Tente Um, Tente Outro…

0

A programação de filmes nas televisões por assinatura continua decepcionando, a não ser por filmes antigos, em preto & branco, que ganham sobrevivência na telinha. Tem “Que Espere o Céu” e “A Noite do Demônio”, ótimos nos seus gêneros. É vê-los, portanto.

 

Que Espere o Céu – Em 1941, ano em que este filme foi feito, a indústria de cinema de Hollywood preocupava-se em fazer comédias para que seus espectadores esquecessem as agruras da guerra, que corria célere em campos europeus. Este filme de Alexander Hall, e como alguns outros de Frank Capra, é um bom exemplo do período. O Mr. Jordan do título original (Here Comes Mr. Jordan) é um boxeador que morre antes da hora certa e por isso é mandado de volta à Terra, só que num outro corpo. Fez um enorme sucesso na época, tanto que a história já foi refilmada umas três vezes. A versão que vai ser exibida pelo Cinemax (Lig TV) hoje, às 8h15 da manhã (hora local), é estrelada por Claude Rains, Evelyn Keyes e Rita Johnson.

 

A Noite do Demônio – Outra época, outro gênero, mas também um clássico. Este é de 1957, e deu continuidade a uma série de filmes ingleses do gênero terror que fez muito sucesso naquele período. “Curse of the Demon” é dirigido por Jacques Tourneur e estrelado por Dana Andrews, como um parapsicólogo que vai a Londres tentar esclarecer uma série de crimes praticados possivelmente por um serial killer. Passa na 3ª feira as 14h15 (hora local) no MaxPrime (Lig TV).

 

Misteriosa Paixão – Do diretor de “Os Gritos do Silêncio”, Roland Jaffé, que aliás anda meio desaparecido depois do fracasso, há três anos, de “Vatel, um Banquete Para o Rei”, estréia na TV este suspense, que tem em Patrícia Arquette, o grande charme. Ela é a jovem mulher casado que acaba de apaixonando pelo cunhado, provocando a morte dele e o mistério que move o filme. Com Don Johnson e Dermot Mulroney. Passa sábado as 21h30 (hora local) no MaxPrime (Lig TV)

 

Starsky & Hutch, Justiça em Dobro – Do capítulo “seriados de tevê que viraram filme”, esta película de Todd Philipps passou, como muitas outras, desapercebida nos cinemas. É que os seriados têm vida efêmera e quando aos cinemas, já poucos se lembram deles. Bem Stiller e Owen Wilson dão vida à dupla, nesta produção de 2004. 

Comentários