Acordo acaba com a greve na coleta de lixo em Aracaju

0
Coleta de lixo volta ao normal (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Chegou ao fim a greve dos motoristas das carretas que integram o sistema de coleta de lixo da capital sergipana. Os representantes da empresa Estre Ambiental S. A. e a diretoria do Sindicato dos Trabalhadores da Limpeza Pública e Comercial do Estado de Sergipe (Sindelimp) fecharam acordo trabalhista estabelecendo reajuste salarial na ordem de 12,5% e de 13,75% no valor do auxílio alimentação.

O reajuste salarial será aplicado em duas parcelas. No salário de agosto estarão incluídos 4,69% e os 8,06% restantes serão concedidos em janeiro do próximo ano. Os 13,75% de reajuste do auxílio alimentação serão aplicados no mês de setembro, conforme informações confirmadas pela Estre e pelo presidente do Sindelimp, Rayvanderson Fernandes.

Com este acordo, a greve iniciada no dia 17 deste mês foi encerrada. De acordo com o presidente do Sindelimp, nesta terça-feira, 22, os diretores do sindicato foram notificados pela Justiça do Trabalho que obrigava a ampliação do efetivo em 70%. “A decisão judicial foi cumprida hoje e amanhã os trabalhos voltam 100% à normalidade”, destaca Rayvanderson Ferreira.

Em nota enviada à redação do Portal Infonet, a assessoria de imprensa da Estre informa que, pelo acordo firmando nesta terça-feira, está prevista o imediato retorno ao trabalho e também a compensação dos dias parados em decorrência da greve. O acordo também mantém a Participação nos Lucros e Resultados (PLR), um direito conquistado no acordo coletivo celebrado entre as partes no ano passado.

Na nota, a empresa informa que as “equipes estão trabalhando em ritmo acelerado para normalização da situação no menor prazo possível”. O acordo foi mediado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e pela Superintendência Regional do Trabalho em Sergipe (SRTE), órgão vinculado ao Ministério do Trabalho.

Por Cássia Santana

Comentários