Almeida Lima propõe voto de censura a ministro

0

O senador Almeida Lima (PDT-SE) propôs um voto de censura à declaração feita pelo ministro da Segurança Alimentar, José Graziano. O motivo foi uma afirmação feita pelo ministro, que foi vista como discriminatória por Almeida, pois Graziano mencionou a relação da violência em São Paulo à presença de imigrantes nordestinos no Estado. A aprovação ou não do voto de censura foi discutida ontem por mais de duas horas no Senado. Ao final, Almeida Lima concordou em retirá-lo, mas somente enquanto aguarda os esclarecimentos do ministro. Graziano será ouvido, em data a ser marcada, na sessão conjunta da Comissão de Constituição e Justiça – CCJ – e das Comissões de Assuntos Sociais – CAS – e de Assuntos Econômicos – CAE.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais