Acusados por matar presidiário são presos

0
Polícia Civil investigará os crimes (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Uma perseguição com troca de tiros culminou com a prisão dos dois suspeitos acusados de matar o presidiário Herisvaldo de Jesus Nunes, 22. A vítima usava tornozeleira eletrônica e foi atingida por tiros na tarde da terça-feira, 15, no conjunto Marcos Freire II, em Nossa Senhora do Socorro.

De acordo com informações do tenente-coronel Vivaldy Cabral, comandante do Policiamento Militar da Capital, a equipe que estava de plantão no 5º Batalhão da PM ouviu o barulho dos disparos da arma de fogo e realizaram diligências, localizando os dois suspeitos que estavam em uma motocicleta, com a arma utilizada para a prática do crime.

Conforme o tenente-coronel Vivaldy Cabral, na perseguição, teria ocorrido uma troca de tiros e um dos suspeitos foi atingido na perna. Localizados, os dois suspeitos foram identificados, mas os nomes não foram divulgados. Um deles é adolescente e foi apreendido e o outro, com idade superior a 18 anos, foi preso e autuado em flagrante por homicídio. “Eles alegaram que, no dia anterior, tinham sido ameaçados pela vítima”, conta o tenente-coronel Vivaldy Cabral.

Outros crimes

Este foi o quinto homicídio ocorrido na terça-feira, 15, na região metropolitana. As outras ocorrências foram registradas em Aracaju, em situações de dois duplos homicídios. No Loteamento Senhor do Bonfim, no bairro Soledade, os irmãos ciganos foram executados na porta da residência por homens que invadiram a casa onde o grupo está residindo há pouco tempo. As vítimas foram identificadas como Nilton César Ramos, 41, e Gervásio Ramos, 40.

O outro duplo homicídio aconteceu no bairro Cidade Nova. As vítimas, Vitor Hugo da Fonseca, 20, e Wadson Mateus dos Santos, 20, estavam na porta de uma casa, da família de uma das vítimas, e acabaram surpreendidos por dois homens em uma motocicleta. Nestas duas ocorrências, não há suspeitos presos.

O IML também registrou a morte de um homem não identificado, vítima de golpes de arma branca. Ele estava internado no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) e morreu na madrugada desta quarta-feira, 16.

Por Cássia Santana

Comentários