Anunciados mais dez nomes para equipe de transição de Lula

0

O coordenador da equipe de transição do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva, Antônio Palocci, divulgou mais dez nomes que farão parte da equipe. Míriam Belchior, mestre em Administração pública pela FGV, atual secretária de Inclusão Social e Habitação da Prefeitura de Santo André/SP; Márcio Meira, antropólogo e presidente da Fundação Cultural de Belém, da Prefeitura do município, integrou a equipe que elaborou o programa de Governo do presidente eleito para a área da cultura. Tânia Bacelar, secretária municipal de planejamento de Recife; Luiz Eduardo Soares, antropólogo e cientista político, ex-coordenador de Segurança, Justiça e Cidadania do Rio de Janeiro; Gleisi Helena Hoffmann, advogada, secretária de gestão pública da Prefeitura de Londrina; Francelino Grando, professor da Universidade Federal de São Carlos, ex-presidente do Colégio de Procuradores Gerais das Universidades Federais e secretário do Desenvolvimento Sustentável, Ciência e Tecnologia da prefeitura de São Carlos; José Sérgio Gabrielli de Azevedo, economista e pró-reitor de pesquisa e pós-graduação da Universidade Federal da Bahia; Hermínia Maricato, professora da USP, ex-secretária de Habitação da Prefeitura de São Paulo; Heitor Miranda, advogado, superintendente do Governo do Mato Grosso do Sul e Matilde Ribeiro, professora do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Ddesigualdade. O décimo primeiro nome a fazer parte da equipe de transição é José Humberto de Oliveira, sergipano de Simão Dias, diretor executivo da Associação de Orientação às Cooperativas do Nordeste – Assocene – uma organização não-governamental fundada em 1974, que congrega cooperativas da área rural da região Nordeste, trabalhando a agricultura familiar e a Reforma Agrária.

Comentários