A CIDADE ESTÁ TRANQUILA

0

(La Ville Est Tranquille). França, 2001. Direção de Robert Guediguian. Roteiro de Jean Louis Milesi e Guediguian. Produção de Guediguian, Michel Saint-Jean, Gilles Sandoz. Direção de Fotografia: Bernard Cavalie. Desenho de Produção de Michel Vandestien. Editor: Bernard Sasia. Cia Prod.: agat Films, Diaphana Films, Lc Studio Canal Plus. 131m. 16 anos. Elenco: Ariane Ascaride, Jean Pierre Darroussin, Julie Marie Parmentier, Pierre Banderet, Gerard Meylan, Alexandre Ogou, Christine Brucher, Jacques Pieiller, pascare Roberts, Veronique Balme, Frederique Bonna, Jacques Germain, Alain Lenglet e Amar Toulé.

Gênero: Drama social

 

Sinopse – O filme se passa na cidade de Marselha e acompanha diversos episódios. Como a história de Michele, uma mãe preocupada em manter a filha longe das drogas. Ou a de Paul, que fura uma greve nas docas e se torna motorista de táxi. Abderamane, recém-saido da prisão, está disposto a ajudar seus irmãos. Tem também a história de Sarkis que luta para conseguir o piano com que tanto sonha.

 

Apreciação – Outro grande cineasta francês de presença rara nas telas brasileiras. Este “A Cidade Está Tranquila” foi exibida nos grandes centros e chegou aqui através o DVD. É preciso conhecer o trabalho de Guediguian cuja força, nas denúncias sociais, encanta os críticos.

 

Fique de Olho – Em Jean Pierre Darroussin. Ele é, hoje em dia, um dos melhores atores coadjuvantes da França. Ele faz, com sensibilidade corrosiva, o papel de Paul, um “fura-greves”.

Comentários