A tragédia de “11 de setembro” na visão de 11 diretores de cinema

0

Por Murilo Navarro

 

O Cine Clube da Sociedade Médica de Sergipe (SOMESE) exibe, no dia 29 de outubro (sábado), às 10h, o filme “11 de setembro” (2002), conjunto de 11 curtas produzido pela França e dirigido por vários cineastas para lembrar o primeiro ano dos ataques de 11 de setembro de 2001 contra as torres gêmeas do World Trade Center em Nova York.

 

Após os acontecimentos de 11 de setembro de 2001, o produtor Alain Brigand pediu a 11 diretores que contribuíssem cada um com um curta-metragem para uma coletânea que seria exibida pelo mundo. Inspirados naquele dia, todos os realizadores receberam, cada um, 400 mil euros (cerca de R$ 1,2 milhão) e tiveram liberdade artística para refletir sobre o atentado, obedecendo à duração de 11 minutos, 9 segundos e 1 frame – ou 11″09″”01. Participaram do projeto os diretores Samira Makhamalbaf (Irã), Claude Lelouch (França), Youssef Chahine (Egito), Danis Tanovic (Bósnia), Idrissa Ouedraogo (Burkina Faso), Ken Loach (Reino Unido), Alejandro González Iñárritu (México), Amos Gitai (Israel), Mira Nair (Índia), Sean Penn (EUA) e Shohei Imamura (Japão).

 

A SOMESE fica na rua Guilhermino Rezende, 426 (atrás do Hospital São Lucas) e o professor MSc. Murilo da Silva Navarro, como sempre ocorre nas sessões do Cine Clube da SOMESE, debate o filme com o público. A entrada é franca.!!

Comentários