Advocacia Pública Federal pode deflagar greve geral

0

Os membros da Advocacia Pública Federal em Sergipe paralisaram as atividades nesta terça-feira, 11, e estão em estado de alerta em defesa de melhores condições de trabalho e equiparação com os vencimentos de juízes federais e membros do Ministério Público Federal.

Em assembléia realizada na sede da OAB/SE ficou decidido o indicativo de greve geral a partir do dia 19. Para definir encaminhamentos da greve, os advogados realizarão novo encontro no dia 17 às 9h, quando será criado o Comando de Greve e a agenda para a paralisação.

O delegado do Sindicato dos Procuradores Federais da Previdência Social (Sinproprev), Alberto Lourenço de Azevedo Filho, afirma que a defasagem salarial da categoria  atinge a um patamar em torno de 35%.

Ele explica que o Governo Federal assinou Medida Provisória, atendendo apenas o pleito dos delegados da Polícia Federal. “Havia um compromisso do Governo em conceder a isonomia salarial, contemplando também os advogados. Mas o Governo não quer um Estado Democrático, o Governo prefere um Estado de Polícia”, observa Alberto.

Comentários