Ambulantes são impedidos de comercializar no centro

0

Os manifetsantes queimaram pneus em protesto (Fotos: Portal Infonet)

Vendedores que comercializam no centro da cidade foram impedidos por fiscais da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb) de trabalharem nesta segunda-feira, 20. Em protesto, os ambulantes fecharam as vias que dão acesso a rua José do Prado Franco e atearam fogo em pneus. Durante o ato foi preciso chamar a guarda municipal para amenizar a situação.

Vendedora do local há 27 anos, a trabalhadora Rosemary Mota afirma que os trabalhadores querem apenas ganhar o sustento de forma digna.  “Queremos um ponto fixo para trabalharmos. Nós pagamos impostos e temos direitos. Aqui somos trabalhadores e pais de família. Antes aqui era a maior desorganização. Nós organizamos e agora queremos trabalhar dignamente”, pede a vendedora.

Os ambulantes pretendem realizar uma nova manifestação na terça-feira, 21, a partir das 7h no calçadão da João Pessoa.

Emsurb

As vendedoras Rita de Cássia Santana e Rosemary Mota pedem ponto fixo

A equipe do Portal Infonet entrou em contato com a assessoria de comunicação da Emsurb que informou que o objetivo da retirada dos ambulantes é para realizar a reorganização do centro para a passagem de pedestre e veículos uma vez que a diretoria da Emsurb entende que as calçadas não é local de comercialização de frutas e verduras já que existe o mercado municipal.

Ainda segundo a assessoria, o intuito não é agir com violência e que nessas ações alguns vendedores são alocados em outros lugares, mas que não podem ser todos já que são muitos.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais