Verbas da Petrobras

0

 

 O jornal Folha de São Paulo de ontem publicou manchete principal com o título “Verba social da Petrobras privilegia PT”, mostrando que entre outubro do ano passado e início da campanha eleitoral, a Petrobras beneficiou prefeituras do PT e da base aliada no financiamento de R$ 18,4 milhões de um total de R$ 31,6 milhões em ações sociais para municípios. O único repasse do gênero feito a um Estado, de R$ 1,25 milhão, também atendeu um reduto do PT, o Piauí.

 Segundo a matéria, a  lista dos patrocinados pela Petrobras neste ano eleitoral inclui apoiadores da campanha para reeleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como a CUT (Central Única dos Trabalhadores), que receberá R$ 8,75 milhões para um programa de alfabetização, e a UNE (União Nacional dos Estudantes), com R$ 130 mil. Adversária da CUT, a Força Sindical recebeu apenas R$ 250 mil para um evento de 1º de Maio.

Cerca de R$ 700 mil foram destinados pela Petrobras a obras de melhoria de asfalto nas cidades de Maragogipe (BA) e Alagoinhas (BA), também administradas pelo PT. Os repasses aos municípios foram feitos às prefeituras ou a conselhos municipais da infância e da adolescência. A Petrobras afirma ter feito uma seleção dos projetos sociais. Do total de 208 municípios beneficiados com recursos da Petrobras entre outubro de 2005 e junho último, 46 estão sob controle do PT. Os municípios administrados pelo partido obtiveram R$ 8,6 milhões, ou 27,5% do total dos recursos (o PT administra 7,4% das prefeituras no país, segundo o resultado das eleições de 2004).

As cidades administradas por petistas e atendidas pela Petrobras têm cerca de 11 milhões de habitantes. Outros 61 municípios de partidos aliados de Lula (PMDB, PSB, PL, PP e PTB) ficaram com R$ 9,83 milhões. Em contrapartida, prefeituras administradas pelos dois maiores partidos de oposição, PSDB e PFL, obtiveram apenas R$ 4,47 milhões (14%). As duas siglas comandam 29,9% das prefeituras brasileiras.

   Entre as capitais beneficiadas administradas pelo PT estão Recife (PE), com R$ 380 mil, Aracaju (SE), com R$ 440 mil, e Fortaleza (CE), com R$ 132 mil. Diadema (SP), cujo prefeito licenciado é o atual tesoureiro da campanha de Lula, José de Filippi Júnior (PT), recebeu R$ 339,6 mil, e Guarulhos, governada por Elói Pietá (PT), outros R$ 233,88 mil. Nova Iguaçu (RJ), administrada por Lindbergh Farias (PT), obteve R$ 457 mil.

   A Petrobras repassou ainda R$ 1,3 milhão à Fundação José Sarney, no Maranhão, que abriga acervo do senador e ex-presidente (1985-90), aliado de Lula no Congresso. Distribuiu cerca de R$ 335 mil a sindicatos e organizações de jornalistas, incluindo R$ 100 mil à Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas), para financiar um prêmio e um congresso nacional. E doou cerca de R$ 692 mil a sete associações de juízes.

 

Quebra pau numa reunião de diretoria

Ontem a Diretoria de uma empresa pública teve reunião e houve um quebra pau, tendo em vista que dois diretores se recusaram a contrair novo empréstimo, agora de R$ 30 milhões junto ao Banco BMG. Nos bastidores o comentário que o empréstimo é para reforçar o  caixa do Tesouro, tendo em vista que a Fazenda alertou que o montante de restos a pagar vai ser superior ao que vai ser deixado em caixa, ferindo o art. 42 da Lei de Responsabilidade Fiscal. Uma fonte informou que junto ao Banco BMG já foi aprovado outro empréstimo no valor de R$ 5 milhões. Tudo isso em plena campanha eleitoral e ninguém faz nada.

 

Maria almoça no Ciac de Socorro

A senadora Maria do Carmo Nascimento Alves, PFL, cometeu ontem, terça-feira 12, crime eleitoral. Ela almoçou dentro de uma escola estadual, o Ciac de Nossa Senhora do Socorro, e o encontro serviu para que professores, alunos – em idade de voto – e pais dos alunos fossem “convidados” a votar nos candidatos majoritários do PFL: João Alves, a governador, e ela, a senadora. Ambos candidatos à reeleição. A situação provocou embaraços e irritação. A mãe de um aluno fez duras criticas, porque o filho não pode assistir às aulas no período da tarde. As atividades no Ciac foram suspensas. Hoje, quarta-feira, as atividades no Ciac voltam à sua normalidade e certamente haverá burburinhos sobre a visita da senadora, o almoço e seus efeitos eleitorais.

 

Delegados colocados na reserva

A SSP, desde a semana passada, vem realizando uma mudança em delegacias. Vários delegados de carreira, que passaram no primeiro concurso realizado há cerca de 10 anos estão sendo substituídos e colocados na “reserva’. Tem delegado com cursos e experiência comprovadas que estão ficando como a segunda pessoa de outros colegas. Nem mesmo a um carro tem direito. Adivinhe porque caro leitor?

 

Emergências para todos os gostos

  Este colunista pede desculpas ao leitor, mas não pode deixar de publicar o que ocorre nos bastidores da política de Sergipe. Um exemplo, no Diário Oficial do estado de 01 de setembro de 2006 (DOE 25.096), a Deagro contratou o a quantia de R$ 2.092.300,00 para aquisição de 2.092.300 litros de leite para distribuição gratuita no interior, por emergência, a população de baixa renda, sendo a distribuição Diária de 34.300 litros de leite. Por sua vez, a Secretaria de Administração contratou (novamente), por emergência, vários veículos ( de passeio, ônibus e microônibus), para diversos órgãos do Governo Estadual, com e sem motorista. Em pleno período eleitoral tudo isso chama a atenção. Resta saber o que a Justiça Eleitoral acha de tudo isso. A tabela abaixo mostra a quantidade de veículos contratada, o valor total por lote e o preço médio. Chega a bagatela de R$ 1,6 milhão. E como perguntar não ofende. Quem fiscaliza a utilização de cada veículo destes? Veja tabela abaixo:

 

LOTE

Nº DE VEIC.

 VALOR TOTAL

PREÇO MÉDIO

1

              65

       118.748,50

          1.826,90

2

              54

         60.338,52

          1.117,38

              32

         49.346,24

          1.542,07

3

              12

         10.200,00

             850,00

4

                4

          7.307,60

          1.826,90

                6

          6.704,28

          1.117,38

5

              69

       188.878,53

          2.737,37

              60

       124.166,40

          2.069,44

6

              15

         33.000,00

          2.200,00

                4

         13.160,00

          3.290,00

                3

          9.870,00

          3.290,00

7

            102

       408.000,00

          4.000,00

                2

         13.968,00

          6.984,00

              68

       498.872,00

          7.336,35

8

              50

         24.000,00

             480,00

              19

         11.020,00

             580,00

            125

         81.250,00

             650,00

TOTAL

            690

    1.658.830,07

          2.404,10

 

 

 

 

LOTE

Nº DE VEIC.

 VALOR TOTAL

 

9

30

               48,00

 

 

30

               65,40

 

 

30

               89,00

 

 

Nem Bira Suassuna resolve

Segundo informações, existe uma certa pressão por conta de alguns aliados do Governo, Emanuel Cacho, Sérgio Reis , Luciano Bispo para entrada do publicitário Bira Suassuna na campanha de João. Segundo esses, o rapaz seria capaz de provocar alguns estragos e dar uma nova esperança para o governo. Como a esperança é a última que morre tudo vale a pena…

 

Programa pirata para órgão fiscalizador

Parece mentira, mas é verdade. Um importante órgão público que serve para fiscalizar a boa aplicação dos recursos públicos recebeu recentemente uma doação de algumas dezenas de note books de uma outra instituição pública. Depois descobriu que o programa instalado era pirata. E agora? Como o órgão que recebeu o programa poderá fiscalizar e até mesmo punir quem deu o presente? Em  Sergipe tem dessas coisas…

 

Estagiário de luxo

Nas rodas políticas não se fala de outra coisa: entre os majoritários tem um que vem sendo chamado de “estagiário de luxo” por conta da ‘coincidência” de toda campanha ser feita por pessoas que trabalham em empresas de outro candidato. A coincidência já chegou ao eleitorado esclarecido que não perdoa: “é estagiário de luxo, porque é bem remunerado”. 

 

Praças abandonadas em São Cristóvão

Um leitor indignado desabafa: “Venho neste prestar meu protesto e indignação, pois as praças de São Cristóvão estão fechadas para reforma. Estão com o serviço parado e já está criando mato, sem falar na sujeira que se acumula na frente da Igreja, e um caminho que deixaram para alunos de uma escola passar e moradores, é um perigo visível de dia e pela noite, usando o local escuro e estranho como motel, na esquina da praça que ficou muito estreita e já foi causa de u, acidente com uma criança, o ônibus arrastou a criança e fraturou a bacia da criança, quem é o responsável para que esta obra continue, liberam as obras e não liberam o dinheiro”.

 

CDL não convidou outros presidenciáveis

Qual o motivo da CDL chamar a candidata Heloisa Helena para um debate e não chamar os outros candidatos em diferentes dias? Ontem, membros do PSTU e PSOL disseram que Heloisa foi alertada para esta questão e entendem que ela seria usada como massa de manobra para ajudar na viabilidade do 2º turno em Sergipe.

 

Algo está mudando em Brasília I

O deputado federal Jorge Alberto PMDB participou ontem de reunião da Mesa Diretora da Câmara para avaliar a implementação de ato administrativo instituindo normas mais rigorosas para a contratação dos funcionários com cargo de natureza especial (CNE). Os critérios foram definidos pelo Presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PCdoB/SP) e pelo diretor-geral da Casa, Sérgio Sampaio, que propuseram, entre outros itens, a proibição de que os ocupantes desses cargos trabalhem fora de Brasília e nos gabinetes de deputados.

 

Algo está mudando em Brasília II

A medida, que deverá vigorar a partir do dia 3 de outubro, estabelece que os CNEs só poderão ser lotados em órgãos da Casa, entre eles comissões, lideranças partidárias, Corregedoria-Geral e Procuradoria Parlamentar. Além dessas mudanças, ainda será proibida a contratação de parentes de 1º e 2º graus de parlamentares para ocupar CNEs. Também será adotado um maior rigor no ponto de freqüência, que terá de ser assinado pelos próprios ocupantes dos cargos, quatro vezes ao dia. Atualmente, TCU autoriza que os ocupantes de CNEs trabalhem fora das dependências da Câmara dos Deputados como também que as informações sobre as assinaturas de ponto sejam fornecidas pelos órgãos responsáveis pela indicação dos funcionários.

 

Mais um “forasteiro”  revoltado

“Nasci em Recife, PE, mas estou em Sergipe há 14 anos. Aqui tive minha formação fundamental, média e superior. Aqui casei e constitui família. Leciono não só em Aracaju, mas também em outros municípios, desde 2001. E ninguém é mais sergipano do que eu! Escolhi esta terra, amo sua gente, sua história, sua literatura…  delicio-me nos versos de Santo Souza, Núbia Marques,  Hermes Fontes, Gizelda Santana Morais… espalho-me nas idéias de Tobias Barreto… me encontro nas tintas de Horácio Hora …  e caminho na prosa de  Amando Fontes…  que não venham com discurso vazio de honestidade e cheio de preconceito! Sou sergipano! Conheço e amo as coisas de Sergipe, mas do que muitos se dizem sergipanos!”. Wagner Lemos, professor de Literatura (www.wagnerlemos.com.br).

 

Informações para todos os gostos

Este colunista agradece aos inúmeros e-mails recebidos nos últimos dois dias, ultrapassando todos os recordes destes quase quatro meses da coluna eletrônica na Infonet. A coluna está recebendo também diversas informações e por falta de espaço pede a compreensão dos leitores que aos poucos tudo será publicado. Aqui não tem censura, nem páginas amarelas, nem tão pouco acordos por debaixo do pano…

 

Frase do Dia

“São contratos estimativos – que dispensam licitação – , em valores astronômicos, gastos com publicidade oficial, muitas vezes disfarçadas de material jornalístico, numa terra onde, até bem pouco tempo, era costumas que veículos de comunicação faturassem – pasmem! – os chamados editoriais, que em tese deveriam refletir apenas e tão somente a linha jornalística de jornais, revistas, etc. Tudo isso para atender aos interesses políticos do governante de plantão”. De um jornalista conceituado do Estado parabenizando esta coluna pelo artigo da segunda-feira, com o título “Imprensa precisa ser desnudada”.

 

               

 

Comentários