Advogado acusado de agredir esposa é colocado em liberdade

0
Advogado usará tornozeleira eletrônica e responderá por lesão corporal (Foto: Arquivo Infonet)

O advogado acusado de agredir fisicamente e empurrar a esposa em um edifício, em Aracaju, foi colocado em liberdade no final da manhã desta quarta-feira, 12. A liberdade provisória ao advogado foi concedida em decisão judicial, atendendo teor de habeas corpus impetrado em favor do acusado. De acordo com informações da assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), o advogado será monitorado por tonozeleira eletrônica e responderá ao processo judicial por lesão corporal.

Conforme a assessoria da SSP, no final da manhã, o advogado saiu do Presídio Militar, onde estava custodiado por decisão judicial, e foi conduzido para o Departamento do Sistema Prisional (Desipe) para adoção das medidas necessárias para cumprimento integral do mandado judicial, que estabelece o uso de tornozeleira eletrônica.

Entenda o caso

O advogado foi preso no dia 29 de agosto deste ano após ser abordado por equipes da Polícia Rodoviária Federal na altura do km 23 da BR 101, no município de Malhada dos Bois. Na abordagem, os policiais rodoviários federais identificaram o mandado judicial contra o acusado, que teria sido expedido dois dias antes, no dia 27.

A Secretaria de Estado da Segurança Pública iniciou as investigações e já concluiu o inquérito policial. No relatório, a delegada de Polícia Civil Marília Miranda, da Delegacia da Mulher, o indiciou por lesão corporal. O processo continua em tramitação no Poder Judiciário em segredo de justiça, medida que tem por objetivo proteger a vítima.

Por Cassia Santana

Comentários