CELESTE & ESTRELA

0

Ainda inédito nos cinemas do Sul do País, este é o segundo filme da diretora Betse de Paula. O primeiro, “O Casamento de Louise”, para variar, não passou por aqui. Longe do pólo Rio-São Paulo, o filme foi produzido em Brasília, onde a diretora reside já há algum tempo. O aprendizado de Betse foi de primeira: como assistente de direção trabalhou para diretores como Carlos Diegues. Como curta-metragista, vários dos seus títulos foram premiados pelo País afora. O primeiro longa obteve boa repercussão, mas foi mal distribuído. Neste segundo filme, ela estabelece um triângulo inusitado: o casal normal, Celeste e Estrela, mais o cinema. É que Celeste quer fazer um primeiro longa e enfrenta todos os percalços possíveis, conhecidos por aqueles que trabalham na área. Estrela é também cineasta e procura ajudar a mulher por quem está apaixonado. A história é contada a uma funcionária de companhia aérea, no aeroporto, papel que Ana Paula Arósio desempenha. Aliás, Ana Paula deveria fazer Celeste, mas sua agência não permitiu. O papel ficou então sob a responsabilidade de Dira Paes, também ela ótima atriz. O galã é Fábio Nassar. Fique de Olho – O destaque vai mesmo para Dira Paes, uma paraense que estreiou pelas mãos de John Boorman em “A Floresta das Esmeraldas”. Sua grande oportunidade surgiu em “Corisco e Dada”, de Rosemberg Cariry. Pelo seu papel em “Amarelo Manga”, ainda inédito, recebeu o prêmio especial do Júri do último festival de Brasília. Onde e Quando Ver – No Cinemark. Sessão única às 19h00. O ingresso custa apenas um quilo de alimento não perecível.

Comentários