Aumento para servidores do Estado varia de 4 a 15%

0

Acompanhado dos secretários de Governo, Administração e Fazenda, o governador João Alves Filho finalmente anunciou, na tarde desta terça-feira, no Palácio de Despachos, os índices de reposição salarial dos servidores do Estado. Antes de declarar os números, o governador disse entender a ansiedade que rondava o tema. “Afinal de contas é uma medida que atinge a vida de mais de 50 mil funcionários públicos”, afirmou.

 

Em seguida, João Alves informou que o funcionalismo público do Estado deve receber aumentos que variam de 4 a 15%. Outra notícia dada é que o salário base de todos os servidores passa a ser R$ 300,00, mesmo valor do salário mínimo. Atualmente, o vencimento base pago pelo Estado aos seus funcionários é de R$ 166,00.

 

A situação da Polícia Militar, segundo João Alves, mereceu medidas especiais. “Admitimos que existe uma distorção muito grande na PM e resolvemos acabar com todos os ‘penduricalhos’ existentes no soldo recebido pelos policiais e criar uma política salarial consistente, apesar de ainda não ser a ideal”, afirmou. Os policiais também terão o vencimento base aumentado, no caso de R$ 98,00 para R$ 300,00.

 

“Um soldado, que ganha hoje R$ 890,00, passará a receber, com o aumento, R$ 1.025,00”, explicou o secretário de Administração, Mendonça Prado. Durante a entrevista, o governador informou que, em alguns casos, um militar chegava a receber 23 diferentes gratificações. “Mas para efeito de aposentadoria estes ganhos não contavam”, afirmou João Alves, que garantiu que, agora, a PM só terá três gratificações mantidas no contra-cheque: Triênio, Periculosidade e a Gratificação Especial de Atividade Militar.

 

Segundo o secretário de Administração, os servidores, com exceção da PM, já recebem os novos salários a partir do dia 1º de julho. No caso dos militares, o aumento só começa a ser pago a partir de 1º de agosto. O impacto da reposição nos gastos do Governo do Estado corresponde a 12,80%. Isto significa um aumento equivalente a R$ 6 milhões na folha de pagamento mensal. Em um ano isto perfaz a quantia de R$ 72 milhões.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais