Alagoana presa pode ter sido usada como ‘mula’

0

Foram cinco quilos de cocaína escondidos no microondas (Fotos: Portal Infonet)

O combate ao tráfico de drogas realizado pela Polícia Federal (PF) já desmantelou uma rede de tráfico de 700 quilos até esta segunda semana de novembro. O delegado da PF, Marcos Custódio, observa que os traficantes têm encontrado várias maneiras para despistar a polícia.

Foi o que aconteceu na madrugada desta quinta-feira, 11, quando a polícia conseguiu prender uma mulher identificada como Selma Maria da Silva Moraes, de 25 anos, que estava portando cinco quilos de cocaína escondidos em um forno microondas.

Para a polícia, apresar de Selma ter confessado que é proprietária da cocaína e que a droga seria distribuída na cidade de Arapiraca (AL), é possível que a mulher estivesse apenas sendo

O delegado da PF, Marcos Custódio, diz que novas prisões podem ocorrer
usada como “mula” e que a cocaína seria repartida entre Sergipe e o Estado vizinho.

Para não atrapalhar as investigações o delegado não confirmou se a mulher teria parentes em Sergipe e nem se o ônibus que tinha partido de São Paulo faria uma parada na capital sergipana.

Com a prisão de Selma a Polícia Federal confirma que o caso será amplamente investigado e que outras prisões podem acontecer.

Denúncia

Marcos Custódio lembra que a população é de grande ajuda para colocar um basta no tráfico de drogas e pede que qualquer informação seja encaminhada para a PF através do disque denúncia 0800 2844565 ou (79) 32348500. Ressaltando que não é necessário se identificar.

Por Kátia Susanna

Comentários