Sanfona: Melodia de um Povo exposta no Sesc

0

Foto: Divulgação
A exposição ‘Sanfona: Melodia de Um Povo’ está exposta na Galeria de Arte do Sesc. Quatro fotógrafos sergipanos são responsáveis pelo conteúdo, que focalizam a influência do instrumento musical em nossa cultura e detectam nuances caracterizados por traços distintos e diversificados.

 

Na mostra estarão dispostos também objetos e acervo composto de livros e documentários relacionados à sanfona. Participam da coletiva Ednah Marry, Márcio Garcez, Odília Maria, e Márcio Dantas.

 

Segundo a arte educadora e curadora da exposição, Cristiane Cardoso, a sanfona é um instrumento do século XIX, inventado por um vienense fabricante de órgão de igreja, em 1829. O instrumento chegou ao Brasil com os italianos e logo depois vieram os portugueses e alemães. Na década de 50 o instrumento atingiu seu apogeu no Brasil. “40 fábricas de acordeão funcionavam a pleno vapor. Hoje resta uma em Santa Rosa, no Rio Grande do Sul”, informou Cristiane.

 

A versatilidade da sanfona tornou possível sua adaptação em muitas culturas. No Brasil a contribuição da sanfona propiciou a formação de uma nova música – o Forró. “Com a influência de Luiz Gonzaga a sanfona de teclas se tornou popular, tornando o instrumento.

 

 

 

Comentários