Depois do prefeito de Canindé, Heleno Silva (PRB), que ameaçou entregar o cargo por conta da crise financeira vivida pelo município, agora foi a vez do prefeito de Porto da Folha, Albino Tavares (PSC), jogar a toalha. Ele anunciou que renuncia em abril do ano que vem. O cristão promete regularizar os salários atrasados e pagar aos fornecedores antes de entregar a Prefeitura ao vice Francisco Barros de Azevedo (PSC).

Vale pra todos

O uso de detector de metais instalado em varas, seções judiciárias, fóruns e tribunais deve ser aplicado a todos, inclusive magistrados e servidores que trabalhem no local. Foi o que decidiu ontem o Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A iniciativa está em consonância com duas resoluções do CNJ, que facultaram às varas estaduais e federais e aos tribunais do trabalho a adoção de medidas de segurança.

Sinal analógico

As emissoras, geradoras e retransmissoras de televisão devem começar a informar os telespectadores sobre o desligamento do sinal analógico com um ano de antecedência. O cronograma de desligamento varia de acordo com a cidade e a região do país. As informações terão de ser veiculadas nas emissoras de sinal aberto e suas repetidoras em canal fechado, por meio de uma logomarca com o símbolo da televisão analógica.

Reconhecimento

O ministro das Cidades, Gilberto Occhi, foi homenageado ontem em Aracaju pela Associação Sergipana de Empresários de Obras Públicas e Privadas. Segundo o presidente da entidade, empresário Luciano Barreto, a homenagem visou reconhecer a atuação de Occhi nas ações correlatas ao programa Minha Casa, Minha Vida, bem como na aplicação dos recursos do Orçamento da União em obras de infraestrutura e investimentos em Sergipe. O governador Jackson Barreto (PMDB) prestigiou o evento.

Quer distância

Não chamem para a mesma festa o prefeito de Estância, Carlos Magno (DEM), e os vereadores Júlio André (PTN) e Sérgio Bezerra (PCdoB). O demista está por aqui com os dois desde que eles votaram na chapa de oposição, que conquistou a Mesa Diretora da Câmara para o próximo biênio. Magno pediu a Júlio e Sérgio que “não apareçam onde eu estiver, pois não pretendo tê-los do meu lado para não perder minha paz de espírito". Vixe Maria!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano Diário da Manhã em 28 de maio de 1916

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais