Acidentados: estatística aumenta

0

Houve um impressionante aumento no número de acidentados, entre janeiro e junho deste ano, em comparação ao ano passado. O Serviço de Atendimento de Urgência e de Pronto Socorro atenderam 759 pacientes naquele período, contra 680 no mesmo período do ano passado. Deste número, 339 foram vítimas de atropelamento, contra 300 do ano anterior. Muitos dos atendidos tinham lesões graves. As avenidas Tancredo Neves, Maranhão e Euclides Figueiredo são as campeãs de acidentes, principalmente por causa da falta de atenção dos transeuntes e também desrespeito as leis de trânsito dos motoristas.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais