Amese solicita reajuste de valor em cartão de refeição

0
Associcação pede aumento de valor por refeição (Foto: Arquivo Portal Infonet)

A Associação dos Militares do Estado de Sergipe (Amese) protocolou ofício aos comandantes do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar do estado de Sergipe solicitando aumento do valor depositado no cartão de refeição dos militares e bombeiros. A alegação da Amese é que a quantia diária de R$ 16, equivalente a duas refeições, não é compatível com o valor de mercado, de modo que os profissionais tem que completar com dinheiro do próprio bolso para poder se alimentar.

Segundo a assessoria jurídica da associação, representada pelo advogado Márlio Damasceno, os militares querem o direito de se alimentar de forma digna, e solicitam que recebam o valor condizente ao praticado pelo mercado, que é o de, em média, R$ 29 por refeição. Esta quantia foi a informada por um levantamento do Datafolha, que avaliou o valor médio de uma refeição.

A Amese diz que está pedindo sensibilidade por parte do comando, pois a insatisfação dos militares está muito grande. A informação da assessoria jurídica é que o valor do Greencard, cartão de refeição, nunca foi reajustado desde a sua criação, há um ano.

Bombeiros e PM

O Portal Infonet entrou em contato com as assessorias de comunicação do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar, mas foi informado pela tenente Manoela e pelo tenente-coronel Paulo Paiva, que o expediente dos dois órgãos já tinha encerrado e que só poderiam fornecer esclarecimentos nesta quinta-feira, 29. Continuamos a disposição através do telefone (79) 2106 8000 e pelo e-mail jornalismo@infonet.com.br.

Por Monique Garcez

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais