Aprovados fazem ato e cobram convocação para a guarda prisional

0
Os aprovados foram em caminhada até o Palácio de Despacho (Foto: Sindpen)

Candidatos aprovados no último concurso para guarda prisional realizaram um ato na manhã desta terça-feira, 11. De máscaras e cumprindo distanciamento social, os aprovados ergueram faixas e saíram em caminhada até o Palácio dos Despachos na avenida Adélia Franco.

Além da convocação dos aprovados, os manifestantes cobram do Governo do Estado a criação de uma emenda para a implantação da Polícia Penal de Sergipe.

André Alves que é um dos representantes dos aprovados, diz que os manifestantes aguardam um posicionamento do Governo do Estado quanto as reivindicações da categoria. “Esse ato é um pedido de convocação que até o momento, apenas 117 aprovados foram nomeados e tantos outros estão aguardando ser chamados. Estamos indo ao Palácio para que o governo nos receba e atenda nossa demanda que é um pleito público de segurança. Queremos o cumprimento da sentença que está em vigor para nomear e empossar todos os aprovados, além de um cronograma”, informa.

André Alves é um dos representantes da categoria

O ato contou ainda com o apoio do Sindicato dos Policiais Penais de Sergipe (Sindpen). “Estamos acompanhando os aprovados neste ato e cobrando a criação da polícia penal de Sergipe. O estado já foi notificado da última decisão, mas ainda não convocou os demais aprovados”, diz o presidente do Sindpen, Wesley Alves.

Governo

Por meio de nota, o Governo disse que “todos os candidatos da carreira de guarda prisional aprovados dentro do número de vagas previstas no edital do concurso, já foram convocados. Há uma decisão judicial recomendando que o Estado crie mais vagas, o que somente pode ser feito através de projeto de Lei que deve ser enviado a Assembleia Legislativa, com impactos em cenário fiscal. O Governo está realizando um estudo para definir futuramente tal medida”, concluiu.

por Aisla Vasconcelos

Comentários