Adolescente diz recebeu R$500 por crime na Piabeta

0

Marcos Antônio dos Santos foi encontrado em uma cisterna (Foto: Arquivo Infonet)

Um adolescente confirmou a participação no crime que vitimou Marcos Antônio dos Santos, cujo corpo foi encontrado dentro de uma cisterna nos fundos de uma casa localizada na rua B4, no conjunto Piabeta, em Nossa Senhora do Socorro.

O adolescente de 17 anos se apresentou junto com a mãe que o obrigou a contar a participação no crime.

O caso é investigado pela delegada Juliana Alcoforado, da 4ª Divisão do DHPP, que informou ao Portal Infonet que durante depoimento, o adolescente contou qual foi sua participação no crime. “A mãe soube da participação dele e o levou a força até a delegacia. Eu o ouvi hoje pela manhã e ele contou com riqueza de detalhes como participou do crime e que esfaqueou a vítima junto com o filho mais novo dele”, afirma.

Ainda segundo a delegada, o adolescente disse que recebeu R$ 500 reais para participar do crime. “Fiquei surpresa porque não imaginei que existia mais uma pessoa envolvida neste crime. Ele contou que era amigo dos filhos da vítima e que recebeu R$ 500 reais para ajudar no crime”, conta.

O caso já foi concluído e encaminhado para o Ministério Público. Por já ter passado o flagrante, o adolescente foi ouvido pela delegada que o encaminhou para o juizado para que se tome providencias quanto a apreensão do jovem.

Relembre

Durante coletiva de imprensa, houve a confirmação de que Marcos Antônio dos Santos foi morto em decorrência de uma discórdia na divisão de patrimônio.

Segundo a polícia, a mulher dele, Adriana dos Santos, arquitetou o crime juntamente com os três filhos do casal, Michael Antônio dos Santos (filho legítimo da vítima), 23, Wellington Robert dos Santos Alves, 18, e uma adolescente de 13 anos, estes dois últimos enteados e criados pela vítima há muitos anos.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais