Atraso na entrega das correspondências gera confusão nas agências

0

Com a greve cerca de 600 mil correspondências deixaram de ser entregues
A greve da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos já acabou, mas o atraso na entrega das correspondências tem gerado transtornos nas agências.  De acordo com o assessor da empresa, Ginaldo de Jesus, a informação de que a população poderia procurar uma agência para retirar os documentos ocasionou uma superlotação.

“Todas as correspondências devem ser entregues no domicílio, mas uma informação divulgada na imprensa fez com que uma avalanche de pessoas procurasse as agências. É importante frisar para a população que só devem procurar uma agência dos Correios em casos de extrema emergência porque temos cerca de 180 mil cartas encaixotadas”, diz.

Ginaldo ressalta ainda que providências já foram tomadas para regularizar as entregas. “Com o fim da greve nós já regularizamos os serviços e estamos entregando cerca de 150 mil por dia. Também montamos um esquema especial que inclui cerca de 50 pessoas entre terceirizados e parte administrativa que foram colocados para acelerar as entregas”, explica.

Para informações a empresa disponibiliza os números 08007250100 e (079) 21076118.

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais