Viúvas abandonadas

0

Ao decidir concorrer ao cargo de vice-governador na chapa encabeçada por João Alves Filho (DEM), Nilson Lima (PPS) frustrou um bom número de eleitores que iriam votar nele para o governo. São as chamadas ‘viúvas políticas’. Contrariadas com Marcelo Déda e com o próprio João, ‘elas’ estavam decididas a vestir a camisa e trabalhar para Nilson. A depender da força eleitoral desses eleitores contrariados, poderia haver segundo turno nas eleições de outubro, o que agora é muito improvável, pois a tendência é a campanha polarizar entre Déda e João Alves. Quanto às ‘viúvas’, esta terão que escolher outros candidatos ao governo entre os que estão sendo lançados pelos partidos nanicos, porém jamais perdoarão Nilson Lima por abandoná-las no meio do caminho.  

 

Machado temeroso

 

Pessoas ligadas ao deputado federal José Carlos Machado (DEM) garantem que ele ainda não incorporou o projeto de se lançar candidato ao Senado para tapar o buraco surgido com a desistência de Albano Franco (PSDB) em se coligar com o DEM. Machadão estaria achando tarde demais para começar a pedir votos para senador, pois há muito tempo os chamados ‘currais’ estão comprometidos com outros pré-candidatos ao Senado.

 

Dia de inaugurações

O governador Marcelo Deda (PT) vai inaugurar hoje diversas obras em Simão Dias. Inicialmente, será inaugurada a reforma do Estádio Senador Albano Franco e, em seguida, será entregue a reforma do ginásio de esportes Governador Valadares. Às 16h, o governador participará da entrega da ampliação da Fábrica Dakota. Logo depois, inaugurará a reforma e ampliação da Escola Estadual Carvalho Déda, além de promover a assinatura de atos.

Fora d’água

 

Tudo leva a crer que o senador Almeida Lima (PMDB) será um peixe fora d’água na campanha da coligação liderada pelo governador Marcelo Deda (PT). Aliás, ele já percebeu isso ao reclamar que o prefeito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), recusou-se a apoiá-lo para deputado federal. Esquece-se Almeidinha, que o pedetista tem seus compromissos e antes mesmo de ele ter sido levado a disputar uma cadeira na Câmara, já tinha decidido apoiar o empresário Laércio Oliveira.

 

Correio no celular

 

Quem tem celular com conexão via internet já pode acessar diretamente do aparelho os serviços postais mais procurados pelos usuários que visitam o portal Correios. O Correios Mobile oferece aos usuários os serviços de busca de CEP, simulação de preços e prazos de entrega de encomendas, rastreamento de objetos, consulta de agências e Fale com os Correios. O serviço é gratuito e está disponível no endereço

http://m.correios.com.br.

 

Dia de convenções

 

A maioria dos partidos políticos realiza hoje suas convenções com vistas às eleições de outubro. O PT vai apenas oficializar os nomes dos pré-candidatos ao Governo, Senado, Câmara Federal e Assembléia. A expectativa é quanto às convenções do PSDB e do DEM. Os tucanos ainda conversam com partidos nanicos para viabilizar a candidatura de Albano Franco ao Senado, enquanto o DEM negocia para conseguir os nomes necessários visando fechar a chapa majoritária e viabilizar as proporcionais.

 

Dilma na frente

 

Os filiados do DEM, que apóiam o presidenciável José Serra (PSDB), vão à convenção estadual hoje com mais uma preocupação. A queda da popularidade do tucano junto ao eleitorado. Pesquisa divulgada ontem pelo Vox Populi, revela que a ex-ministra Dilma Rousseff está com 40% das intenções de voto, cinco pontos percentuais à frente de José Serra (PSDB), que tem 35%. Ainda há 11% de indecisos e 5% de votos brancos e nulos.

Num eventual segundo turno entre os dois, a candidata do PT também venceria o tucano.

 

Subdivisão proibida

A Justiça Eleitoral manteve ontem a decisão que impede que as coligações estaduais lancem mais de dois candidatos ao Senado. Isso quer dizer que os partidos que têm apenas um candidato a governador não podem se subdividir para lançar mais de dois candidatos a senador. Segundo a Justiça, a Constituição afirma que a coligação regional não precisa seguir a nacional, mas isso não quer dizer que está permitida duas coligações regionais diferentes para cargos diversos.

 

A saúde agradece

 

Os fabricantes de alimentos e bebidas têm o prazo de seis meses para se adequar às novas regras impostas pela Anvisa para as propagandas dos produtos com grande quantidade de açúcar, gordura saturada ou trans e sódio. A idéia é inibir o consumo excessivo desses alimentos e bebidas. As empresas serão obrigadas a apresentar alertas nas propagandas sobre os riscos à saúde do consumo excessivo. Quem descumprir as exigências sofrerá punições – desde notificação, interdição a pagamento de multa, que poderá variar de R$ 2 mil a R$ 1,5 milhão.

Museu para Bispo

O artista plástico Arthur Bispo do Rosário transpôs seus delírios, diagnosticados como esquizofrenia, com a criatividade. Transformou “alienações” em peças comparadas por críticos às obras de Andy Warhol e Marcel Duchamp. A partir do próximo ano, os objetos do artista poderão ser apreciados em um novo museu, que deve ser inaugurado na capital fluminense. Nascido no início do século 20, em Sergipe, Bispo do Rosário veio para o Rio onde foi internado aos 29 anos.

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais