Provocações

0

(The Door in the Floor). EUA, 2004. Direção de Tod Williams. Roteiro de Williams, baseado em livro de John Irving. Produção de Anne Carey, Michael Corrente e Ted Hope. Música de Marcelo Zarvos. Direção de Fotografia: Terry Stacey. Desenho de Produção: Therese DePrez. Direção de Arte? Nicholas Lundy. Edição de Affonso Gonçalves. Cia Produtora: Focus Features, Good Machine, This is That Productions, Revere Pictures. Distr. no Brasil: Imagem Filmes. 111min. Elenco: Jeff Bridges, Kim Basinger, Elie Fanning, John Rothman, Larry Pine, Harvey Loomis, Bijou Phillips, Mimi Rogers, Louis Arcella, Tod Williams, Carter Williams e Mike S. Ryan.
Gênero: Drama

Sinopse – Ted Cole tem uma carreira brilhante como escritor de livros infantis. Casado com Marion, eles vivem em um condomínio de luxo em Nova York. Um trágico acidente ocorrido anos atrás, fez com que a vida de Ted e Marion mudasse, sendo que nos anos seguintes ocorreram vários casos de infidelidade mútua entre eles. É quando Edde O´Hare, um jovem que deseja aprender as técnicas de Ted passa a ser seu novo assistente. É ele que mudará o destino do casal.

Apreciação – A crítica brasileira não gostou do título “Provocação” porque dá uma clara conotação erótica que o filme não tem. A crítica americana também não gostou do título de lá, “The Door in the Floor”, porque seria muito simbólico. O crítico do “Jornal do Brasil” diz que o título original é “uma metáfora da saida de emergência para as armadilhas que criamos para nós mesmos”.  Assim, o espectador pode, depois de ver o filme, matutar qual seria o título ideal. A história vem da primeira parte do livro “Viúva por um ano”, de John Irving (que tem quase 600 páginas, 576, para ser mais preciso), autor incensado pela crítica internacional. É dele outros títulos que já viraram obras cinematográficas como “Regras da Vida” e “Hotel New Hampshire”. Este é o segundo título na carreira do diretor Tod Williams – o primeiro “The Adventures of Sebastian Cole” é inédito no Brasil. Embora não seja um filme erótico, mas um drama até com conotações incestuosas, e realmente muito simbólico, há que se destacar que Kim Basinger está no auge de sua forma física e interpretativa. Ela e Jeff Bridges já atuaram juntos numa comédia de 1987, “Nadine, Um Amor à Prova de Balas”.

Fique de Olho – Em Elle Fanning e Mimi Rogers. A primeira é a irmã mais nova de Dakota Fanning, a garotinha de “A Guerra dos Mundos”. A segunda é a veterana atriz, que inclusive tem aqui uma cena de nudez nada glamurosa.

Comentários