Acusado nega que matou criança

0

Acusado diz que não cometeu crime (Foto: Portal Infonet)
Na manhã desta quarta-feira, 19, o principal suspeito de ter estrangulado até a morte uma criança de 9 anos muda de estratégia e diz que confessou porque ficou com medo da pressão popular. Erinaldo de Jesus Santos, de 35 anos, confessa que teve um desentendimento com o pai do menino, mas nega que tenha cometido o crime. “Eu matei meu irmão com uma facada, mas já cumpri minha pena e não devo nada, agora o menino eu não matei”, conta.

Após a notícia da morte da criança, populares resolveram linchar o acusado que apresenta diversos hematomas na cabeça. Para a polícia, Erinaldo de Jesus não somente confessou o crime como contou em detalhes a forma como assassinou a criança Ronilton Rodrigues. No município de Umbaúba, localizado no Sul Sergipano, moradores continuam bastante abalados com a morte da criança.

Homicídio

O corpo do garoto de nove anos foi encontrado na manhã de domingo, 16 dentro de um depósito de dejetos, com sinais de estrangulamento. O crime aconteceu no município de Umbaúba. Segundo informações da delegacia da cidade, o menino Ronilton Rodriguez  de Jesus estava desaparecido desde o último dia 13 de janeiro.

Por Kátia Susanna

Comentários